Fotografia atualizada

  • Published on
    22-Dec-2014

  • View
    678

  • Download
    0

Embed Size (px)

DESCRIPTION

 

Transcript

  • 1. FOTOGRAFIAA fotografia, antes de tudo umtestemunho. Quando se aponta a cmarapara algum objeto ou sujeito, constri-seum significado, faz-se uma escolha,seleciona-se um tema e conta-se umahistria, cabe a ns, espectadores, oimenso desafiode l-las.Ivan Lima

2. fotografia , essencialmente, a tcnica de criao de imagenspor meio de exposio luminosa, fixando esta em uma superfciesensvel.As descobertas cientficas na rea de tica e qumicaconvergiram para a produo de uma nova forma de arte: AFOTOGRAFIA. Nipce um qumico francs em 1826 realiza a primeiraimagem fotogrfica, uma vista do ptio da sua casa. A imagem foi conseguida por meio da exposio de umaplaca de estanho polido em exposio durante oito horas. 3. Em 1839 Henry Fox, aperfeioou o processo da fotografia, prensando folhas,penas e pedaos de renda contra papel preparado que era exposto luz do sol. Logo se seguiram outros avanos, at os dias atuais como a cmera digital 4. Regra dos teros Regra dos Teros uma tcnica utilizada na fotografia para seobter melhores resultados. Para utiliz-la deve-se dividir a fotografia em 9 quadros,traando 2 linhas horizontais e duas verticais imaginrias, Posiciona- se nos pontos de cruzamento o assunto que sedeseja destacar para se obter uma foto equilibrada. 5. Regra dos teros 6. Vik Muniz Artista plstico que nasceu em SoPaulo, 1961. Seu trabalho caracteriza-se por mexercom os sentidos do observador. Trabalha com imagens ilusrias,imagens que de perto parecem umacoisa e de longe so outras. Faz esculturas perecveis e comestveisque se eternizam atravs dafotografia. Uma pizza vira um rosto e calda dechocolate assume formas humanas ede coisas, como quando desenhou umamultido nas ruas de Nova Yorque. Um monte de alfinetes transforma-seem uma imagem e Mona Lisas sofeitas com pasta de amendoim e gelia. 7. Valentina, Vik MunizSerie Sugar Children>Essa srie rene retratosrecriados com acar de crianasque o artista conheceu no Caribee cujos pais trabalham emcanaviais.Nela o artista busca revelaratravs dos retratos das crianasum panorama de suas vidas e,dessa forma, destaca o tema desua obra por meio da forma comoa cria. 8. Para refletir Somos o que produzimos. E talvez at sejamos mais aquiloque deitamos fora. Vik Muniz, o artista brasileiro radicado em Nova Iorque quefez rplicas da Mona Lisa em manteiga de amendoim e fixouretratos em acar, passou dois anos no maior aterro do Riode Janeiro a fotografar a rotina, ora briosa ora envergonhada,de quem separa dejetos. Joo Jardim filmou o "LixoExtraordinrio" do Jardim Gramacho - que chega hoje aoscinemas. Um trabalho sujo, que algum tem de fazer. Outinha, porque alguns catadores viraram estrelas. http://www.ionline.pt/conteudo/119629-vik-muniz-o-humor-e-ferramenta-sobrevivencia-na-lixeira 9. Fotografia de GuerraD-se o nome de fotografia de guerra s imagens fotogrficas de conflitosarmados e da vida quotidiana e militar em reas em situao de guerra. Brady trouxe os horrores da guerra civil, atravs de sua cmera escura .Enquanto ficava encurvado ali dentro, processava chapas de vidro ea batalha rugia a sua volta. Sua fotografia de esqueletos ainda pendurados registraram comautenticidade a dura realidade da guerra. 10. Jacob Riis foi reprter policial e registrou diretamente a violncia das srdidas favelas da cidade.Autodidata, durante cerca de dezanos Riis documentou favelas,guetos de imigrantes miserveis,em condies de semi-escravido e sem o mnimo decondies sanitrias.Suas fotos, chocantes para apoca, ajudaram a mobilizar aopinio pblica em favor de leis Fotografia relativas a educao, trabalho eDocumentalmoradia. 11. RetratoNadar, caricaturista francs, comeou a fotografar as principais figuras artsticasde Paris. Tornou-se no primeiro fotgrafo a realizar fotografia area, a utilizariluminao artificial.Sarah Bernhardt 12. Fotografia de Arte Julia Cameron com lentes especiais em suas cmeras, produziu efeitos de foco suave e as vezesexcessivamente sentimentais. As influncias de Cameron so vrias: religiosa (Velho e o NovoTestamento), mitologia grega, pinturas renascentistas, literatura. Essas influncias, de uma maneira oude outra, passam pelo "imaginrio coletivo".Chame, Eu sigo; Deixe-me morrer. 13. SEBASTIO SALGADO Minhas fotografias so um vetor entre o que acontece no mundo e as pessoasque no tm como presenciar o que acontece. Espero que a pessoa que entrarnuma exposio minha no saia a mesma.SebastioSalgado Mineiro, tornou-se em uma importante referncia em fotojornalismo. Seu acervo abarca temas diversos: guerras, trabalhadores rurais, diferentesculturas, o indio, os africanos. A dor, misria, medo, solido, a natureza, etc. Autor de diversos livros nos quais relata os episdios que documentou. Na introduo de xodos, escreveu: "Mais do que nunca, sinto que a raahumana somente uma. H diferenas de cores, lnguas, culturas eoportunidades, mas os sentimentos e reaes das pessoas so semelhantes.Pessoas fogem das guerras para escapar da morte, migram para melhorar suasorte, constroem novas vidas em terras estrangeiras, adaptam-se a situaesextremas" 14. GENERO FOTOGRAFIA DE CARTER SOCIAL. 15. The Serra Pelada - gold mine - Brasil(1986). 16. Tigre (1985). 17. Artur OmarArthur Omar um artista brasileiromltiplo, com presena de ponta em vriasreas da produo artsticacontempornea.Formado em antropologia eetnografia. Desenvolveu novos mtodos deantropologia visual. Trabalha com cinema, vdeo, fotografiainstalaes, msica, poesia, desenho,alm de ensaios e reflexes tericas sobreo processo de criao e a natureza daimagem.Srie "Antropologia da face gloriosa"Intuies Atlticas da srieAntropologia, 1998100 X 100 cm 18. SerigrafiaTcnica de impresso da gravura quereproduz desenhos de cores planas atravs deuma armao de madeira e tela feita de tecidode seda, nilon ou rede metlica, sobre umabase que pode ser de papel, tecido, metal ououtros.O processo se d a partir da aplicao detinta sobre partes permeveis e impermeveisda tela, que a filtra formando o desenho a serimpresso.O termo sinnimo silkscreen normalmenteutilizado num contexto comercial. 19. Para compor algumas de suas famosas serigrafias mltiplas e coloridas, AndyWarhol fotografou com uma cmera Polaroid diversas personalidades.Feitos a curta distncia e com o flash estourado, os retratos instantneos do artista que revolucionou a Pop Art tm hoje grande valor histrico e artstico.