Click here to load reader

Revista IBB - 29/05/2011 - Edição 74

  • View
    220

  • Download
    1

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Revista semanal da Igreja Batista do Bacacheri.

Text of Revista IBB - 29/05/2011 - Edição 74

  • sum

    rio

    2

    Expediente

    Estatsticas Contas IBB

    Revista semanal da Igreja Batista do Bacacheri, sob coordenao da Agncia IBB.

    Projeto Grfico Ana Letcia Pie; Diagramao Ana Letcia Pie; Arte Capa Lis Del Barco;Reviso Ortogrfica Irenice Ferreira, Hedy Silvado e Priscila Ferreira; Imagens Banco de Imagens e Arquivo IBB; Coordenao de Comunicao Renato Mendona.

    Contato: [email protected]

    Facebook: facebook.com/ibbcuritiba | Twitter: @ibb_curitiba | Youtube: youtube.com/prrenatoibb

    Igreja Batista do BacacheriR. Amazonas de Souza Azevedo, 134

    Bacacheri - Curitiba - PR | CEP: 82520-620Contato: (41) 3363-0327

    [email protected] | www.ibb.org.br

    Horrio de funcionamento: 8h s 22h

    CULTOS AOS DOMINGOS NOS HORRIOS9h | 10h45 | 17h | 19h15

    PARTICIPAES247 - M1 | 801 - M2

    Total: 1048

    286 - N1 | 602 - N2

    Total: 888

    219 - pessoas

    07 - M1 | 26 - M2

    10 - N1 | 32 - N2

    1398 - pessoas

    524 - pessoas

    525 - pessoas

    EVENTOSCultos

    Misses

    Conexes Internet

    Clulas

    Outros Encontros

    EBD Geral

    semana 16/05 a 22/05Se o seu dzimo ou oferta for em cheque

    favor cruzar ou colocar nominal para:

    Igreja Batista do BacacheriCNPJ: 76.042.126-0001/90

    [email protected]

    Agncia 1551C.C 05753-99

    Agncia 3702C.C 00096-3

    Agncia 3510-6 C.C 25034-1

    Agncia 3127C.C 4774-0

    Agncia 0372C.C 825-5 | OP. 003

  • 29/maio2011

    04 eurocross05 orao06 jovens07 abc vida08 pastoral10 infantil11 educao crist12 misses13 mic jovem14 agenda

    Livraria IBB

    Videoteca IBB

    sumrio

    3

    MULHERES INTELIGENTES, RELAES SAUDVEISO livro aborda tipos de mulheres, as observadoras, as analticas, as mulheres casulos dentre outras, trazendo o lado positivo e negativo de cada comportamento. O autor afirma que necessria a identificao do tipo de mulher que cada uma , permitindo uma reflexo pon-derada e um trabalho de mudana, alm da necessidade de ela reconhecer seu real valor, se valorizando, deixando a culpa e a autopunio de lado.

    Cury aborda tambm outros temas muito importantes ao universo feminino: a ditadura do cime, a generalizao da crtica, o excesso de trabalho, o medo da perda etc. Como identi-ficar os erros? Como transformar as atitudes? Como manter uma relao saudvel por meio do controle dos pensamentos e das emoes?

    HUDSON TAYLOR - MISSIONRIO NA CHINAUm homem e seu sonho, um homem e a dura realidade, um simples homem de Deus. Ele sonhava em servir a seu Senhor ao servir ao povo chins. Para tanto era necessrio aprender muita coisa: o respeito e o conhecimento da cultura daquele povo, a lngua do pas e sobretudo aprender que: O trabalho de Deus feito do modo de Deus nunca ficar sem o suprimento de Deus. Este filme desafia a todos que receberam a grande comisso de ser testemunhas e conseqentemente a tarefa missionria. A histria de Hudson Taylor um exemplo a ser seguido por quem deseja servir a Deus ao servir s pessoas.

    ADQUIRA NA LIVRARIA DA IBB POR R$ 19,90

  • clu

    las

    4

    por Rodrigo Dias

    Intercendo pela Eurocross

    por Ministrio Cross Generation

    Orando pela viso que Deus nos deu para essa viagem missionria

    a certeza da companhia Dele, de sua capacitao e de que sua

    obra ser realizada.

  • 1. Pelos obreiros que iro nos receber na liderana do Pastor Caio e Astrid Bottega;2. Pelos trabalhos de evangelismo de impacto que sero realizados (Por aqueles que sero

    convidados e para manifestao de Deus durante os eventos);3. Pela situao espiritual da Itlia: a) Forte Ocultismo Estima-se a presena de mais de 100 mil mgicos de tempo

    integral que oferecem consultas; b) Pela juventude H alguns anos atrs j haviam 400 mil viciados em herona; c) No Norte da Itlia o satanismo muito forte; d) Pela insensibilidade na recepo da pregao da mensagem; e) A mfia Siciliana e a Camora napolitana se infiltrando na sociedade organizaes

    criminosas; f ) Pelo desafio da expanso islmica em Roma, onde foi construda a MAIOR MESQUI-

    TA MUULMANA DA EUROPA; g) Pelos desafios das misses que esto na Itlia para que ela seja alcanada para

    Jesus (Junta de Misses Mundiais, Jocum e Sociedade Bblia).

    Pedidos pela

    ITLIA

    1. Pelo Obreiro que iro nos receber Pr. Neilson e famlia;2. Pelas novas eleies legislativas, que ir escolher o prximo governo de Portugal;3. A crise financeira de Portugal tem atingido as igrejas;4. Pelo despertamento espiritual dos membros da igreja portuguesa;5. Por uma juventude mais comprometida com o Senhor;6. Pelos 44 conselhos (cidades) que no tem a presena de uma igrejal evanglica;7. Pelo Projecto Minha Esperana Portugal, da Associao Billy Graham, que vai se realizar

    em dezembro deste ano;8. Pelo pedido de socorro da Conveno Batista Portuguesa para que enviemos mission-

    rios brasileiros para l.

    Pedidos por

    PORTUGAL

    1. Riqueza, conforto, indiferena e uma religiosidade vaga se tornaram comum no pas. (Jovens se suicidam por no encontrarem a razo da vida, mesmo tento tudo isso diante de si).

    2. Surgiram grupos de orao por avivamento para que o Esprito Santo leve novamente a uma reforma espiritual como foi nos tempos de Calvino e Zwingli, reformados daquele pas que fundaram o protestantismo.

    Fontes: Pr. Neilson, Pr. Calixto e o livro Intercesso Mundial

    Pedidos pela

    SUA

    orao5

  • por Thiaga Chabaribery

    jove

    ns6

    O que aprendemoscom a queda de Pedro

    Parte do captulo 22 de Lucas relata fatos que levaram Pedro de alguma forma a se afastar de Deus, a trilhar passos que culminaram em uma queda. Pedro passou por situaes como confiar nos mritos prprios (Lucas 22:31-34), deixar de orar (Lucas 22:39-46), agir por conta prpria (Lucas 22:47-53, seguir Jesus de longe (Lucas 22:54) e assentar-se com os mpios (Lucas 22:55).

    Quantas situaes precisaram acontecer na vida de Pedro para que ele realmente acordasse. A nica diferena entre ns e Pedro que ele podia olhar com os seus prprios olhos para Jesus e apreciar todos os milagres vindos do Senhor. Talvez hoje ns no tenhamos o prazer de ver Jesus como Pedro, mas uma certeza podemos ter: que a graa do Senhor est sobre as nossas vidas e, mesmo com as nossas limitaes e os nossos erros, podemos nos colocar diante de Deus e clamar por transformao de vida!

    E quando o galo cantou (Lucas 22.60), Pedro percebeu sua realidade e teve seu momento de maior dor e ao mesmo tempo de maior mudana, pois compreendeu que sua autossuficincia de nada valia, derramando-se em lgrimas e chorando amargamente. Muitas vezes reconhecemos o nosso erro, sabemos o que precisamos fazer para termos uma verdadeira mudana, porm pre-ferimos continuar caminhando com o erro. Eu no tenho dvidas que Pedro foi transformado por todas essas experincias e que podemos ser transformados tambm.

    Quando Jesus perguntou por trs vezes a Pedro: Voc me ama? Pedro pde reafirmar que sim e Jesus disse: Ento cuide das minhas ovelhas (Leia Joo 21.15-17). O que Jesus fez com o Pedro o que Ele faz diariamente conosco, perguntando: Voc me ama? Sem dvida Jesus sabia que Pedro o amava, porm Pedro es- tava distante do que realmente importa para Jesus: vidas.

    Amados, tudo o que fez Pedro ter uma grande queda foi a desobe- dincia! Quando dizemos ao Senhor que O amamos, automaticamente estamos dizendo que obede- cemos a Ele. Que essa seja a nossa lio dessa se- mana para honra e glria de Deus.

  • por Marcelo Santos

    Convocao de voluntrios

    abc vida7

    Voc, voluntrio na rea de sade que deseja servir ao Senhor com os dons e talentos que Deus lhe deu, chegou a hora de agir!

    Est voltando com fora total o Programa Linha da Vida, o consultrio clnico e odontol-gico mvel da IBB, que depois de algumas melhorias, volta estrada para atender a populao menos favorecida na Regio Metropolitana de Curitiba.

    A partir do final de junho, o Linha da Vida voltar a servir nossas Misses (congregaes da IBB) em Piraquara, Fazenda Rio Grande, Bocaiva do Sul e Colombo e tambm outros projetos sociais apoiados diretamente pela ABC VIDA, em Campina Grande do Sul (QG Gospel) e Almi-rante Tamandar (novo projeto a ser implantado em parceria com Igreja Batista local).

    Em Curitiba, os procedimentos para liberao do Alvar e Vigilncia Sanitria esto em fase de anlise e cremos em Deus que breve teremos autorizao definitiva com apoio do Prefeito e Cmara Municipal.

    Mas, para alcanar toda essa populao, precisamos do engajamento de todos os profissio-nais ligados a esta rea que tenham o chamado para servir, e que possam dispor de um pouco do seu tempo a favor dos menos favorecidos. Os profissionais que precisamos para reiniciar o programa so:

    Dentistas e Mdicos (Clnico Geral) Motoristas com carteira D ACD (Auxiliar de Consultrio Dentrio) Evangelistas Contadores de histria

    A ideia inicial fazermos atendimentos semanais em sistema de rodzio entre as equipes e localidades a serem visitadas, cada sbado em um local diferente. Nos eventos teremos tam-bm aulas de escovao e higiene bucal e contao de histrias, mas sempre aproveitando as oportunidades para falar s pessoas o que Deus tem feito em nossas vidas e o quanto o Seu amor grande.

    Todos os voluntrios que j serviram neste ministrio falam o quanto so abenoados quando vo aos eventos, e o quanto Deus os enche da Sua Graa aps os mesmos. A bno maior para ns, disse uma voluntria entrevistada.

    Se voc no profissional da rea, mas sente o desejo de colaborar, sua ajuda tambm bem-vinda.

    Para participar, ligue para a ABC VIDA e fale com o Marcelo pelo 3024-6155 ou 9109-9912, ou mande seu e-mail para [email protected] e se inscreva neste projeto abenoador.

  • Todo pensamento genuiname