Prova de Contabilidade Pblica Comentada Analista ... de Contabilidade Aplicada ao Setor Pblico

  • View
    214

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of Prova de Contabilidade Pblica Comentada Analista ... de Contabilidade Aplicada ao Setor Pblico

  • # Contabilidade Pblica p/ TST 2017 # Prova Comentada

    www.estrategiaconcursos.com.br 1 de 16

    Pessoal, a seguir comentamos a prova de Contabilidade Pblica aplicada

    no concurso de Analista Judicirio/Contabilidade do TST.

    A prova estava dentro do padro de exigncia esperado e conforme o

    modelo de questes que a FCC vem explorando em suas ltimas pro-

    vas.

    No identificamos em anlise preliminar possibilidades de recursos.

    Um forte abrao!

    Gilmar Possati prof.possati@gmail.com

    Curta a nossa pgina e fique ligado(a) em todas as nossas atividades.

    www.facebook.com.br/profgilmarpossati

    Inscreva-se no nosso canal no YouTube: Contabilizando

    Siga-me no Instagram: @profgilmarpossati

    Prova de Contabilidade Pblica Comentada

    Analista Judicirio/Contabilidade TST 2017

    https://www.youtube.com/channel/UC1DGf24XZoRmCWinGXanSowmailto:prof.possati@gmail.comhttp://www.facebook.com.br/profgilmarpossatihttps://www.youtube.com/c/Contabilizando?sub_confirmation=1https://www.instagram.com/profgilmarpossati/

  • # Contabilidade Pblica p/ TST 2017 # Prova Comentada

    www.estrategiaconcursos.com.br 2 de 16

    1. (FCC/Analista Judicirio/Contabilidade/TST/2017) Em dezembro de

    2016, uma determinada entidade pblica decidiu adotar o modelo de

    reavaliao, pela primeira vez, para uma classe de ativo intangvel. No

    momento da reavaliao, constatou-se que o valor bruto contbil de um

    dos ativos que estava sendo reavaliado era R$ 736.000,00 e a amorti-

    zao acumulada total referente a tal ativo era R$ 245.000,00. Aps

    anlise, verificou-se que o valor reavaliado desse ativo intangvel era R$

    410.000,00. Assim sendo, de acordo com as determinaes do Manual

    de Contabilidade Aplicada ao Setor Pblico e sabendo que a entidade

    no tem um sistema de controle patrimonial adaptado para o registro

    da reserva de reavaliao, para o registro contbil da reavaliao na

    data em que esta foi realizada, foi necessrio um

    (A) crdito de R$ 81.000,00 na conta de amortizao acumulada no ati-

    vo e um dbito de R$ 81.000,00 no resultado do perodo.

    (B) crdito de R$ 81.000,00 na conta de amortizao acumulada no ati-

    vo e um dbito de R$ 81.000,00 no patrimnio lquido.

    (C) crdito de R$ 81.000,00 na conta de reavaliao no ativo e um d-

    bito de R$ 81.000,00 no patrimnio lquido.

    (D) dbito de R$ 245.000,00 na conta de amortizao acumulada no

    ativo e um dbito de R$ 81.000,00 no resultado do perodo.

    (E) dbito de R$ 245.000,00 na conta de amortizao acumulada no

    ativo e um dbito de R$ 245.000,00 no patrimnio lquido.

    Segundo o MCASP, nos casos em que no h um sistema de controle

    patrimonial adaptado para o registro da reserva de reavaliao, as enti-

    dades podero, facultativamente, reconhecer os aumentos ou diminui-

    es relativas reavaliao de seus ativos no resultado patrimonial do

    perodo.

    Assim, se o valor contbil de uma classe do ativo diminuir em virtude

    de reavaliao, essa diminuio deve ser reconhecida no resultado do

    perodo.

    Efetuando os clculos, temos:

    Valor Bruto Contbil 736.000,00

    (-) Amortizao Acumulada (245.000,00)

    (=) Valor Contbil Lquido 491.000,00

  • # Contabilidade Pblica p/ TST 2017 # Prova Comentada

    www.estrategiaconcursos.com.br 3 de 16

    Valor reavaliado = 410.000,00

    Logo, verifica-se que houve uma diminuio do ativo em R$ 81.000,00.

    Na data da reavaliao temos o seguinte registro:

    D Amortizao Acumulada ... 245.000,00

    D VPD Reavaliao (resultado) ... 81.000,00

    C Ativo Intangvel ... 326.000,00

    Veja que nesse registro efetuamos a baixa da amortizao acumulada,

    reconhecemos a VPD no resultado decorrente da reavaliao e baixa-

    mos o valor correspondente do ativo intangvel que agora passa a figu-

    rar com o valor reavaliado (736.000,00 326.000 = 410.000,00).

    Gabarito: D

    2. (FCC/Analista Judicirio/Contabilidade/TST/2017) Determinada enti-

    dade pblica apresentou em 31/12/2016 o valor total de R$ 905.000,00

    registrado na conta contbil 4.5.1.1.2.03.00. Assim, o cdigo de tal

    conta contbil indica que o saldo desta

    (A) foi excludo nos demonstrativos consolidados do Oramento Fiscal e

    da Seguridade Social (OFSS) do mesmo ente, sendo que tal conta per-

    tence classe da natureza de informao oramentria do Plano de

    Contas Aplicado ao Setor Pblico.

    (B) foi excludo nos demonstrativos consolidados do Oramento Fiscal e

    da Seguridade Social (OFSS) do mesmo ente, sendo que tal conta per-

    tence classe da natureza de informao patrimonial do Plano de Con-

    tas Aplicado ao Setor Pblico.

    (C) foi excludo nos demonstrativos consolidados do Oramento Fiscal e

    da Seguridade Social (OFSS) do mesmo ente, sendo que tal conta per-

    tence classe da natureza de informao de resultado do Plano de Con-

    tas Aplicado ao Setor Pblico.

    (D) no foi excludo nos demonstrativos consolidados do Oramento

    Fiscal e da Seguridade Social (OFSS), sendo que tal conta pertence

    classe da natureza de informao patrimonial do Plano de Contas Apli-

    cado ao Setor Pblico.

    (E) no foi excludo nos demonstrativos consolidados do Oramento Fis-

    cal e da Seguridade Social (OFSS), sendo que tal conta pertence clas-

  • # Contabilidade Pblica p/ TST 2017 # Prova Comentada

    www.estrategiaconcursos.com.br 4 de 16

    se da natureza de informao de resultado do Plano de Contas Aplicado

    ao Setor Pblico.

    As contas contbeis do PCASP so identificadas por cdigos com 7 n-

    veis de desdobramento, compostos por 9 dgitos.

    Segundo o MCASP, a fim de possibilitar a consolidao das contas pbli-

    cas nos diversos nveis de governo, com a adequada elaborao das

    DCASP e do BSPN, foi criado no PCASP um mecanismo para a segrega-

    o dos valores das transaes que sero includas ou excludas na con-

    solidao. Este mecanismo consiste na utilizao do 5 nvel (Subttulo)

    das classes 1, 2, 3 e 4 do PCASP (contas de natureza patrimonial) para

    identificar os saldos recprocos, da seguinte forma:

    5 Nvel (Subttulo) Consolidao

    x.x.x.x.1.xx.xx CONSOLIDAO

    Compreende os saldos que no sero excludos

    nos demonstrativos consolidados do oramen-

    to fiscal e da seguridade social (OFSS).

    x.x.x.x.2.xx.xx INTRA OFSS

    Compreende os saldos que sero excludos nos

    demonstrativos consolidados do Oramento

    Fiscal e da Seguridade Social (OFSS) do mes-

    mo ente.

    x.x.x.x.3.xx.xx INTER OFSS UNI-

    O

    Compreende os saldos que sero excludos nos

    demonstrativos consolidados do Oramento

    Fiscal e da Seguridade Social (OFSS) de entes

    pblicos distintos, resultantes das transaes

    entre o ente e a Unio.

    x.x.x.x.4.xx.xx INTER OFSS ES-

    TADO

    Compreende os saldos que sero excludos nos

    demonstrativos consolidados do Oramento

    Fiscal e da Seguridade Social (OFSS) de entes

    pblicos distintos, resultantes das transaes

    entre o ente e um estado.

    x.x.x.x.5.xx.xx INTER OFSS MU-

    NICPIO

    Compreende os saldos que sero excludos nos

    demonstrativos consolidados do Oramento

    Fiscal e da Seguridade Social (OFSS) de entes

    pblicos distintos, resultantes das transaes

    entre o ente e um municpio.

    X . X . X . X . X . XX . XX

    1 Nvel Classe (1 dgito) 2 Nvel Grupo (1 dgito) 3 Nvel Subgrupo (1 dgito) 4 Nvel Ttulo (1 dgito) 5 Nvel Subttulo (1 dgito) 6 Nvel Item (2 dgitos) 7 Nvel Subitem (2 dgitos)

  • # Contabilidade Pblica p/ TST 2017 # Prova Comentada

    www.estrategiaconcursos.com.br 5 de 16

    Assim, traduzindo a codificao apresentada na questo, temos:

    4. 5.1.1.2.03.00

    Geralmente nas questes de prova exige-se o conhecimento do primeiro

    dgito (e sua classificao no mbito das naturezas de informao) e do

    quinto dgito, a exemplo desta questo.

    Assim, para chegar ao gabarito tnhamos de saber que a classe 4 Va-

    riao Patrimonial Aumentativa pertencia a natureza de informao

    patrimonial e o quinto dgito sendo 2 compreende os saldos que

    sero excludos nos demonstrativos consolidados do Oramento

    Fiscal e da Seguridade Social (OFSS) do mesmo ente.

    No algo fcil de resgatar na memria na hora da prova.

    Gabarito: B

    3. (FCC/Analista Judicirio/Contabilidade/TST/2017) Em uma situao

    hipottica, no exerccio financeiro de 2016, uma entidade pblica rece-

    beu uma transferncia intragovernamental no valor de R$ 600.000,00

    para cobrir despesas correntes. Assim, de acordo com as determinaes

    do Manual de Contabilidade Aplicada ao Setor Pblico, em 31/12/2016,

    tal transferncia foi classificada na Demonstrao dos Fluxos de Caixa

    da entidade pblica como ingresso nos fluxos de caixa das atividades

    (A) de investimento e foi evidenciada no Quadro de Transferncias Re-

    cebidas e Concedidas que compe a Demonstrao dos Fluxos de Caixa.

    VPA

    Transferncias

    Intragovernamentais

    Transferncias

    Recebidas

    Transferncias Recebidas p/ Execuo

    oramentria

    Intra OFSS

    Detalhamento

    Especfico

  • # Contabilidade Pblica p/ TST 2017 # Prova Comentada

    www.estrategiaconcursos.com.br 6 de 16

    (B) de financiamento e foi evidenciada no Quadro de Receitas Derivadas

    e Originrias que compe a Demonstrao dos Fluxos de Caixa.

    (C) de financiamento