Energias Renováveis

  • View
    6.495

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of Energias Renováveis

  1. 1. ENERGIAS RENOVVEIS
  2. 2. ENERGIAS RENOVVEIS Actualmente, cerca de 95% da energia utilizada proveniente de carves minerais, petrleo e gs natural, isto , de fontes de energia no renovveis. Torna-se cada vez mais claro que a produo de carvo, petrleo e gs natural no pode continuar indefinidamente, pelo que a necessidadedeencontrar energias alternativas e renovveis cada vez maior. Das alternativas possveis, as mais estudadas so a energia solar, a elica, a hidroelctrica, a geotrmica e a das mars.
  3. 3. ENERGIA SOLAR A energia solar constitui uma fonte inesgotvel de energia que pode ser aproveitada com finalidades trmicas atravs de dois sistemas: o solar activo e o solar passivo. O sistema solar activo consiste no aquecimento da gua atravs de painis solares, convenientemente orientados, que absorvem a radiao solar e transferem o calor para esse fluido. O sistema solar passivo consiste na utilizao arquitectnicaatravsda disposio dos edifcios de forma a captar e armazenarcalor. A energia solar pode tambm ser utilizada na produo de energia elctrica, com base em clulas fotovoltaicas.
  4. 4. A produo de electricidade a partir da energia solar feita atravs de espelhos (colectoressolares)que recebemaradiao solar, concentrando-a a fim de aquecer um fludo. Este, uma vez aquecido, utilizado para produzir vapor de gua que vai accionar a turbina que, por sua vez, pe em movimento o alternador. A converso de energia solar em elctrica, mediante clulas fotovoltaicas, apresenta algumas vantagens: a electricidade produz-se directamente a partir da radiao solar sem contaminao nem rudo, os sistemas fotovoltaicos podem operar a qualquer escala e em qualquer ambiente, a energia elctrica pode ser gerada no local onde vai ser utilizada. No entanto, o custo das clulas fotovoltaicas e o uso de produtos qumicos txicos no seu fabrico so inconvenientes desta tecnologia
  5. 5. ENERGIA ELICA A energia elica, desde longa data, tem sido aproveitada atravs de moinhos de vento para moer cereais ou para bombear gua e principalmente na navegao martima dos veleiros. Actualmente, com o avano da tecnologia, surgiram os denominados aeromotores ou turbinas elicas que transformam a energia elica em energia elctrica.
  6. 6. Os parques elicos so constitudos geralmente por 10 a 30 unidades de turbinas elicas, estando localizados em zonas abertas com uma mdia anual da velocidade do vento elevada. O aproveitamento da energia elica muito limitado devido variabilidade do vento quanto intensidade e direco, criando determinadas restries. No entanto, esta forma de energia apresenta a vantagem de permitir que os seus geradores possam ser construdos e instalados individualmente, permitindo por este facto instalar-se em qualquer zona.
  7. 7. ENERGIA GEOTRMICA A energia geotrmica resulta do calor interior da Terra que, devido a fenmenos vulcnicos recentes, radioactividade natural das rochas e elevao do manto, pode ser aproveitado para a produo de energia. Existem dois tipos de geotermia: de baixa temperatura - se a temperatura do fluido inferior a 150 oC; e de alta temperatura - se a temperatura do fluido superior a 150 oC.
  8. 8. O aproveitamento da geotermia de baixa temperatura feito em estncias termais, quer para utilizaes teraputicas quer para aquecimento de piscinas e guas de hotis. Pode, ainda, ser aplicada na agricultura, na piscicultura e em alguns processos industriais. A geotermia de alta temperatura poder ser utilizada para a produo de electricidade e posterior aproveitamento trmico. Ex: ilha So Miguel, Aores. Como todas as energias renovveis, esta possui vantagens e desvantagens. O impacte ambiental desta energia bastante moderado. Ao nvel da utilizao e alterao dos solos o impacte tambm muito reduzido. No entanto, existem poucos locais com potencial geotrmico. Da utilizao da energia geotrmica resulta poluio: alguma poluio atmosfrica, como a emisso de CO2, embora seja mais baixa em comparao com os combustveis fsseis; poluio sonora e cheiros desagradveis.
  9. 9. ENERGIA HIDROELCTRICA As populaes tm utilizado as quedas de gua como uma fonte de energia j h muitos anos. A energia gerada pela queda de gua utilizada para movimentar turbinas e produzir electricidade. A energia hidrolectrica uma energia renovvel, mas as barragens construdas para a sua produo tm um tempo de durao limitado. Todos os rios transportam sedimentos que podem assorear o lago da barragem.
  10. 10. Uma central hidroelctrica consiste numa instalao para a produo de energia elctrica mediante a transformao de energia hidrulica. Esta basicamente composta por um gerador ou fonte de energia, alternador, conjunto de motor e estao transformadora. As centrais hidroelctricas localizam-se normalmente nos leitos dos rios ou em zonas onde as guas desaguam em superfcies lquidas naturais ou artificiais. No entanto, nem todos os locais so adequadospara a construo de barragens, pois aconstruo destas vai interferir no ecossistemaexistente. Para a produo bruta de energia elctrica emPortugal, obtida a partir das vrias fontesenergticas, a energia hdrica contribui comcerca de 30%, enquanto que os combustveisfsseis contribuem com os restantes 70%.Em Portugal prev-se que, at ao ano2010, duplique o aproveitamento da energiahidrulica.
  11. 11. ENERGIA MARS Aenergiadasmars consistenoaproveitamento dos desnveis de gua queresultam dessa subida e descida das mars. O princpio de funcionamento de uma central de mar bastante semelhante ao funcionamentodeuma central hidroelctrica, no que diz respeito ao aproveitamento da energia cintica das massas de gua. Estas centrais so instaladas muito perto da foz dos rios ou j no oceano em locais com caractersticas especiais, onde exista a capacidade de armazenamento de gua. Desta forma, possvel obter desnveis que resultam dos diferentes nveis das mars.
  12. 12. medida que a mar sobe ou desce, agua passa atravs de comportas, oranumsentido, ora noutro.Seguidamente, so accionadasturbinas que transformam a energiamecnica em elctrica. Na Europa foi construda uma centralde produo de energia das mars emLa Rance (Frana), a 10 km dadesembocadura do rio Rance no Canalda Mancha. Neste local a amplitude da mar de 13 metros. Esta central est em funcionamento desde 1966