Anne Frank

  • View
    18

  • Download
    0

Embed Size (px)

DESCRIPTION

anne frank

Text of Anne Frank

  • Uma vida a no esquecer..Anne Frank

  • IntroduoAnne era uma rapariguinha de uma famlia judaica de Frankfurt que se refugiou na Holanda para escapar s perseguies nazis. Invadido este pas, a famlia refugia-se com outras pessoas num anexo de uma casa onde consegue viver um longo tempo, dois anos.Durante esse tempo Anne escreveu um dirio, onde ela desabafava a sua dor e medo ganhando assim coragem para viver aquele que foi um tempo de tortura e horror.Anne Frank foi uma verdadeira lutadora e escreveu aquela que vem a ser uma das maiores obras literrias e um autntico documento humano O Dirio de Anne Frank

    *

  • Anne Frank

    Pertencia a uma famlia judaica de Frankfurt:

    Me: Edith Hollander

    Pai: Otto Heinrich Frank

    Irm: Margot Frank

    Era uma rapariga esperta, estudiosa, bonita e escrevia regularmente.

    Nome completo: Anneliese Marie Franck mas mais conhecida por Anne Frank. Nascida a 12 de Junho de 1929, em Frankfurt.

  • Em Maro de 1945 foi obrigada a viver escondida dos nazistas durante o Holocauto;Nasceu a 12 de Junho de 1929, em Frankfurt;

    filha de Otto Heinrich Frank e de Edith Hollander;Anne Frank - Quando tudo mudou Anne era uma adolescente quando algo aconteceu que abalou a sua vida para sempre.

    Em 1933, fugindo s perseguies do regime hitleriano, refugiou-se com a sua famlia na Holanda.

    Viveu na Holanda at Maro de 1942 quando as tropas nazis invadiram o pas e, Anne e a sua famlia foram obrigadas a refugiarem-se mais uma vez.

  • Anne Frank - Quando tudo mudou Depois da invaso, Anne e a sua famlia refugiaram-se num anexo mais uma famlia de quatro pessoas. Esse anexo era como se fosse uma segunda casa, que durante algum tempo, os pais de Anne andavam a mobilar e a preparar. J se estavam a preparar para o tempo de horror que os esperava.

    Todo o tempo que passaram no anexo, foi um tempo de medo e cuidado.

    Curiosidade :

    Anne durante o tempo que esteve fechada no anexo viveu um amor proibido com Peter, o filho mais velho do casal que vivia com a famlia Frank.

  • Anne Frank foi a autora de uma das mais belas obras alguma vez escritas. O seu dirio, traduzido em todas as lnguas, no foi escrito como obra literria, com a ideia do pblico - mas ultrapassa em talento, em beleza, um autntico documento humano, pelo facto de existir um protesto contra as injustias do mundo em que vivemos.O dirio de Anne foi encontrado por acaso num monte de papis velhos no anexo.

    Dirio de Anne Frank

  • Extracto real do Dirio de Anne Frank

    Dirio de Anne Frank

  • Anne Frank escrevia no seu dirio cartas a uma amiga imaginria chamada Kitty. Servia-se da escrita para aliviar o corao.

    Quando escrevo, sinto um alvio, a minha dor desaparece, a coragem volta Ao escrever sei esclarecer tudo os meus pensamentos, os meus ideais, as minhas fantasias.

    Dirio de Anne Frank

  • A 4 de Abril de 1944 escreveu:

    Quero continuar a viver depois da minha morte . O seu desejo foi concretizado. O dirio que escreveu s para desabafar, acabou por a imortalizar. Ainda hoje a vida de Anne Frank considerada uma histria de louvar.

    Dirio de Anne Frank

  • Quando foi descoberta mais as pessoas refugiadas no anexo foi deportada para Auschwitz.

    Fachada central do ex. campo de concentrao de Auschwitz

    Quando foi descoberta

  • Depois levaram-na para Bergen-Belsen, juntamente com a irm, separando-as dos pais Entrada do ex. campo de concentrao Bergen-BelsenHolocausto

    Quando foi descoberta

  • Em 1945, nove meses aps a sua deportao, Anne Frank morre de tifo em Bergen-Belsen. A irm, Margot Frank, tinha falecido tambm vtima de tifo e subnutrio dias antes de Anne. Da famlia Frank s o pai sobreviveu.A sua morte aconteceu duas semanas antes do campo ser liberto.

    Anne Frank a sua morte

  • Anne Frank considerada uma lutadora firme. O seu dirio faz-nos viajar e pensar que a vida foi cruel para uma simples criana que, mal tinha dado os primeiros passos na adolescncia, deparou-se com barreiras muito fortes que por vezes a faziam desistir. O mundo por vezes torna-se horrendo e impiedoso.

    Concluso

  • Dirio de Anne Frank- Edio Livros do Brasil Lisboa

    http://pt.wikipedia.org

    Bibliografia

    *