Clipping_Junho_Editora DSOP

  • View
    248

  • Download
    23

Embed Size (px)

DESCRIPTION

 

Text of Clipping_Junho_Editora DSOP

ndice2

3 - APEOESP4 - Instituto Ethos6 - O Dia09 - jornal O Liberal10 - CBN11 - blog O Estado13 - Gazeta AM14 - O Dirio16 - Jornal de Braslia17 - Dirio de Petrpolis19 - Canto do Livro20 - Tribuna do Norte22 - Rdio Clube24 - Novo Oeste26 - S Esporte28 - Maxpress30 - Futebol Interior32 - Maxpress34 - Madeira Total36 - Observatrio da Imprensa39 - Bssola Literria65 - Vrgula (UOL)67 - El Pas70 - Fut'N'roll75 - Click RBS77 - Maxpress79 - BOL91 - Leituras e Observaes94 - Redentre96 - Maxpress98 - O Norte99 - Futebol Interior101 - A Tarde104 - O Norte105 - Gazeta Online110 - O Povo114 - Tribuna do Norte116 - Dirio de Santa Maria118 - Jornal Contagem120 - Publish News122 - 9ets124 - Publishnews125 - O Tempo (Pampulha)130 - Empresario133 - Dirio do Comrcio135 - Voe Gol (revista)

Veculo: APEOESPData: 30/06/2014Editoria: LivroSite: https://www.google.com.br/url?sa=t&rct=j&q=&esrc=s&source=web&cd=8&cad=rja&uact=8&ved=0CFgQFjAH&url=http%3A%2F%2Fwww.apeoesp.org.br%2Fd%2Fsistema%2Fpublicacoes%2F726%2Farquivo%2Fboleduc44414.pdf&ei=dbCyU67wAYOisATuroDwCg&usg=AFQjCNEwd1fwn1bew6SCLCv36m8W1sY10Q&bvm=bv.69837884,d.cWc

Veculo: Instituto EthosData: 30/06/2014Editoria: LivroSite http://www3.ethos.org.br/cedoc/livro-aborda-o-tema-da-sustentabilidade-para-criancas/#.U76rV_ldXqV

Livro aborda o tema da sustentabilidade para crianas

Sensvel e tocante, a obra leva crianas e adultos a observar o mundo pelo prisma do respeito s diferenas e da amizade como valor absoluto.Que as rvores so fundamentais para a vida no planeta um fato inquestionvel, e os fatores so inmeros. Contudo, tem mais: as rvores, com suas belezas e diferenas, tambm podem nos ensinar um pouco sobre ns mesmos. Mostrar para as crianas e adultos como isso pode ser feito a proposta do livroA Lio das rvores(Editora DSOP). Escrita pelo educador italiano Roberto Parmeggiani, com ilustraes do seu conterrneo Attilio Palumbo, a obra conquistou grande sucesso em seu pas de origem. No Brasil, recebeu recentemente o selo Melhores Livros da revistaCrescer.Parmeggiani trabalha com crianas e pessoas com deficincia, realizando oficinas e animaes em escolas. Administra sesses de formao para professores, assistentes sociais, educadores e pais que tm de lidar com a diversidade e com a deficincia, em particular.Para ele, o tema central da obra o amanh: Trabalho com educao h muitos anos e, com o passar do tempo, me convenci de que um dos temas centrais o futuro. Como o imaginamos? O que queremos construir? Quais os nossos sonhos e como pretendemos alcan-los? Se eu meditar sobre as respostas a essas perguntas, logo penso em crianas e natureza, tanto separadamente quanto na relao entre elas, pois as crianas e a natureza so o futuro da humanidade.O livro conversa com o clssicoA rvore Generosa, do norte-americano Shel Silverstein. Brota do mesmo imaginrio em que floresceu a fbula de uma rvore que falava com seu melhor amigo, ensinando a ele a generosidade, o desapego e a amizade que nada quer em troca.EmA Lio das rvores,o meninoEnrico,personagemcentral, tem sempre uma pergunta pendurada na ponta do pensamento e fala mais do que a boca. Paola, sua colega de classe, no fala, nenhuma palavra, mesmo quando os outros meninos a provocam ou riem dela.Assim, Enrico conta com a fala do professor Dino, eterno interlocutor da infncia, para compreender o que lhe escapa. Recorrendo natureza, como faziam os antigos filsofos, o professor desperta o olhar do menino para a beleza da diversidade e a riqueza da convivncia com o outro, igual ou diferente de ns. Um livro tocante, que encantar adultos e crianas e os levar a olhar o mundo pelo prisma do respeito s diferenas e da amizade como valor absoluto.SERVIOTtulo:A Lio das rvores;Autores:Roberto Parmeggiani (textos) e Attlio Palumbo (ilustraes);Editora:DSOP;Nmero de pginas:56;Preos:R$ 39,90 (impresso) e R$ 19,90 (verso digital).30/6/2014

Veculo: O DiaData: 29/06/2014Editoria: LivroSite: http://odia.ig.com.br/diversao/2014-06-29/inspiradas-na-copa-editoras-lancam-livros-em-que-o-futebol-e-o-protagonista.html

Inspiradas na Copa, editoras lanam livros em que o futebol o protagonistaPublicaes vo alm da zona esportiva. Dos estdios lotados a campinhos enlameados, trajetria do futebol se mistura vida poltica, social e cultural da naoKARINA MAIA

Joo Carlos Assumpo, um dos autores de Deuses da Bola 100 Anos da SeleoFoto:DivulgaoRio -A bola tem rolado solta no campo da literatura. Com a Copa do Mundo a pleno vapor em territrio nacional, muitas editoras aproveitaram para lanar e relanar histrias em que o futebol o grande protagonista. Em forma de prosa, poesia, ilustraes ou fotografias, a paixo nacional ganha registros desde o primeiro jogo da seleo brasileira, que completa o seu centenrio este ano.As publicaes vo alm da zona esportiva. Dos estdios lotados a campinhos enlameados, a trajetria do nosso futebol se mistura vida poltica, social e cultural da nao. Termos vencido a Copa de 58, na Sucia, mudou a maneira como ns, brasileiros, nos enxergamos, bem como o mundo todo, arrisca Gisela Zincone, editora da Gryphus, referindo-se a nossa primeira conquista do Mundial.No toa, ela acaba de lanar trs ttulos, que complementam uma srie iniciada em 98: Didi O Gnio da Folha-Seca, de Pris Ribeiro (300 pgs., R$ 49,90); Milha Bola, Minha Vida, autobiografia de Nilton Santos (248 pgs., R$ 40), e Jogada Ilegal (232 pgs., R$ 44,90), de Lus Aguiar, sobre os escndalos que cercam a Fifa. O que ns estamos tentando na Gryphus pegar esta paixo nacional e transform-la na histria do pas, completa Gisela.Em 1950, na primeira Copa que sediamos, a Fifa j exigia um padro nos estdios e os brasileiros j atrasavam as obras necessrias. Alguns fatos se repetem at hoje. Outros, causam surpresa e uma certa nostalgia. Em 1914, a Argentina marcou um gol contra o Brasil. O juiz, que era brasileiro, no viu e no considerou o lance. Mas os prprios jogadores argentinos avisaram o que havia acontecido, conta o jornalista Joo Carlos Assumpo. Essa uma das curiosidades contidas nas pginas de Deuses da Bola 100 Anos da Seleo Brasileira (ed. DSOP, 4320 pgs., R$ 49,90), que ele assina com Eugenio Goussinsky.A pesquisa que originou o livro comeou ainda na dcada de 90. Na poca, Assumpo e Goussinsky comearam a coletar fatos que antecederam as vitrias do Brasil em Copas do Mundo, alm da trajetria do time canarinho, de 1914 at hoje. A Seleo comeou a ir bem e o povo se orgulhava muito disso. Existe essa relao muito forte. Mas, s vezes, o torcedor tambm entra na oposio, avalia Assumpo, citando alguns ocorridos, como quando parte da populao torceu contra o Brasil, na Copa de 70, por medo que a vitria favorecesse a ditadura.

Foto do livro Onde Mora a Bola, em que o fotgrafo Caio Vilela registra peladas de futebol pelo pasFoto:DivulgaoMas no s dentro dos estdios e em grandes campeonatos que o futebol inspira os brasileiros. Que o diga o fotgrafo Caio Vilela, que passou dez anos registrando peladas de rua por cinco regies do pas para o seu livro Onde Mora o Futebol (ed. Cultura Sustentvel, 152 pgs., R$ 80). a que mora a infncia de estrelas como o Zico e o Garrincha, que vieram de bairros muito pobres, comenta Vilela, que, em vez de jogar, prefere apenas registrar a poesia das partidas improvisadas na rua. Vejo o futebol mais como arte do que como esporte, explica ele.Alis, no s Vilela que pensa assim. O escritor Jos Santos e seu filho Jonas Worcman de Matos tambm fazem parte desse time. Os dois so os autores de Show de Bola (ed. FTD, 48 pgs., R$ 31,90), que acaba de ser relanado como e-book, com poemas bem-humorados sobre o esporte mais popular do pas. A gente v que essa paixo hereditria, est no nosso DNA, diz Jos Santos. Em 2002, quando seu filho tinha apenas 6 anos, j acompanhava o pai e acordava de madrugada para assistir Copa do Mundo, que naquele ano foi na Coreia. Aos 8, comeou a escrever poesia e aos 14, em 2010, lanou o livro com o pai. Aqui, o futebol extrapola as fronteiras do esporte. Temos uma grande produo cultural em volta disso, resume.

Veculo: jornal O LiberalData: 29/06/2014Editoria: LivroSite:

Veculo: CBNData: 27/06/2014Editoria: LivroSite: http://cbn.globoradio.globo.com/comentaristas/mauricio-kubrusly/MAURICIO-KUBRUSLY.htm

Veculo: blog O EstadoData: 24/06/2014Editoria: Educao FinanceiraSite: http://www.blogsoestado.com/bigua/

Brasil contra Chile, boas lembranas desde o primeiro jogo!

PorBigu quarta-feira, 25 de junho de 2014 s 17:190comentrioO Brasil passou para as oitavas de final da Copa do Mundo e a alegria grande. Para os torcedores que gostam de um pouco de histria, a lembrana do primeiro jogo da Seleo Brasileira contra a seleo do Chile muito positiva. isso o que mostra um dos captulos do livroDeuses da Bola 100 Anos da Seleo Brasileira,de Joo Carlos Assumpo e Eugenio Goussinsky, lanado pela Editora DSOP.O jogo aconteceu em 13 de junho de 1962, na Copa do Chile. Enfrentar o time da casa numa Copa do Mundo, nunca tarefa fcil. Preocupado com a presso da torcida, Paulo Machado de Carvalho decidiu manter a seleo concentrada em Via del Mar e viajar para Santiago, de trem, momentos antes da partida. O Brasil venceu por 4 2, e, para Nlton Santos, ento com 37 anos, o jogo exigiu muito dos velhinhos.No prximo jogo, no estdio Nacional de Santiago, que estava completamente lotado, o Brasil venceria a Tchecoslovquia de virada por 3 1. Nem os xingamentos, nem as pedradas, que atingiram at o pacfico Garrincha, depois de ter sido injustamente expulso, nem as jogadas violentas dos adversrios foram suficientes para derrubar o Brasil. Pela segunda vez, o time era vencedor de um mundial. Gols de Amarildo, Zito e Vav para os bicampees.Desde ento, o Brasil nunca perdeu para o Chile em Copas, tendo vencido em 1998 por 4 a 1 e em 2010 por 3 a 1. Apesar de sermos ns desta vez o time da casa, vamos torcer para que a histria se repita e, depois de p