Click here to load reader

15 cristianismo

  • View
    831

  • Download
    0

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Origem, expansão, perseguição e afirmação do cristianismo

Text of 15 cristianismo

  • 1. Histria 7 anoProfessora Carla Freitas

2. Judeia Zona ocupada pelos romanos desde meados do sculo I a.C. Revoltas frequentes Disperso de muitos judeus dispora Messianismo (crena na vinda de um Salvador)Jesus Cristo Nasce na Judeia durante o governo de Octvio Csar Augusto Vida e mensagem transmitida atravs dos Evangelhos Novo Testamento (Evangelhos, Atos dos Apstolos, Epstolas, Apocalipse)Messias para os seus seguidores 3. Viveu at aos 30 anosMorreuNasceu 4. Batizado por S. Joo Batista, no Rio Jordo Pregao por toda a Judeia acompanhado dos seus discpulos Anuncia-se como o Messias, filho de Deus Perseguido pelos Sacerdotes Hebreus (punha em causa a sua autoridade) Perseguido pelos romanos (receavam revoltas) Condenado morte por Pncio Pilatos Crucificado no monte Glgota Ressurreio e apario aos apstolos 5. Crena num deus nico Igualdade Amor Universal Justia Tolerncia Paz Perdo Caridade Vida eterna Salvao para todosUniversalidade da mensagem crist 6. Ao dos Apstolos Contactos com os judeus espalhados por todo o imprio Pregao por vrias provncias: So Pedro Roma e Antioquia So Tiago Maior (Santiago de Compostela) Pennsula Ibrica S. Joo de Patmos Grcia Santo Andr Ctia (Ex URSS), Turquia, Grcia e sia Menor So Tom Sria, ndia So Paulo sia Menor, Grcia 7. Ficou a dever-se a: Lnguas faladas em todo o imprio latim e grego Dispora judaica muitos judeus espalhados pelo imprio aderiram nova religio Rede de estradas e cidades Intensos contactos comerciais Desigualdades sociais muitas mulheres e escravos aderiram nova religio 8. Nero, Marco Aurlio e Diocleciano foram imperadores que decretaram perseguies aos cristos 9. S. SebastioS. LuziaSoldado julgado sumariamente e Foi decapitado condenado como traidor pela sua conduta no ano de 165, S. Pedro foi crucificado de cabea branda para com os prisioneiros cristos por se ter para baixo no antigo dedicado por volta de 286. Executado com flechas, jardim de Nero por ter dito, quando soube da sua foi dado como morto e atirado no rio. defesa e condenao, que noexpanso da era merecedor Encontrado e socorrido apresentou-se da mesma morte novamente diante de Diocleciano, que de Jesus. mensagem de ordenou ento que ele fosse espancado Cristo at a morte. O seu corpo foi atirado ao esgoto Pedro de Roma. S. pblico Denunciada pelo pai foi Justino S. S. Ceclia Foi preso por ordem torturada para mudar de do Diocleciano que tenha sido martirizada ideias, provvel tentou for-la converso, sem o que no aconteceu. conseguir ordenousob imprio deuma Trajano para Marco Aurlio. Depois foi condenada queofosse imperador casa de (98 entre 176 e 180, prostituio. Quandonuma - 117 d.C) e a morte Terdegolao. Levada instalao balneria para por sido trancada tentaram lev-la no conseguiram tirar do local do dgua mas saiu com julgamento, nem pelas ruas de Nicomdia vapores condenado a ser ilesa. ser asfixiada pelos atirado aos lees no uma junta de bois. cortaram-lhe os seios e Tentaram queim-lamas aps trs Foi depois condenada decapitao mas as Coliseu de Roma. chamas no lhe causaram qualquer dano. Um soldado depois foi conduzida para golpes em que a cabea no foi separada do corpo, Durante a viagem arrancou-lhe os olhos fora da cidade onde o pai amasenasceram-lhetrs dias nae, ficou mortalmente ferida caiu ficando dois olhos por fim posio at executou. decapitaram-na S. mesmade Antioquia morrer. pregou aBrbara Incio S. mensagem 10. Galerias subterrneas, por baixo da cidade. Esconderijos onde os cristos,celebravam actos de culto e sepultavam os mortos. 11. Roma tinha: Uma religio politeista O culto ao imperador era obrigatrio e os cristos rejeitavam-no Era uma civilizao ligada guerra e s conquistas Era uma sociedade esclavagista com fortes desigualdades sociais Comeou a ganhar muitos adeptos 12. O aumento do nmero de cristos acabou por levar a uma aceitao Imperador Constantino dito de Milo (313 d.C.) Liberdade religiosa Manda erguer igrejas Imperador Teodsio dito de Tessalnica (380 d.C.) Proibiu os outros cultos Perseguio aos pagos 13. Igreja Crist Organizao semelhante do Imprio Bispado de Roma Papa (reconhecida superioridade e autoridade) Provncias dirigidas por um Metropolita Dioceses dirigidas por um Bispo (respondiam perante o Metropolita) 14. Cristo Palavra grega que significa ungido, ou seja, escolhido por Deus. No um nome prprio mas sim um ttulo que lhe foi atribudo pelos que nele acreditavam.. Evangelho Palavra de origem grega Evangelion que significa boa nova, boa notcia. Cada um dos quatro livros principais do Novo testamento que encerram a doutrina de Cristo. Novo Testamento Novo conjunto de livros acrescentados antiga Bblia hebraica, composto pelos Evangelhos, os Atos dos Apstolos, as Epstolas e o Apocalipse. Pregao Transmisso oral de uma mensagem religiosa. Ressurreio Regresso vida de algum que morreu. Apstolo Palavra grega que significa enviado. Cada um dos doze dscipulos escolhidos por Jesus para continuarem a pregar a sua mensagem, isto , para divulgarem o Evangelho. Discpulo palavra latina que significa seguidor de ideias ou aluno de algum. Mrtir Expresso romana a paz armada que os romanos impunham aos povos conquistados. Revoltas ou desobedincias eram duramente punidas. Pagos Designa aqueles que eram politeistas e seguiam cultos ligados natureza. 15. 1. Localizar no espao e no tempo o aparecimento do cristianismo. 2. Identificar o fundador do cristianismo. 3. Referir a mensagem de Jesus Cristo. 4. Justificar a rpida difuso do cristianismo no imprio. 5. Explicar a existncia de perseguies contra os cristos. 6. Descrever as consequncias das perseguies contra os cristos. 7. Relacionar a ao dos imperadores Constantino e Teodsio com a difuso do Cristianismo. 8. Avaliar o impacto do cristianismo no Imprio.

Search related