LEVANTAMENTO DE Aspergillus fumigatus E Strongyloides sp ...faef.· fotográfica de Geochelone carbonaia

  • View
    220

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of LEVANTAMENTO DE Aspergillus fumigatus E Strongyloides sp ...faef.· fotográfica de Geochelone...

REVISTA CIENTFICA ELETRNICA DE MEDICINA VETERINRIA ISSN: 1679-7353

Revista Cientfica Eletrnica de Medicina Veterinria uma publicao semestral da Faculdade de Medicina veterinria e Zootecnia de Gara FAMED/FAEF e Editora FAEF, mantidas pela Associao

Cultural e Educacional de Gara ACEG. CEP: 17400-000 Gara/SP Tel.: (0**14) 3407-8000

www.revista.inf.br www.editorafaef.com.br www.faef.edu.br.

Ano IX Nmero 16 Janeiro de 2011 Peridicos Semestral

LEVANTAMENTO DE Aspergillus fumigatus E Strongyloides sp. EM JABUTIS

MANTIDOS EM CATIVEIRO NO BOSQUE MUNICIPAL Dr. BELRIO

GUIMARES BRANDO- ZOOLOGICO MUNICIPAL DA CIDADE DE

GARA- SP

DOS SANTOS, Gisele Junqueira

Disccente do curso de Medicina Veterinria da Faculdade de Medicina Veterinaria e

Zootecnia de Gara (FAMED) - ACEG Gara SP.

PEREIRA, ROSE ELISABETH PERES

Docente do curso de Medicina Veterinria da Faculdade de Medicina Veterinaria e

Zootecnia de Gara (FAMED) - ACEG Gara SP.

REVISTA CIENTFICA ELETRNICA DE MEDICINA VETERINRIA ISSN: 1679-7353

Revista Cientfica Eletrnica de Medicina Veterinria uma publicao semestral da Faculdade de Medicina veterinria e Zootecnia de Gara FAMED/FAEF e Editora FAEF, mantidas pela Associao

Cultural e Educacional de Gara ACEG. CEP: 17400-000 Gara/SP Tel.: (0**14) 3407-8000

www.revista.inf.br www.editorafaef.com.br www.faef.edu.br.

Ano IX Nmero 16 Janeiro de 2011 Peridicos Semestral

RESUMO

O presente trabalho teve como objetivo, identificar a freqncia de

endoparasitas em jabutis (Geochelone carbonaria e Geochelone denticulata) e,

para desenvolve-lo foram colhidas e analisadas amostras de fezes, de

quarenta e um jabutis mantidos, em cativeiro, no Bosque Municipal Dr. Belrio

Guimares Brando- Zoolgico Municipal, da cidade de Gara- SP. Desses

animais, dezoito no apresentaram endoparasitas e, vinte e trs, estavam

positivos para endoparasitas, observando-se, somente, ovos de Strongyloides

sp. Sendo que, em quelnios, tambm podem ser encontrados nematides

como: ovos de Oxyuris sp., Rhabdias sp. e Entomelas sp. E entre, os

protozorios: Blastocystis sp., Balantidium sp. , Endolimax sp., Eimeria carinii e

Trichomonaddeos. Em amostras analizadas de trs jabutis, foram constatadas

o aparecimento de fungo, Aspergillus fumigatus, em carapaa. Os jabutis, em

cativeiro, so comumente parasitados por vrias espcies de helmintos e

protozorios, devido transmisso de um animal para outro ser facilitado pelas

condies ambientais, tais como: alta umidade, reas sombreadas, m

qualidade da gua, estresse e nutrio precria, que vm favorecer o

aparecimento de grande quantidade de fungos no ambiente e,

conseqentemente, contaminando os animais.

Palavra chave: aspergilose, dermatomicose, quelnio

ABSTRACT

This study aimed to identify the frequency of endoparasites in tortoises

(Geochelone carbonaria and Geochelone denticulata), and to develop it were

taken and analyzed stool samples, of forty-one turtles kept in captivity the

Municipal Forest Dr. Belrio Brando Guimares-Zoo the City of Heron /SP.

Such animals showed no endoparasites and eighteen, twenty-three were

positive for endoparasites, observing in only, eggs of Strongyloides sp. Since, in

chelonians, nematodes can also be found as eggs Oxyuris sp., Rhabdias sp.

REVISTA CIENTFICA ELETRNICA DE MEDICINA VETERINRIA ISSN: 1679-7353

Revista Cientfica Eletrnica de Medicina Veterinria uma publicao semestral da Faculdade de Medicina veterinria e Zootecnia de Gara FAMED/FAEF e Editora FAEF, mantidas pela Associao

Cultural e Educacional de Gara ACEG. CEP: 17400-000 Gara/SP Tel.: (0**14) 3407-8000

www.revista.inf.br www.editorafaef.com.br www.faef.edu.br.

Ano IX Nmero 16 Janeiro de 2011 Peridicos Semestral

end Entomelas sp. And among the protozoans Blastocystis sp., Balantidium sp.,

Endolimax sp., Trichomonaddeos and Eimeria carinii. In samples analyzed

from three tortoises were appearances of fungus Aspergillus fumigatus in

carapace. The tortoises in captivity, are commonly parasitized by several

species of helminths and protozoa due to transmission from one animal to

another is facilitated by environmental conditions, high humidity, shady areas,

poor water quality, stress and poor nutrition that have favored the large number

of fungi in the environment and consequenty contaminate the animals.

Keywords: aspergillosis, dermatomycosis, turtles

1. INTRODUO

Os jabutis so animais pertencentes classe Reptilia, ordem Chelonia,

subordem Cryptodira, famlia Testudinidae, gnero Geochelone. As espcies brasileiras

so: Geochelone denticulata popularmente conhecida como jabuti-tinga (Figura. 1a) e

Geochelone carbonaria, conhecida como jabuti-piranga ou jabuti- das- patas- vermelhas

(Figura 1b) por possuir escamas vermelhas na cabea e nas patas (FLOSI et al.; 2000).

Os jabutis so animais terrestres, de corpo compacto, membros locomotores

cilndricos e robustos, prprios para suportar o pesado casco e caminhar em ambientes

rsticos. Os rpteis so ectotrmicos, o que demanda manejo e cuidados especiais aos

quelnios em cativeiro. De uma forma geral, a temperatura de conforto para os

quelnios est entre 25 a 30 C (CUBAS et al.; 2007).

As cinturas escapulares e plvicas inteiras encontram-se incorporadas dentro

do casco sseo, uma caracterstica anatmica apresentada somente neste grupo animal

(BIRCHARD e SHERDING; 1998).

REVISTA CIENTFICA ELETRNICA DE MEDICINA VETERINRIA ISSN: 1679-7353

Revista Cientfica Eletrnica de Medicina Veterinria uma publicao semestral da Faculdade de Medicina veterinria e Zootecnia de Gara FAMED/FAEF e Editora FAEF, mantidas pela Associao

Cultural e Educacional de Gara ACEG. CEP: 17400-000 Gara/SP Tel.: (0**14) 3407-8000

www.revista.inf.br www.editorafaef.com.br www.faef.edu.br.

Ano IX Nmero 16 Janeiro de 2011 Peridicos Semestral

Figura 1 a- Imagem fotogrfica de Geochelone denticulata e Figura 1 b- Imagem

fotogrfica de Geochelone carbonaia mantido em cativeiro no Zoolgico Municipal da

cidade de Gara- SP (Fonte: Arquivo Pessoal; 2010)

Os jabutis se diferenciam de outros rpteis por apresentarem um casco rgido

que os protege de predadores, das variaes climticas e de presses ambientais. O

casco uma estrutura ssea formada pela fuso de ossos da coluna vertebral, costelas e

cintura plvica. A poro superior do casco denominada carapaa e a poro ventral

plastro. Essas pores so unidas lateralmente por pontes. Esse arcabouo sseo

revestido por placas crneas, tambm chamadas escudos epidermais. Os escudos

epidermais so arranjados como mosaico, que no coincidem necessariamente com as

bordas de crescimento das placas sseas que revestem. De uma forma geral, os escudos

so dispostos em linhas simtricas e so denominados escudos vertebrais ou centrais, ao

lado destes, escudos costais ou laterais e na borda da carapaa escudos marginais. Pode

haver em certas espcies escudos pequenos e mpares, um sobre a cabea denominado

escudo nucal, e um sobre a cauda, o escudo supracaudal. No plastro os escudos so

simtricos e denominados conforme a regio em que se encontram. Da regio anterior

para a posterior so os escudos: gular, peitoral, abdominal, femoral e anal. Opostos aos

escudos marginais da carapaa esto os escudos inframarginais. Nas pontes ou junes

da carapaa com o plastro esto os escudos axilares e inguinais (Figura 2) (CUBAS et

al.; 2007).

1 a

aa

aa

aa

aa

aa

aa

aa

aa

1 b

REVISTA CIENTFICA ELETRNICA DE MEDICINA VETERINRIA ISSN: 1679-7353

Revista Cientfica Eletrnica de Medicina Veterinria uma publicao semestral da Faculdade de Medicina veterinria e Zootecnia de Gara FAMED/FAEF e Editora FAEF, mantidas pela Associao

Cultural e Educacional de Gara ACEG. CEP: 17400-000 Gara/SP Tel.: (0**14) 3407-8000

www.revista.inf.br www.editorafaef.com.br www.faef.edu.br.

Ano IX Nmero 16 Janeiro de 2011 Peridicos Semestral

Figura 2- estruturas do casco: 1 Escudos vertebrais ou centrais; 2 escudo

cervical ou nucal; 3 escudo marginal; 4 escudo pleural; 5 escudo umeral; 6 escudo

gular; 7 escudo peitoral; 8 escudo femoral; 9 escudo anal; 10 escudo abdominal; 11

ponte; Cr= Cranial; Ca= caudal (MCARTUR et al.; 2004)

O presente trabalho teve como objetivo realizar o levantamento de

endoparasitas e presena de fungos em animais com leses em casco nos quelnios

mantidos em cativeiro no Bosque Municipal Dr. Belrio Guimares Brando- Zoolgico

municipal da cidade de Gara- So Paulo no perodo de Maio a Julho de 2010.

2. REVISO DE LITERATURA

2.1 QUELNIOS

REVISTA CIENTFICA ELETRNICA DE MEDICINA VETERINRIA ISSN: 1679-7353

Revista Cientfica Eletrnica de Medicina Veterinri