Click here to load reader

Perfil do paciente

  • View
    1.204

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of Perfil do paciente

  • 1. 1FUNDAO EDUCACIONAL DE FERNANDPOLIS FACULDADES INTEGRADAS DE FERNANDPOLIS MAYRA AZAMBUJA GOMESMICHELLI SILVA CAMPOSRENATA ALVES MARTINES QUEIROZTAMARA ARIANA TELLINEANLISE DO PERFIL DE PACIENTES HIPERTENSOS NA REDE PBLICA DO MUNICPIO DE FERNANDPOLISFERNANDPOLIS 2011

2. 2 MAYRA AZAMBUJA GOMES MICHELLI SILVA CAMPOS RENATA ALVES MARTINES QUEIROZ TAMARA ARIANA TELLINEANLISE DO PERFIL DE PACIENTES HIPERTENSOS NA REDE PBLICA DO MUNICPIO DE FERNANDPOLIS Trabalho de concluso de curso apresentado Banca Examinadora do Curso de Graduao em Farmcia da Fundao Educacional de Fernandpolis como exigncia parcial para obteno do ttulo de bacharel em farmcia. Orientador: Prof. MSc. Giovanni Carlos de OliveiraFUNDAO EDUCACIONAL DE FERNANDPOLIS FERNANDPOLIS SP2011 3. 3MAYRA AZAMBUJA GOMES MICHELLI SILVA CAMPOS RENATA ALVES MARTINES QUEIROZ TAMARA ARIANA TELLINEANLISE DO PERFIL DE PACIENTES HIPERTENSOS NA REDE PBLICA DOMUNICPIO DE FERNANDPOLIS Trabalho de concluso de curso aprovado como requisito parcial para obteno do ttulo de bacharel em farmcia. Aprovado em: 31 de Outubro de 2011. Banca examinadoraAssinaturaConceitoProf.MSc. Giovanni Carlos de OliveiraProf.Dr. Marcos De Lucca JniorProf.Vanessa Maira Rizzato SilveiraProf. MSc. Giovanni Carlos de OliveiraPresidente da Banca Examinadora 4. 4Dedico este trabalho primeiramente a Deus porme dar fora em vencer esta etapa, aos meuspais, Dalci e Neuraci pelo ensinamento esabedoria acreditando na minha competncia,que durante esta etapa me deram muita forapara cumpri-la. E ao meu irmo que apesar deestarmos longe me alegra com a sua mania. MichelliDedico a minha famlia e aos meus amigos porme dar fora e vontade de lutar e vencer todos osobstculos. MayraDedico aos meus pais Clsio e Maria peloensinamento, sabedoria e carter para que emminha vida possa ser cheia de pessoas de bem,ao meu esposo Gilson que apia as minhasdecises bem como o amor e respeito inigualvele ao meu irmo Joo que com seu jeitoextrovertido preenche minha vida de humor.RenataDedico primeiramente a Deus que, sempre meabenoou e iluminou meu caminho me dandofora e ajudando a passar por todos osobstculos no me deixando desistir. Dedico aWilson e Maria Dolores que em nenhummomento mediram esforos para realizao dosmeus sonhos, que me guiaram pelos caminhoscorretos, me ensinaram a fazer as melhoresescolhas, me mostraram que a honestidade e orespeito so essenciais vida, e que devemossempre lutar pelo que queremos. Souextremamente feliz e a vocs devo tudo pelo queme proporcionaram. Tenho muito orgulho porcham-los de pai e me. AMO VOCS!Tamara 5. 5 AGRADECIMENTOSAgradecemos primeiramente a Deus, por iluminar nossos passos eabenoar nossas vidas, pois sem a sua beno divina no conseguiremos chegarao sucesso, com tica e respeito aos nossos parceiros de vida.Agradecemos ao nosso professor orientador pela pacincia, compreensoe apoio emocional que teve conosco para a concluso de uma etapa tomagnfica quanto a nossa concluso de curso. 6. 6A descoberta de todos os sculos foi o serhumano saber que pode mudar quando desejar.William James 7. 7 RESUMOA hipertenso arterial sistmica (HAS) um dos principais fatores de risco paraas doenas cardiovasculares e seu agravo muitas vezes causa mortes. O perfildo paciente hipertenso inclui idade avanada, prevalncia do sexo feminino,obesidade, sedentarismo, stress, a prtica do tabagismo e alcoolismo, entreoutros fatores. O diagnstico da HAS baseia-se em um procedimento simples,atravs da anamnese do paciente, aferio da PA, exames laboratoriais ecomplementares para confirmao de outras complicaes associadas. Opresente trabalho tem como objetivo geral analisar o perfil dos pacienteshipertensos no municpio de Fernandpolis que utilizam medicamentos anti-hipertensivos que constam na Relao Nacional de Medicamentos Essenciais2010. Foi aplicado um questionrio em 100 pacientes sendo selecionadas quatrounidades bsicas de sade no municpio citado, o qual contou com 21 perguntasrelacionadas aos fatores de risco desencadeadores da HAS e suas complicaesquando o tratamento proposto no aderido pelo paciente. Obtidas asinformaes, os resultados foram apresentados de forma descritiva e atravs defiguras. Fazendo uma comparao anloga de estudos de bases populacionaisao trabalho, ficou claro que se as mudanas nos hbitos de vida no foremsuficientes, deve-se aderir ao tratamento medicamentoso, e para isso o pacientedeve entender a gravidade da doena se no tratada adequadamente. Essecompromisso com a sade fundamental para a estabilizao da PA. Osfrmacos indicados para o tratamento da HAS so de diferentes classesteraputicas, contidos na RENAME 2010 e com eficcia comprovada, dessaforma, a escolha adequada implica diretamente na classificao em que opaciente enquadra para sua melhora na qualidade de vida e que dessa forma suaexpectativa no seja diminuda. O acompanhamento mdico nos casosentrevistados foi relevante, pois realizam aferio da PA constantemente, asconsultas mdicas so peridicas e a solicitao de exames laboratoriais ecomplementares como mtodo de averiguar leses em rgos-alvo realizado.Com relao ao tabagismo e alcoolismo o resultado demonstra o abandono e adiminuio dessa prtica. J em relao prtica de exerccios fsicos pelospacientes o resultado foi abaixo do esperado o que deixa em evidncia a falta deincentivo por parte dos entrevistados e do corpo clnico da UBS, e que a mesmadeve ser aumentada para que se tenha diminuio dos principais fatores de risco,melhores resultados ao tratamento medicamentoso e qualidade de vida dopaciente.Palavras-chave: Hipertenso Arterial Sistmica. Tratamento medicamentoso.Terapias complementares. Diagnstico. Fatores de risco. 8. 8ABSTRACTHigh blood pressure (HBP) is one of the main risk factors for cardiovasculardisease and its injury often causes death. The profile of hypertensive patientsinclude advanced age, the prevalence of female gender, obesity, sedentarylifestyle, stress, the practice of smoking and alcoholism, among other factors. Thediagnosis of hypertension based on a simple procedure through the patientsmedical history, measurement of BP, and complementary laboratory tests forconfirmation of other complications. This study aims at analyzing the profile ofhypertensive patients in the city of Ferndale using antihypertensive medicationslisted in the National List of Essential Medicines 2010. We applied a questionnaireto 100 patients were selected four basic health units in the city said, which had 21questions related to risk factors that trigger hypertension and its complicationswhen the proposed treatment is not adhered to by the patient. The informationobtained, the results were presented descriptively and through pictures. Making asimilar comparison studies of population base to work, it became clear thatchanges in lifestyle are not enough, you must adhere to drug treatment, and forthis the patient must understand the severity of disease if not treatedproperly. This commitment to health is crucial to stabilize the PA. Drugs indicatedfor the treatment of hypertension are of different therapeutic classes, contained inRENAME 2010 and proven, thus the appropriate choice directly implies theclassification in which the patient falls for improvement in quality of life and thustheir expectancy is not diminished. The medical supervision in cases interviewedwas relevant for arterial pressure measurement performed constantly, medicalconsultations are periodic and request laboratory and complementary method toassess target organ damage is done. With regard to smoking and alcoholismresult demonstrates the decline and abandonment of this practice. In relation tophysical exercise by patients the result was lower than expected which makesevident the lack of incentive on the part of respondents and the clinical staff ofUBS, and that it should be increased in order to have decreased major riskfactors, the best drug treatment outcomes and quality of life of the patient.Key- words: Hypertension. Drug treatment. Complementary therapies. Diagnosis.Risk factors. 9. 9LISTA DE FIGURASFigura 1 - Idade dos pacientes entrevistados 31Figura 2 - Prevalncia do sexo dos pacientes hipertensos 32Figura 3 - Prevalncia de peso dos pacientes hipertensos entrevistados 32Figura 4 - Prevalncia dos pacientes que fazem ou no uso de anti- hipertensivos 33Figura 5 - Pacientes que usam anti-hipertensivos da RENAME 201034Figura 6 - Monoterapia X Associaes medicamentosas mais comuns35Figura 7 - Frmacos destinados a outras patologias 36Figura 8 - Relao de pacientes hipertensos e diabticos 36Figura 9 - Pacientes que fazem uso de anti-hipertensivos com medicamentos para diabetes37Figura 10 - Pacientes hipertensos que possuem complicaes circulatrias 38Figura 11 - Prevalncia de hipertensos que realizam exerccios fsicos 39Figura 12 - A ingesto de bebidas alcolicas por pacientes hipertensos 40Figura 13 - Hipertensos que so fumantes ativos41Figura 14 - Hipertensos que realizam o acompanhamento de sua P.A.42Figura 15 - Hipertensos que realizam consultas mdicas periodicamente42Figura 16 - Prevalncia de realizaes de exames laboratoriais 43Figura 17 - Frequncia das realizaes dos exames laboratoriais44Figura 18 - Pacientes que realizam exames complementares 45Figura 19 - Frequncia da realizao de exames complementares45 10. 10LISTA DE TABELASTabela 1 - Classificao da PA sistlica e diastlica 20Tabela 2 - Classificao de acordo com a medida da PA em consultrio, MAPA, AMPA e MRPA. 21 11. 11LISTA DE ABREVIATURAS E SIGLASAMPA Automedida da Presso ArterialARA Antagonista dos Receptores de Angiotensina IIAVE Acidente Vascular EnceflicoBVS Biblioteca Virtual em SadeHAS Hipertenso Arterial SistmicaIECA Inibidores da Enzima Conversora de AngiotensinaMAPA Monitorizao Ambulatorial da Presso ArterialMRPA Monitorizao Residencial da Presso ArterialNCBI - National Center for Biotechnology InformationPA Presso ArterialRENAME Relao Nacional dos Medicamentos EssenciaisSUS Sistema nico de SadeUBS Unidade Bsi

Search related