Click here to load reader

SIDNEY BARATA DE

  • View
    218

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of SIDNEY BARATA DE

  • UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAZONAS

    INSTITUTO DE CINCIAS HUMANAS E LETRAS

    PROGRAMA DE PS

    ARIGS, JAB E O CASO DA CARNE VERDE: VIVNCIAS POPULARES NA CIDADE DE MANAUS (1939

    ORIENTADOR:Prof. Dr. Marcos Csar Borges da Silveira

    UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAZONAS

    INSTITUTO DE CINCIAS HUMANAS E LETRAS

    PROGRAMA DE PS-GRADUAO EM HISTRIA

    MESTRADO EM HISTRIA

    SIDNEY BARATA DE AGUIAR

    ARIGS, JAB E O CASO DA CARNE VERDE: VIVNCIAS POPULARES NA CIDADE DE MANAUS (1939

    ORIENTADOR:Prof. Dr. Marcos Csar Borges da Silveira

    Manaus

    2012

    UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAZONAS

    INSTITUTO DE CINCIAS HUMANAS E LETRAS

    GRADUAO EM HISTRIA

    ARIGS, JAB E O CASO DA CARNE VERDE: VIVNCIAS POPULARES NA CIDADE DE MANAUS (1939 1949)

    ORIENTADOR:Prof. Dr. Marcos Csar Borges da Silveira

  • SIDNEY BARATA DE AGUIAR

    ARIGS, JAB E O CASO DA CARNE VERDE: VIVNCIAS POPULARES NA CIDADE DE MANAUS (1939 1949)

    Dissertao apresentada ao Programa de Ps-Graduao em Histria da Universidade Federal do Amazonas, sob a orientao do Prof. Dr. Marcos Csar Borges da Silveira como requisito para obteno do ttulo de Mestre em Histria.

    ORIENTADOR:Prof. Dr. Marcos Csar Borges da Silveira

    Manaus

    2012

  • Ficha Catalogrfica (Catalogao realizada pela Biblioteca Central da UFAM)

    A282a

    Aguiar, Sidney Barata de

    Arigs, jab e o caso da carne verde: vivncias populares na cidade de Manaus (1939 1949) / Sidney Barata de Aguiar. - Manaus: UFAM, 2012.

    105 f.; il. color.

    Dissertao (Mestrado em Histria) Universidade Federal do Amazonas, 2012.

    Orientador: Prof. Dr. Marcos Csar Borges da Silveira

    1. Histria do Amazonas 2. Batalha da Borracha Manaus (Am) 3. Prticas sociais Manaus (Am) I. Silveira, Marcos Csar Borges da (Orient.) II. Universidade Federal do Amazonas III. Ttulo

    CDU 981.13:304.4(043.3)

    Ficha Catalogrfica (Catalogao realizada pela Biblioteca Central da UFAM)

    A282a

    Aguiar, Sidney Barata de

    Arigs, jab e o caso da carne verde: vivncias populares na cidade de Manaus (1939 1949) / Sidney Barata de Aguiar. - Manaus: UFAM, 2012.

    105 f.; il. color.

    Dissertao (Mestrado em Histria) Universidade Federal do Amazonas, 2012.

    Orientador: Prof. Dr. Marcos Csar Borges da Silveira

    1. Histria do Amazonas 2. Batalha da Borracha Manaus (Am) 3. Prticas sociais Manaus (Am) I. Silveira, Marcos Csar Borges da (Orient.) II. Universidade Federal do Amazonas III. Ttulo

    CDU 981.13:304.4(043.3)

  • SIDNEY BARATA DE AGUIAR

    ARIGS, JAB E O CASO DA CARNE VERDE: VIVNCIAS POPULARES NA CIDADE DE MANAUS (1939 1949)

    Banca Examinadora:

    ......................................................................................... Prof. Dr. Marcos Csar Borges da Silveira

    (UFAM Presidente)

    ......................................................................................... Prof. Dr. Edgar vila Gandra (UFPEL Membro Externo)

    ......................................................................................... Prof. Dr. Lus Balkar S Peixoto Pinheiro

    (UFAM Membro)

    ......................................................................................... Prof. Dr. Almir Diniz de Carvalho Jnior

    (UFAM Suplente)

  • DEDICATRIAS

    Ao meu genitor, Irmo e grande Mestre Raimundo Nonato Rodrigues de Aguiar por

    todos os seus ensinamentos, ainda que deseje profundamente, no consigo colocar no papel

    toda a gratido que devo a este homem de princpios e coragem.

    A minha eterna me, Zuleide Barata de Aguiar, minha joia rara do Amazonas.

    Aos meus irmos Sidcley Barata de Aguiar e Roseane Cavalcante de Aguiar.

    Ao meu cunhado, sempre presente, Joo Cavalcante.

    A minha esposa Ainda Nascimento, por todo apoio nos momentos em que quase

    desisti deste sonho. Me da Isadora Agnes e do Tales caro, minhas mitologias e filosofias,

    meus filhos amados.

    A toda minha famlia, dos mais prximos at os mais distantes.

    As minhas avs Odete Aguiar e Alice dos Santos que esto descansando em paz.

    Ao meu primo Srgio Brasil que foi levado pelas guas do Rio Amazonas.

  • AGRADECIMENTOS

    O trabalho do pesquisador rduo, exaustivo e indispensvel para a sociedade

    brasileira. Principalmente, quando pisamos no terreno ngreme da Histria do Estado do

    Amazonas. Muitas vezes, transmitimos a ideia de uma labuta artesanal e solitria, construda

    por um nico par de mos, ledo engano. Pois, no momento de lembrar as dificuldades

    enfrentadas e reconhecer a satisfao de ter cumprido mais uma etapa na trajetria acadmica,

    que observamos que nenhuma pesquisa feita s e sem contribuies diretas e indiretas.

    Este momento o de privilegiar e homenagear aqueles que caminharam ao meu lado

    nesta jornada pelo mundo da pesquisa, leitura e anlise das fontes histricas.

    Quero registrar meus agradecimentos fraternos ao meu orientador professor Marcos

    Csar Borges da Silveira que aceitou o desafio deste projeto. Principalmente quando havia

    muita dvida sobre a minha capacidade de construir e realizar com sucesso esta dissertao.

    Obrigado pela confiana depositada.

    Ao professor Gedeo Timteo Amorim, na poca responsvel pela pasta da

    Secretaria Estadual de Educao e Qualidade de Ensino (SEDUC) pelo apoio incomensurvel.

    Aos professores Francisco Jorge dos Santos, Patrcia Melo Sampaio, Elona

    Monteiro dos Santos, Ktia Cilene do Couto, Lus Balkar S Peixoto Pinheiro, Maria Luiza

    Ugarte Pinheiro, Almir Diniz de Carvalho Jnior, Hideraldo Lima da Costa do Departamento

    de Histria e do Programa de Ps-graduao em Histria da Universidade Federal do

    Amazonas pelos incentivos verdadeiros e amigos nas horas de incertezas acadmicas.

    Ao professor Clio Costa Rodrigues pela importante contribuio dos clssicos da

    Filosofia.

    Ao professor Sandro Baal pelas lies de experincia poltica e de como fazer

    verdadeira cincia em nosso pas.

    As funcionrias e funcionrios da Biblioteca Municipal Francisco Meirelles em Porto

    Velho no Estado de Rondnia. Apesar dos problemas encontrados nestes lugares, os

    trabalhadores e trabalhadores se esmeram em atender a comunidade local e visitantes com um

    mnimo de qualidade.

    Aos funcionrios e funcionrias da Biblioteca Estadual de Rondnia que est

    localizada no deteriorado Prdio do Relgio, que um dia serviu de sede para a administrao

    da Estrada Madeira-Mamor e necessita de cuidados urgentes. Na minha pesquisa fui muito

  • bem tratado por estes profissionais e, portanto, quero deixar registrado em pblico o valoroso

    e valente trabalho destes.

    Ao Nonato Braga, funcionrio do arquivo do Centro Cultural dos Povos da

    Amaznia. Nossa relao tornou-se de amizade, principalmente estreitada pelo gosto e apreo

    pela poesia amazonense.

    Ao meu grande historiador e pesquisador Jorgemar Monteiro, responsvel pelo

    Acervo do Memorial e Biblioteca Senador Bernardo Cabral mantida pela Fundao Rede

    Amaznica de Comunicao em Manaus.

    Ao professor TennerInauhiny de Abreu pelos incontveis e produtivos debates que

    muito contriburam para as estradas que segui durante os dois anos e meio do mestrado em

    Histria.

    Aos professores Marcus Librio, Manuel Paixo, Adenilton Lima, Csar Maciel,

    Renier Pacheco e Edno Lopes Filho pelo apoio incansvel.

    Ao professor Mauriclio Jos Crrea Campos que em mais de uma dcada de

    amizade nunca deixou de sustentar nosso companheirismo.

    Meu eterno apreo e paixo pelas professoras Isis Tavares Neves, Ana Cristina

    Rodrigues e Vanessa Antunes, Alba Barbosa Pessoa companheiras de muitas lutas e vitrias.

    Ao professor Luz do Rosrio por sua capacidade incrvel de contador de histrias e

    companheiro inseparvel na eterna torcida pelo Nacional Fast Clube nos campos de futebol.

    Ao professor Marclio Colares pelos debates filosficos durante as noites de boemia.

    Ao professor e maravilhoso escritor das mais intrigantes crnicas e contos sobre

    nossa cidade, meu primo Ivo de Aguiar.

    Ao professor Rosivaldo Moraes colega de sala de aula na Escola Municipal Cleonice

    Menezes Fernandes na zona leste de Manaus.

    Ao professor Sebastio Rocha que de l do Alto Solimes torce pelo meu sucesso.

    Aos professores Davi Avelino Leal, Fabrcio dos Santos Vieira e Luciano Ewerton

    que foram muito importantes pela amizade indissolvel e na indicao de valiosa bibliografia

    sobre o tema pesquisado.

    Aos meus amigos de infncia Heider Sales, Heimar Sales, Mrcio Freitas, Cosme dos

    Santos, Roberto da Silva, Fhilis Andr Bentes Cruz e Djalma Farias.

  • No h povo sem histria ou que possa ser compreendido sem ela

    Eric Hobsbawn.

  • RESUMO

    Este projeto aqui apresentado visa trabalhar com as vivncias populares urbanas na

    cidade de Manaus durante a dcada de 1940. Cidade que sofreu grandes impactos nos campos econmico, social e cultural durante o desenrolar da II Guerra Mundial. Este perodo tambm perpassa pelo Estado Novo de Getlio Vargas e tambm pela chamada Batalha da Borracha. Este trabalho privilegia novas perspectivas para narrar estes importantes fatos histricos, investigando sobre diversos ngulos a cidade, suas contradies e conflitos na capital do Estado do Amazonas durante e ps o conflito mundial.

    Palavras-chaves:Histria, Batalha da Borracha, Vivncias Populare