of 51/51
Projetos para Monografias, Dissertações e Teses - como se caracterizam e se diferenciam Cláudio Roberto Schmitz Junior Clênia de Oliveira Pires Felipe André Stein Maio/2011

Diferenças tcc

  • View
    4.960

  • Download
    4

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Teste Programa.

Text of Diferenças tcc

  • 1. Projetos para Monografias, Dissertaes e Teses - como se caracterizam e se diferenciam Cludio Roberto Schmitz Junior Clnia de Oliveira Pires Felipe Andr Stein Maio/2011

2. Roteiro

  • 1. Introduo
  • 2. Monografia
  • 3. Dissertao
  • 4. Tese
  • 5. Projeto de trabalho acadmico
  • 6. Estrutura do trabalho acadmico
  • 7. Particularidades
  • 8. Concluso
  • Referncias

3. 1. Introduo

  • Esta apresentao tem por objetivo discorrer sobre monografias, dissertaes e teses, caracterizando-as e diferenciando-as; bem como, expor normas e regras vigentes, atualmente, no pas e na presente universidade.

4. 2. Monografia

  • Texto elaborado dentro de regras especficas e resultante de estudo aprofundado sobre determinado tema.
  • Ferreira (2010, p. 514 - Mini Aurlio)

5. 2. Monografia

  • No sentido etimolgico:
      • mnos: um s
      • graphein: escrever
  • Monografia pressupe a realizao de um trabalho intelectual orientado pelas idias de especificao, de foco, de recorte da realidade investigada, de delimitao do campo investigado, de reduo da abordagem a um s tema, a uma s problemtica.
  • Tachizawa (2004)

6. 2. Monografia

  • um trabalho acadmico que tem por objetivo a reflexo sobre um tema ou problema especfico e que resulta de um processo de investigao sistemtica.
  • A monografia implica em anlise crtica, reflexo e aprofundamento por parte do autor.
  • Bastos (2000)

7. 2. Monografia

  • Implica muito mais na atividade deextraodo queproduode conhecimento.
  • Sua qualidade evidenciada pelacriatividadedo autor durante a exposio daleituraeinterpretaodo contedo tematizado.
  • Martins e Lintz (2000)

8. 2. Monografia

  • Monografia o estudo sobre um tema especfico ou particular, com suficiente valor representativo e que obedece a uma rigorosa metodologia.
  • Marconi e Lakatos (2002, p. 227)

9. 2. Monografia

  • Trabalho de concluso de curso de graduao, trabalho de graduao interdisciplinar, trabalho de concluso de curso de especializao e/ou aperfeioamento:
  • Documento que apresenta o resultado de estudo, devendo expressar conhecimento do assunto escolhido, que deve ser obrigatoriamente emanado da disciplina, mdulo, estudo independente, curso, programa, e outros ministrados. Deve ser feito sob a coordenao de um orientador.
  • ABNT. NBR 14724 (2011, p. 04)

10. 2. Monografia

  • Exemplo de monografia:
  • SOARES, Jeannette Oliveira Santos.Comportamento e relaes interpessoais nas organizaes: breve anlise da SEFAZ/BA aps a implementao do PROMOSEFAZ.Monografia (Especializao) UFBA / Faculdade de Cincias Contbeis. Salvador: UFBA, 2004. Disponvel em: . Acesso em 06 maio 2011.

11. 3. Dissertao

  • Exposio desenvolvida de matria doutrinria, cientfica ou artstica. Exposio de matria estudada. Discorrer. Discursar.
  • Ferreira (2010, p. 259 - Mini Aurlio)

12. 3. Dissertao

  • A dissertao de mestrado dever evidenciar conhecimento da literatura existente e a capacidade de investigao do candidato, podendo ser baseada em trabalho experimental, projeto especial ou contribuio tcnica.
  • Vergara (2000, ps. 20-21)

13. 3. Dissertao

  • Documento que apresenta o resultado de um trabalho experimental ou exposio de um estudo cientfico retrospectivo, de tema nico e bem delimitado em sua extenso, com o objetivo de reunir, analisar e interpretar informaes. Deve evidenciar o conhecimento de literatura existente sobre o assunto e a capacidade de sistematizao do candidato. feito sob a coordenao de um orientador (doutor), visando a obteno do ttulo de mestre.
  • ABNT. NBR 14724 (2011, p. 02)

14. 3. Dissertao

  • Segundo Lakatos e Marconi (1985, p. 157), a dissertao tem carter didtico, pois se constitui em um treinamento ou iniciao investigao.
  • A dissertao de mestrado um trabalho ainda vinculado a uma fase de formao cientfica, sendo um exerccio diretamente orientado, primeira manifestao de trabalho pessoal sistemtico de pesquisa, admite trabalhos sob a forma de monografias de base, trabalhos de sistematizao de idias.
  • Bianchetti e Machado (2002, p. 81)

15. 3. Dissertao

  • Como estudo terico, de natureza reflexiva, a dissertao requer sistematizao, ordenao e interpretao dos dados. Por ser um estudo formal, exige metodologia prpria do trabalho cientfico.
  • A dissertao situa-se entre a monografia e a tese, porque aborda temas em maior extenso e profundidade do que aquela e fruto de reflexo e de rigor cientfico, prprio desta ltima.
  • Lakatos e Marconi (1985, p. 157)

16. 3. Dissertao

  • Exemplo de dissertao:
  • SILVA, Ana Paula Batista da.Um estudo sobre a contribuio da pesquisa cientfica na prtica da profisso contbil.Dissertao (Mestrado) UNISINOS /Programa de Ps-graduao em Cincias Contbeis. So Leopoldo:UNISINOS, 2010. Disponvel na Base de Dados UNISINOS. Acesso em 06 maio 2011.

17. 4. Tese

  • Proposio formulada nos estabelecimentos de ensino superior (...) para ser defendida em pblico. A publicao que contm uma tese.
  • Ferreira (2010, p. 737 - Mini Aurlio)

18. 4. Tese

  • Salomon (1977, p. 219) define tese como sendo o tratamento escrito de um tema especfico que resulte de investigao cientfica com o escopo de apresentar uma contribuio relevante ou original e pessoal cincia.

19. 4. Tese

  • Documento que apresenta o resultado de um trabalho experimental ou exposio de um estudo cientfico de tema nico e bem delimitado. Deve ser elaborado com base em investigao original, constituindo-se em real contribuio para a especialidade em questo. feito sob a coordenao de um orientador (doutor) e visa a obteno do ttulo de doutor, ou similar.
  • ABNT. NBR 14724 (2011, p. 04)

20. 4. Tese

  • Os cursos de doutorado exigem a defesa da tese para conferir ao discente o grau de Doutor, tambm chamado como Ph.D. ( Philosophys Doctor ).
  • Gradschool (2011)

21. 4. Tese

  • A tese se distingue da dissertao pela contribuio significativa na soluo de problemas importantes, colaborando para o avano cientfico, na rea em que o estudo se realiza.
  • A tese apresenta o mais alto nvel de pesquisa. um tipo de trabalho cientfico que levanta, coloca e soluciona problemas; argumenta e apresenta razes, baseadas na evidncia dos fatos, com o objetivo de provar se as hipteses levantadas so falsas ou verdadeiras.
  • Lakatos e Marconi (1985, ps. 157 e 165)

22. 4. Tese

  • Enquanto que a dissertaosignifica discorrer sobre determinado tema de forma abrangente e sistemtica, no requerendo normalmente originalidade, a tese tem um rigor maior, tanto do ponto de vista metodolgico como terico.
  • Souza (1991, p 153)

23. 4. Tese

  • Exemplo de tese:
  • MACHADO, Mrcia Reis.As informaes sociais e ambientais evidenciadas nos relatrios anuais das empresas: a percepo dos usurios.Tese (Doutorado) USP /Programa de Ps-graduao em Cincias Contbeis. So Paulo:USP, 2010. Disponvel em: . Acesso em 06 maio 2011.

24. 5. Projeto de trabalho acadmico

  • Projeto de pesquisa um texto que define e mostra, com detalhes, o planejamento do caminho a ser seguido na construo de um trabalho cientfico de pesquisa. um planejamento que impe ao autor ordem e disciplina para execuo do trabalho de acordo com os prazos estabelecidos.
  • Roesch (1999)

25. Estrutura de um projeto de pesquisa ABNT. NBR 15287 (2011) 5. Projeto de trabalho acadmico 26. mico ABNT. NBR 14724 (2011, p. 05) 27. 5. Projeto de trabalho acadmico

  • Os elementos textuais devem ser constitudos de umaparte introdutria , na qual deve ser expostoo temado projeto,o problemaa ser abordado,a(s) hiptese(s) , quando couber(em), bem com,o(s) objetivo(s)a ser(em) atingido(s) ea(s) justificativa(s) .
  • necessrio que sejam indicadoso referencial tericoque o embasa,a metodologiaa ser utilizada, assim comoos recursoseo cronogramanecessrios sua consecuo.
  • ABNT. NBR 15287 (2011, p. 05)

28. 5. Projeto de trabalho acadmico

  • O tema:
  • o assunto que se deseja estudar e pesquisar.
  • Deve ser preciso, bem determinado e especfico.
  • Responde pergunta:O que ser explorado?
  • Marconi e Lakatos (2002, p. 25)

29. 5. Projeto de trabalho acadmico

  • Algumas regras para escolha do tema:
  • Que o tema responda aos interesses do candidato
  • Que as fontes de consulta sejam acessveis
  • Que as fontes de consulta sejammanejveis
  • Que o quadro metodolgicoda pesquisa esteja ao alcance da experincia do candidato
  • Que o professor seja adequado
  • Eco (2009, p.6)

30. 5. Projeto de trabalho acadmico

  • O problema :
  • Na acepo cientfica, problema qualquer questo no solvida e que objeto de discusso.
  • Um problema testvel cientificamente quando envolve variveis que podem observadas ou manipuladas.
  • Gil (1995, ps. 52-53)

31. 5. Projeto de trabalho acadmico

  • A(s) hiptese(s):
  • uma suposta resposta ao tema a ser investigado.
  • uma proposio que se forma e que ser aceita ou rejeitada somente depois de devidamente testada.
  • Gil (1995, p. 60)

32. 5. Projeto de trabalho acadmico

  • O(s) objetivo(s) :
  • Geral :
  • Define o propsito do trabalho.
  • Roesch (1999, p. 97)
  • Especficos :
  • Apresentam carter mais concreto. Tm funo intermediria e instrumental, permitindo, de um lado, atingir o objetivo geral e, de outro, aplicar este a situaes particulares.
  • Lakatos e Marconi (1985, ps. 157 e 165)

33. 5. Projeto de trabalho acadmico

  • A(s) justificativa(s):
  • Justificar apresentar razes para a prpria existncia do projeto.
  • Em termos gerais, possvel justificar um projeto atravs de sua importncia, oportunidade e viabilidade.
  • Roesch (1999, p. 99)

34. 5. Projeto de trabalho acadmico

  • Segundo Silva et. al. (2004, p. 100), as etapas essenciais para compor o projeto de pesquisa para a dissertao de Mestrado em Cincias Contbeis so:
  • a) Ttulo;
  • b) Introduo;
  • c) Caracterizao do Problema;
  • d) Objetivos (Geral e Especficos);
  • e) Justificativa ou Relevncia;
  • f) Delimitao do Estudo;
  • g) Proceder Metodolgico ou Metodologia;
  • h) Referencial Terico ou Reviso da Literatura;
  • i) Referncias;
  • j) Cronograma.

35. 6. Estrutura do trabalho acadmicoABNT. NBR 14724 (2011, p. 05) 36. 37. 6. Estrutura do trabalho acadmico

  • A ficha catalogrfica (verso da folha de rosto), a folha de aprovao e o resumo na lngua estrangeira so obrigatrios para Curso de Especializao, MBA, Dissertao e Tese.
  • Aconselha-se a consulta ao orientador sobre essas questes.
  • UNISINOS (2011, p. 07)

38. 6. Estrutura do trabalho acadmico

  • Os elementos textuais (introduo, desenvolvimento e concluso) so subdivididos, de modo a facilitar sua compreenso, mas no h regras definidas para isso.
  • Beuren (2008, p. 174)

39. 6. Estrutura do trabalho acadmico

  • O texto composto de uma parte introdutria, que apresenta os objetivos do trabalho e as razes de sua elaborao; o desenvolvimento, que detalha a pesquisa ou estudo realizado; e uma parte conclusiva.
  • ABNT. NBR 14724 (2011, p. 08)

40. Estrutura tpica de um relatrio de pesquisa

  • Fonte: Collis e Hussey, 2005, p. 266.

Captulo/seo Descrio Percentagem de relatrio Introduo Uma explicao precisa sobre qual o assunto da pesquisa e por que importante e interessante; as perguntas ou hipteses da pesquisa tambm devem ser apresentadas 10 Exame da literatura Uma anlise crtica do que outros pesquisadores disseram sobre o assunto e onde seu projeto se encaixa 20 Metodologia Uma explicao sobre por que voc coletou certos dados, que dados voc coletou, de onde os coletou, quando os coletou, como os coletou e como os analisou 15 Resultados Uma apresentao dos resultados de sua pesquisa 22 Anlise e discusso Uma anlise de seus resultados mostrando a contribuio para o conhecimento e apontando quaisquer fraquezas/limitaes 20 Concluses Uma descrio das principais lies a serem aprendidas de seu estudo e quais futuras pesquisas devem ser conduzidas 12 Referncias Uma lista detalhada, alfabtica ou numrica, das fontes das quais informaes foram obtidas e que foram citadas no texto 1 Apndices Dados detalhados citados, mas no exibidos em outro lugar Total 100 41. 7. Particularidades

  • Alguns autores, apesar de darem o nome genrico de monografia a todos os trabalhos cientficos, diferenciam uns dos outros (monografia, dissertao e tese) de acordo com o nvel da pesquisa, a profundidade e a finalidade do estudo, a metodologia utilizada e a originalidade do tema e das concluses.
  • Lakatos e Marconi (1985, p. 153)
  • Fonte: Collis e Hussey, 2005, p. 266.

42. 7. Particularidades

  • Capes (2011); Explicatudo (2011)

43. 7. Particularidades

  • Tamanho aproximado de relatrios de pesquisa
  • Fonte: Collis e Hussey, 2005, p. 266.

Tipo de relatrio de pesquisa Tamanho tpico Monografia de graduao 15.000-20.000 palavras Dissertao de mestrado profissional 20.000 palavras Dissertao de mestrado 40.000 palavras Tese de doutorado 80.000 palavras 44. 7. Particularidades

  • Nos programas de ps-graduao, a delimitao e o desenvolvimento da investigao cientfica precisam ser estruturados a partir deLinhas de Pesquisa .
  • So elas que constituem a referncia central para a docncia, para a definio dos ncleos de estudos, para o delineamento da temtica das dissertaes e teses, para a produo cientfica dos docentes e discentes.
  • Bianchetti e Machado (2002, p. 75)
  • Fonte: Collis e Hussey, 2005, p. 266.

45. 7. Particularidades

  • Exigncia formal dos cursos de ps-graduao, oExame de Qualificao um momento intermedirio importante para o desenvolvimento da pesquisa e da elaborao da dissertao ou da tese.
  • Trata-se de uma avaliao preliminar* dos resultados obtidos pelo ps-graduando numa fase que no seja nem muito inicial nem muito final, de modo que o aluno possa, eventualmente, reorientar suas atividades de pesquisa e reflexo.
  • Bianchetti e Machado (2002, p. 79)
  • * Esta avaliao preliminar feita por uma banca na qual, alm do orientador, atuam dois outros examinadores.
  • Fonte: Collis e Hussey, 2005, p. 266.

46. 7. Particularidades

  • A avaliao emdefesa pblicada dissertao ou tese, quando conduzida de forma construtiva, tem significado relevante na vida cientfica, visto que a banca atesta a contribuio trazida pelo trabalho.
  • Omais adequadoseria que o ps graduando preparasse, dentro de um prazo mnimo razovel, os exemplares destinados ao acervo permanente da instituio, com o texto revisado,incorporando as sugestes feitas por ocasio da defesa .
  • Bianchetti e Machado (2002, p. 81)
  • Fonte: Collis e Hussey, 2005, p. 266.

47. 8. Concluso

  • Monografias, dissertaes e teses so trabalhos acadmicos que exigem anlise crtica e obedincia a uma estrutura, a procedimentos metodolgicos e a normas e regras previamente definidas. Entretanto, distinguem-se por obedecerem a esta ordem crescente em relao originalidade, profundidade e extenso.

48. Referncias

  • ASSOCIAO BRASILEIRA DE NORMAS TCNICAS.NBR 14724: informao e documentao - trabalhos acadmicos apresentao.3. ed. Rio de Janeiro: ABNT, 2011a.
  • ASSOCIAO BRASILEIRA DE NORMAS TCNICAS.NBR 15287: informao e documentao - projeto de pesquisa - apresentao.Rio de Janeiro: ABNT, 2011b.
  • BASTOS, Llia da Rocha.Manual para a elaborao de projetos e relatrios de pesquisa, teses, dissertaes e monografias.5. ed. Rio de Janeiro: LTC, 2000-2001.
  • BEUREN, Ilse Maria, et.al.Como Elaborar trabalhos monogrficos em contabilidade: teoria e prtica.3. ed. So Paulo: Atlas, 2008.
  • BIANCHETTI, Lucdio e MACHADO, Ana Maria Netto (organizadores).A Bssola do escrever: desafios e estratgias na orientao de teses e dissertaes.Florianpolis: Ed. Da UFSC; So Paulo: Cortez, 2002.
  • CAPES.Coordenao de Aperfeioamento de Pessoal de Nvel Superior . Disponvel em: . Acesso em 06 maio 2011.
  • COLLIS, Jill e HUSSEY, Roger.Pesquisa em administrao: um guia prtico para alunos de graduao e ps-graduao.2. ed. Porto Alegre: Bookman, 2005.
  • ECO, Umberto.Como se faz uma tese.22.ed. So Paulo: Perspectiva ,2009.
  • EXPLICATUDO.Explica Tudo . Disponvel em: . Acesso em 06 maio 2011.

49. Referncias

  • FERREIRA, Aurlio Buarque de Holanda.Mini Aurlio: o dicionrio da lngua portuguesa.8. ed. Curitiba: Positivo, 2010.
  • GIL, Antonio Carlos.Como elaborar projetos de pesquisa.5. ed. So Paulo: Atlas, 1995.
  • GRADSCHOOL.Graduate School.Disponvel em:
  • LAKATOS, Eva Maria e MARCONI, Marina de Andrade.Metodologia do trabalho cientfico: procedimentos bsicos, pesquisa bibliogrfica, projeto e relatrio, publicaes e trabalhos cientficos.So Paulo: Atlas, 1985.
  • MACHADO, Mrcia Reis.As informaes sociais e ambientais evidenciadas nos relatrios anuais das empresas: a percepo dos usurios.Tese (Doutorado) USP /Programa de Ps-graduao em Cincias Contbeis. So Paulo:USP, 2010. Disponvel em: . Acesso em 06 maio 2011.
  • MARCONI, Marina de Andrade e LAKATOS, Eva Maria .Tcnicas de pesquisa: planejamento e execuo de pesquisas, elaborao, anlise e interpretao de dados.5. ed. So Paulo: Atlas, 2002.

50. Referncias

  • MARTINS, Gilberto de Andrade e LINTZ, Alexandre.Guia para elaborao de monografias e trabalhos de concluso de curso.So Paulo: Atlas, 2000.
  • ROESCH, Sylvia Maria Azevedo.Projetos de estgio e de pesquisa em administrao: guia para estgios, trabalhos de concluso, dissertaes e estudos de caso.2. ed. So Paulo: Atlas, 1999.
  • SALOMON, Dcio Vieira.Como fazer uma monografia: elementos de metodologia de trabalho cientfico.Belo Horizonte: Interlivros, 1977.
  • SILVA, Ana Paula Batista da.Um estudo sobre a contribuio da pesquisa cientfica na prtica da profisso contbil.Dissertao (Mestrado) UNISINOS /Programa de Ps-graduao em Cincias Contbeis. So Leopoldo:UNISINOS, 2010. Disponvel na Base de Dados UNISINOS. Acesso em 06 maio 2011.
  • SILVA, Maurcio Corra da, et. al.Procedimentos metodolgicos para a elaborao de projetos de pesquisa relacionados a dissertaes de mestrado em cincias contbeis.Revista Contabilidade & Finanas - USP, So Paulo, n. 36, p. 97 - 104, setembro/dezembro 2004. Disponvel em: . Acesso em 06 maio 2011.

51. Referncias

  • SOARES, Jeannette Oliveira Santos.Comportamento e relaes interpessoais nas organizaes: breve anlise da SEFAZ/BA aps a implementao do PROMOSEFAZ.Monografia (Especializao) UFBA / Faculdade de Cincias Contbeis. Salvador: UFBA, 2004. Disponvel em: . Acesso em 06 maio 2011.
  • SOUZA, Nali de Jesus.Consideraes sobre a dissertao de mestrado.Artigo publicado na Revista Anlise Econmica. UFRGS. Ano 9, n. 16, set. 1991, p. 153-165. Tambm disponvel em: http://www.nalijsouza.web.br.com/metod_diss.pdf. Acesso em 06 maio 2011.
  • TACHIZAWA, Takeshy.Como fazer monografia na pratica .Rio de Janeiro: FGV, 2004.
  • UNIVERSIDADE DO VALE DO RIO DOS SINOS (UNISINOS).Guia para elaborao de trabalhos acadmicos: artigo de peridico, dissertao, projeto, trabalho de concluso de curso e tese.So Leopoldo: UNISINOS, 2011.
  • VERGARA, Sylvia Constant.Projetos e relatrios de pesquisa em administrao.So Paulo: Atlas, 2000.