Francisco Alves Machado - dos   Francisco Alves Machado - 1 Francisco Alves Machado Tribo

  • View
    215

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of Francisco Alves Machado - dos   Francisco Alves Machado - 1 Francisco Alves Machado Tribo

  • Francisco Alves Machado - www.tribodossantos.com.br

    0

  • Francisco Alves Machado - www.tribodossantos.com.br

    1

    Francisco Alves Machado

    Tribo dos Santos

    O nascimento de No e a parousia na genealogia de Ado

    1 edio

    EDIO DO AUTOR

    Rio de Janeiro

    2009

  • Francisco Alves Machado - www.tribodossantos.com.br

    2

    Francisco Alves Machado. 2009 Todos os direitos reservados. Nenhuma parte desta obra pode ser reproduzida ou transmitida por qualquer forma e/ou quaisquer meios ou arquivada em qualquer sistema ou banco de dados sem a permisso escrita do autor. ISBN: 978-85-910864-1-2 Editorao: Francisco Alves Machado e Cssio Augusto Rosa Machado

    Contato

    www.tribodossantos.com.br

    fraalvmac17@hotmail.com

  • Francisco Alves Machado - www.tribodossantos.com.br

    3

    OBRAS DO AUTOR

    1. Maldio do Templo do Sacerdote - Resgate do sentido original da doutrina de Jesus,

    1 Ed., Machado, editor, Rio de Janeiro, 2012.

    2. O Dilvio Na cronologia da realidade scio-histrica pr e ps-diluviana

    interpretada pela cronologia da teoria da genealogia de Ado LINHA DO TEMPO, 1

    Ed., Machado, editor, Rio de Janeiro, 2010.

    3. Os dois Perodos Intermedirias do Antigo Egito no contexto da expanso do grande

    mercado em tempo muito longo, 1 Ed., Machado, editor, Rio de Janeiro, 2010.

    4. Tribo dos Santos O nascimento de No e a parousia na genealogia de Ado, 1 Ed.,

    Machado, editor, Rio de Janeiro, 2009.

    5. O TEMPLO, 1 Ed., Machado, editor, Rio de Janeiro, 2012

  • Francisco Alves Machado - www.tribodossantos.com.br

    4

    Sumrio

    Introduo/ 6

    PRIMEIRA PARTE: Os oito primeiros sucessores de Ado e as correspondentes oito

    etapas do processo geral de expanso e complexao do grande mercado/ 9

    1.1. Auto-apresentao dos cinco primeiros sucessores de Ado (Set, Enos, Cainan,

    Malaleel e Jared). Os quais corresponde, simultaneamente, aos cinco primeiros sucessivos

    grandes imprios ps-diluviano, e s respectivas cinco etapas de expanso e complexao

    do grande mercado dessa era/ 9

    1.1.1. 1 CENA/ 9

    1.1.2. 2 CENA/ 9

    1.1.3. 3 CENA/ 9

    1.1.4. 4CENA/ 9

    1.1.5. 5 CENA/ 10

    1.2. Henoc, o sexto sucessor de Ado A primeira vinda do Escolhido, e o embate entre

    este, Henoc e os sacerdotes/ 10

    1.2.1. 6 CENA/ 10

    1.2.2. 7 CENA/ 10

    1.2.3. 8 CENA/ 11

    1.2.4. 9 CENA/ 12

    1.3. Matusalm, o stimo sucessor de Ado, e a correspondente stima etapa de expanso

    do grande mercado, caracterizada por se tratar de uma etapa de transposio da sexta e mais

    expansiva escala imperial (Henoc), para a escala global (Lamec) Lamec, oitavo sucessor

    de Ado, e respectiva oitava e ltima escala (global) de natureza expansiva do grande

    mercado - Lamec apresenta os dois primeiros grandes scios seus: a) Lutero (a tica

    protestante e o esprito do capitalismo); b) Rei Luiz XIV (representando o Mercantilismo e

    a Monarquia Absoluta)/ 14

    1.3.1. 10 CENA/ 14

    1.3.2. 11 CENA/ 14

    1.3.3. 12 CENA/ 15

    1.3.4. 13 CENA/ 16

    1.3.5. 14 CENA/ 16

    SEGUNDA PARTE A gang dos quatro gigantes: 1. Matusalm, a Igreja Feudal; 2.

    Lamec, a Besta mercado Global; 3. O Fero Capitalismo Industrial; 4. A Imagem da

    Besta, isto , o Sistema Financeiro Autnomo, nico e Global/ 18

    2.1. 15 CENA/ 18

    2.2. 16 CENA/ 18

    2.3. 17 CENA/ 19

    2.4. 18 CENA/ 22

    2.5. 19 CENA/ 22

  • Francisco Alves Machado - www.tribodossantos.com.br

    5

    2.6. 20 CENA/ 23

    2.7. 21 CENA/ 23

    2.8. 22 CENA/ 25

    TERCEIRA PARTE - O nono sucessor de Ado: O nascimento de No: o incio do

    longo processo de descanso ou consolao do Trabalho Natura-Social, o Criador,

    e o respectivo longo, grave e irreversvel processo de recesso da Besta Mercado

    Global No versus a gang dos quatro gigantes/ 26

    3.1. 23 CENA/ 26

    3.2. 24 CENA/ 26

    3.3. 25 CENA/ 29

    QUARTA PARTE A segundo vinda do Escolhido e a preparao para o Armagedom

    O intenso embate de idias entre o Escolhido e a gang dos quatro gigantes,

    disputando a opinio do pblico O grande banquete oferecido pelo Criador s aves

    do cu/ 30

    4.1. 26 CENA/ 30

    4.2. 27 CENA/ 30

    4.3. 28 CENA/ 32

    4.4. 29 CENA/ 33

    4.5. 30 CENA/ 34

    4.6. 31 CENA/ 35

    Eplogo/ 37

    1. 32 CENA/ 37

    2. 33 CENA/ 37

    3. 34 CENA/ 37

    4. 35 CENA/ 38

  • Francisco Alves Machado - www.tribodossantos.com.br

    6

    Introduo

    O nascimento de No e a parousia na genealogia de Ado

    Drama scio-histrico transcorrido em tempo longssimo

    Autoria de Francisco Alves Machado.

    Na forma de drama, no novidade apresentarmos a histria dos sucessores de Ado,

    registrada no livro Gnese, os quais protagonizam muitas das principais personagens. Pois,

    o autor do livro Henoc, escrito no III sculo a.C, j houvera dramatizado a referida

    histria.1 A novidade do presente texto apresentar o drama por que vem passando a

    humanidade, descrito no livro Gnese, segundo a histria dos sucessores de Ado, na forma

    de texto para pea teatral.

    Focalizamos alguns dos principais aspectos do drama que o referido autor tambm

    focalizou, mas exclumos muitos outros. E, centralizamos nosso foco em outros tantos

    aspectos por ele no abordados, sobretudo, correlacionamos cada sucessor de Ado com a

    respectiva realidade scio-histrica que ele representa.

    1 . O livro de Henoch - O livro das origens da cabala. Traduo de Mrcio Pugliesi e Norberto de Paula Lima.

    Este livro de simbolismo hermtico focaliza o drama vivido, entre outros, por algumas personagens, que

    integram a teoria da genealogia de Ado. Essa abordagem dramtica mostra, mais claramente, os aludidos

    personagens envolvidos em narrao dramtica: Henoc e Matusalm (p. 37-41); Matusalm e Malaleel (p.

    145); Lamec, Matusalm e Henoc (p. 206-207); Jared (p. 208).

  • Francisco Alves Machado - www.tribodossantos.com.br

    7

    Tanto o no "livro de Henoch como no presente texto, a teoria da genealogia de

    Ado aplicada, por um aspecto, como mtodo de interpretao do desenrolar da

    realidade histrica ps-diluviana.2 Enquanto que a referida teoria registrada no livro

    gnese foi elaborada por antigos pensadores pr-diluvianos, que a abstraram deste seu

    contexto histrico.

    O presente texto subdivide-se em quatro partes, mais o eplogo.

    PRIMEIRA PARTE Sucessiva auto-apresentao de cada um dos oito primeiros

    sucessores de Ado. Alguns entram em cena danando com os respectivos grupos de dana.

    Cada sucessor de Ado corresponde a uma das oito subseqentes etapas do processo de

    expanso do grande mercado. Seis destas so sucessivas escalas imperiais: Set (Novo

    Imprio Egpcio); Enos (Imprio Assrio); Cainan (Imprio Babilnico Caldeu); Malaleel

    (Imprio Persa); Jared (Imprio Macednico ou Helenstico); Henoc (Imprio Romano).

    Cada um dos oito sucessores de Ado personificado por um tipo que lhe

    caracterstico. Set o Novo Imprio Egpcio, e se apresenta personificado na figura de um

    fara... Henoc o Imprio Romano, e se apresenta personificado na figura de um imperador

    romano, e assim por diante.

    Quando Henoc vai concluindo sua auto-apresentao, entra em cena,

    espetacularmente, o Escolhido de Deus, isto , o Filho do Homem . Este chega danando

    rock animadamente e acompanhado de seus seguidores (danarinos).

    O Escolhido trava caloroso debate contra Henoc e outro personagem chamado

    Fariseu, visando libertar os indivduos, que vinham sendo oprimidos sob as seis sucessivas

    escalas imperiais. Por fim, todos saem de sena e prossegue a auto-apresentao, com o

    stimo sucessor de Ado, Matusalm (a poderosa Igreja e o respectivo regime feudal).

    Matusalm correspondeu etapa de transio, no mais baseada na cidade-estado, mas sim

    numa vasta rea de campo, cuja funo foi operar a transposio da expanso do grande

    mercado, que vinha transcorrendo em seis escalas imperiais, para faz-lo ascender

    subseqente escala global. Assim, segue-se a auto-apresentao do oitavo sucessor de

    Ado, Lamec (o Besta Mercado Global).

    SEGUNDA PARTE focalizada a gang dos quatro gigantes de nossa era, ou

    seja, grandes, poderosas e ricas entidades coletivas, que embora criadas pelos homens,

    tornaram-se autnomas e opressora dos indivduos. O primeiro chama-se Matusalm, a

    Igreja, que teve origem na poca feudal, e que representa as demais instituies religiosas

    hierarquizadas; o segundo Lamec, o Besta Mercado Global. Os dois outros gigantes se

    desenvolveram no bojo deste. So eles: o Fero Capitalismo Industrial, e, a Imagem ou

    equivalncia em valor do Besta mercado global, isto , o Sistema Financeiro

    Autnomo nico Global.

    Os quatro gigantes dialogam entre si, vangloriando-se por submeterem os indivduos

    e devastarem a natureza, sem encontrarem grandes resistncias. Pois, eles mantm esses

    indivduos alienados, submissos e adorando seus prprios algozes. Os quatro comemoram

    festivamente essas vitrias, ao som de alegre msica clssica.

    TERCEIRA PARTE Entra em cena a jovem e graciosa No, filha de Lamec e a

    nona sucessora de Ado. Ela entra repenti