Jornal Cidade - Lagoa da Prata - Nº 83 - 29/09/2016

  • Published on
    20-Feb-2017

  • View
    53

  • Download
    0

Embed Size (px)

Transcript

<ul><li><p>www.sicoob.com.br Crediprata</p><p>Lagoa da Prata, 29/SETEMBRO/2016 Ano 4 Edio N 83. Tiragem: 4.000 Exemplares Distribuio Gratuita</p><p>ACESSE NA INTERNET:</p><p> jornalcidademg </p><p>www.jornalcidademg.com.br</p><p>Noite de reconhecimento, glamour e confraternizao</p><p>Confira como foi aCerimnia de entrega do prmio As 100 Melhores Empresas e Profissionais de Lagoa da Prata PG. 11 A 14</p><p>lCOTIDIANO</p><p>PM de Lagoa da Prata inicia fiscalizao com bafmetro no municpio. Pg. 18</p><p>lCOTIDIANO</p><p>lELEIES 2016Lagoa da Prata a 4 cidade com a maior nota do IDEB em Minas Gerais Pg. 10</p><p>Candidatos da Sade ganham votos com a doena dos eleitores PG. 02</p><p>PG. 04</p><p>Pesquisa aponta favorito prefeitura de Moema</p></li><li><p>Lagoa da Prata,</p><p>29/09/20162 lEDITORIAL</p><p>CARTA DO EDITORJULIANO ROSSI</p><p>juliano@jornalcidademg.com.br</p><p>Candidatos da Sade ganham votos com a doena dos eleitores </p><p>Candidatos prefeitura de Lagoa da Prata acumulam saldo positivo de</p><p>R$ 25 mil na execuo das campanhas</p><p> preciso ter um p atrs com os candidatos polticos que se proclamam como porta--vozes da sade. fulano da sa-de, ciclano da sade e beltrano da sade. Tenho muitas dvidas em relao verdadeira inteno deles quando se colocam na disputa elei-toral com esse nome. Geralmente, esses postulantes possuem algum ti-po de trabalho prestado na rea de sade e com isso conseguem trocar o voto dos eleitores mais frgeis por um trabalho bem feito que tenham realizado. Muitos se aproveitam da vulnerabilidade das pessoas, do mo-mento em que elas mais precisam de ajuda, para captar votos. O candidato da sade, ao fazer bem feito o seu trabalho, no fez na-da mais do que a obrigao pela qual foi remunerado. Esse candidato s existe enquanto existir a doena das pessoas. E o eleitor que fique atento, pois no deve favor a esse candidato. Voc deve escolher o candidato pela capacidade dele em exercer o cargo e compromisso com a comunidade. So duas coisas indissociveis. A ca-pacidade de entender de leis, mui-tas complexas, sem o compromis-so social torna o vereador em po-tencial legislador de causa prpria. E a ausncia de capacitao aliada ao compromisso com o povo torna o indivduo uma vaquinha de pre-</p><p>D as trs chapas que disputam as eleies em Lagoa da Prata, so-mente uma est com as contas no vermelho, segundo informaes pres-tadas Justia. Os candidatos Prefeitu-ra tm poucos dias para correr atrs de votos, mas no caso do candidato Divini-nho, tambm tem pouco tempo para cap-tar recursos e no terminar a campanha com dvidas. O balano das prestaes de contas de todos os concorrentes revela-va um saldo positivo de R$ 25.587,59 at a ltima quarta-feira, s 11h, de acordo com o site do TSE. O candidato Di-Gianne arrecadou R$ 59.750,00 e contratou despesas de R$ 31.785,29. As maiores despesas foram </p><p>spio, que ocupar uma cadeira na Cmara e far (e dir) um monte de bobagens durante os prximos qua-tro anos. Portanto, preciso escolher candidatos que tenham compromis-so com a coletividade e, sobretudo, que tenham conhecimento e capaci-dade para analisar e votar os textos das leis. legtimo o cidado militante na rea de sade postular um cargo na Cmara, como tambm desej-vel que ele tenha um nome prprio, uma histria pessoal que dispense o codinome de oportunista da sade. Existem bons candidatos da sade ou no que esto na disputa a uma vaga na Cmara. Como existem mui-tos outros que esto despreparados e parecem que buscam mesmo ape-nas uma fonte de renda extra. Vote consciente.</p><p>de publicidade de materiais impressos (R$ 15.499,00) e gastos com pessoal (R$ 10.354,00). O candidato Divininho arrecadou R$ 25.120,00 e contratou despesas de R$ 66.159,00. As maiores despesas foram com atividades de militncia e mobilizao de rua (R$ 31.740,00) e publicidade de mate-riais impressos (R$ 27.919,00). J o candidato Paulinho Despachante arrecadou R$ 88.305,50 e contratou des-pesas de R$ 49.643,62. As maiores despe-sas contratadas foram com publicidade por materiais impressos (R$ 18.183,45) e publicidade por adesivos (R$ 15.550,00). Confira abaixo o detalhamento das contas de campanha dos candidatos:</p></li><li><p>Lagoa da Prata,</p><p>29/09/20164 lPOLTICA</p><p> Conhecido por Nino, que partiu re-pentinamente para junto de Deus dei-xando muitas lem-branas. Contribuiu mui-to para o esporte em Lagoa da Prata e tor-cia, fielmente, para o Cruzeiro. Imi tava o can -to dos pssaros. Co-nhecia cada um de-les. Contou inme-ras histrias e as que mais gostvamos de ouvir eram as suas pescarias. Momen-tos felizes de convi-vncia em famlia, onde ele demonstra-va diariamente, atra-vs de gentilezas, o amor pelos familia-res e amigos. E s tava sempre presente, sabiamen-te ensinava aos pe-quenos e por onde passou influenciou--nos a melhorar! </p><p> Agradeo a todos os amigos e fami-liares que prestaram a ltima home-nagem ao amado Nino. Agradeo especialmente minha sobrinha Michele (Deus sabe o que ela fez) e tambm ao Adriano Srgio, pe-lo companheirismo e apoio. So dois anjos que Deus colocou em minha vi-da. </p><p> No posso deixar de agradecer e re-conhecer o carinho e o atendimento oferecido pelo Sr. rico Matucuma e toda a equipe da Funerria So Fran-cisco. Sr. rico um ser humano ilu-minado, com um corao enorme e temos que agradecer por ter em Lagoa da Prata um cidado to comprometi-do com as necessidades das famlias.</p><p> Foi um homem de f! Obrigado por tantas alegrias! Obrigado por fazer parte de nossas vidas! Saudades eternas.</p><p>Adir Jos Soares,</p><p>Agradecimentos</p><p>Homenagem de sua esposaZita Rodrigues Ferreira Soares</p><p>Zita Rodrigues Ferreira Soares</p><p>* 19/05/1946 04/06/2016</p><p>rico Matucuma Michele Adriano Srgio</p><p>Eleies 2016:</p><p>Pesquisa aponta favorito prefeitura de Moema</p><p>lO Instituto de Pes-quisa Promidia di-vulgou ontem o resulta-do de uma pesquisa que avaliou a gesto do atual prefeito de Moema, Jul-van Lacerda, e a inteno de votos do eleitorado lo-cal. O levantamento foi realizado entre os dias 16 e 18 de setembro, com 306 pessoas entrevista-das. A pesquisa est re-gistrada no TSE (Tri-bunal Superior Eleito-ral) sob o nmero MG-09555/2016. O intervalo de confiana de 95% e a margem de erro mxima estimada foi de 5 pontos percentuais para mais ou para menos. A pesquisa foi realizada com recur-sos prprios do instituto. No questionrio apli-cado da pesquisa esti-mulada, os entrevista-dos responderam per-gunta: Destas chapas citadas abaixo, se a elei-o fosse hoje, em qual delas voc votaria?. O atual prefeito e seu vice, Julvan e Alaelson, foram escolhidos por 63,4% dos </p><p>entrevistados. A chapa que tem como candidato o empresrio e vereador Fernando Cardoso e a sua vi-ce Mrcia do Arnaldinho receberam 25,8% das inten-es de voto. Branco e nulo foram 1,3% e no soube-ram/no quiseram opinar 9,5%. Confira a pesquisa na ntegra no site www.pro-midiapesquisas.com.br . Mais informaes podem ser obtidas pelo telefone (31) 99722-2287.</p><p>DA REDAO contato@jornalcidademg.com.br</p><p>Imagem retirada do site do Instituto Promidia</p></li><li><p>Lagoa da Prata,</p><p>29/09/20166 lPOLTICA</p><p>A cidade que o prefeito ir administrar em 2017</p><p>Levantamento feito pelo Jornal Cidade mostra a estrutura que o prefeito eleito no prximo domingo ter que administrar</p><p>l Aps quase quatro anos de gesto do atual prefei-to Paulo Csar Teodoro, que tambm disputa as eleies, o chefe do Executivo de Lagoa da Prata eleito no prximo domin-</p><p>SADE</p><p>Unidades Bsicas de Sade (UBS): 10 UnidadesAmbulatrios: 2 Unidades - uma de fisioterapia e uma de atendimento sade mental (Caps)Unidades de Sade Bucal: 6 Unidades (localiza-das nas UBS)Centro de Especialidades Odontolgicas (CEO): 1 UnidadePoliclnicas: 2 UnidadesUPA: 1 Unidade (realiza de 150 a 200 atendimen-tos por dia)Hospital: O municpio mantm convnio com o Hos-pital So Carlos, atravs de recursos vinculados do SUS e de recursos prprios, para ajuda de custeio de cirurgias, internaes, pagamentos de mdicos e manuteno do CTI e atendimentos ambulatoriais e de urgncia.</p><p>EDUCAO</p><p>Creches: 5 UnidadesCemeis: 4 Unidades Escolas de Ensino fundamental: 4 UnidadesCemae (Centro Municipal de Atendimento ao Educando): 1 Unidade em parceria com a Secreta-ria de SadeAlunos da Rede Municipal: 2700 Professores da Rede Municipal: 200 Profissionais da Educao do Municpio: 470</p><p>PLANEJAMENTO E FINANAS</p><p>Oramento para 2017: A Secretaria Municipal de Fa-zenda ainda no estimou o valor do oramento con-solidado que ser executado no prximo ano, mas a expectativa que fica em torno de R$ 100 milhes. O oramento consolidado do Municpio em 2016 (que inclui as receitas da Prefeitura, Cmara e SA-AE) foi estimado em R$ 96 milhes, sendo R$ 12 mi-lhes do SAAE, R$ 2,8 milhes da Cmara e R$ 81,2 milhes da Prefeitura.Folha de Pagamento: R$ 2.706.128,00 (valor refe-rente ao ms de agosto)</p><p>ESTRUTURA</p><p>Secretarias: 11 secretarias e 1 autarquia (SAAE)Servidores: 1.100 servidores efetivos e mais 36 ser-vidores comissionados, total de 1136 servidores. Cargos Comissionados: O municpio tem 78 car-gos comissionados, mas 42 so ocupados por ser-vidores efetivos. Estagirios: 35 (dados do ms de agosto/2016).*O municpio no possui servidores contratados, apenas alguns cargos como salva-vidas e mdicos de PSF, que foram admitidos por processo seletivo, por falta destes servidores esto aguardando vaga no concurso pblico vigente.Veculos da Prefeitura: 89Bairros: 25 Imveis: 24 mil (residncias, comrcios e lotes).</p><p>HABITAO </p><p>Nmero de Habitantes: 50.714 (estimativa do IB-GE para 2016)Moradores de Rua: 3, que esto acompanhados com reintegrao junto famlia ou encaminhados para tratamento (dados do ms de agosto)Migrantes Moradores de Rua: 6 pessoas no ms de agosto, que receberam passagem para voltar para a sua cidade.Populao Urbana: 98,8%Populao Rural: 2,2%</p><p>SANEAMENTO</p><p>Coleta e Tratamento de Esgoto: 100% da popu-lao atendida com a coleta e o tratamento do esgoto.Coleta Seletiva: 24 bairros so atendidos com a coleta porta a porta, uma vez por semana. No Cen-tro realizada todos os dias. So coletadas 90 to-neladas por ms.</p><p>go, encontrar uma cidade com importantes conquistas e mui-tos desafios. O Jornal Cidade fez um le-vantamento do cenrio que o futuro governante administra-r a partir de janeiro de 2017, </p><p>com detalhes sobre aes nas reas de sade, educao e ha-bitao, que atingem direta-mente os cerca de 50 mil habi-tantes e tero que caber dentro do oramento prximo de R$ 100 milhes em 2017. </p><p> Entre outras atribuies, o prefeito eleito para administrar Lagoa da Prata nos prximos 4 anos ter que gerenciar 10 Uni-dades Bsicas de Sade, 1 Uni-dade de Pronto Atendimento, 2 ambulatrios, 4 escolas, 5 cre-</p><p>ches, 4 Cemeis, 11 secretarias e 1 autarquia, e 1.136 funcion-rios. Alm disso, ser necess-rio buscar alternativas para a melhoria do trnsito e garantir mais segurana para a popula-o.</p><p>DA REDAO contato@jornalcidademg.com.br</p><p>HABITAO HABITAO </p><p>Nmero de Habitantes: 50.714 (estimativa do IB-GE para 2016)</p><p>FONTES: PMLP / IBGE</p></li><li><p>jornalcidademg.com.br</p><p>29/09/2016 7lCOTIDIANO</p><p>Autoescola Central eleita pela populao como a melhor empresa do segmento em Lagoa da Prata e JaparabaNos ltimos anos a Autoes-cola Central manteve a he-gemonia na preferncia po-pular e foi condecorada pe-los principais rgos de re-conhecimento empresarial</p><p>lA opinio pblica, mais uma vez, consagrou e escolheu em 2016 a Autoescola Central como a melhor empresa do seg-mento em Lagoa da Prata. Fun-dada em 2008, teve duas gestes sem sucesso significativo. Mas a grande transformao aconte-ceu em junho de 2011, quando o empresrio e administrador Ga-briel Miranda adquiriu a Autoes-cola Central com muito esforo e dedicao. Lembro at hoje das noites perdidas e mal dormidas. Tinha tudo para dar errado, mas deu certo, com persistncia e f, comemora o empresrio. Em novembro de 2013, a em-presa abriu uma filial em Japa-raba. Fizemos a diferena tam-bm para essa cidade to acolhe-dora. Na poca, em Lagoa da Pra-ta, tnhamos apenas 2 carros e 2 motos. J chegamos a ter mais de 12 carros em Lagoa da Prata, no ano de 2015. Devido a crise que abalou o pas, ainda temos a maior frota. De 2011 em diante, sempre conquistamos o prmio DESTAK EMPRESARIAL, com n-dices acima da mdia, e desde o surgimento do evento AS 100 MELHORES EMPRESAS, da ACE/CDL, conquistamos o primeiro lugar em todas as edies, afir-ma Miranda Um exemplo que comprova a fora da empresa a quantidade de novo alunos inscritos no per-odo de um ano. De acordo com os dados divulgados pelo site do Detran-MG, com acesso dispon-</p><p>vel a qualquer pessoa, de agosto de 2015 a agosto de 2016, num to-tal de 1462 alunos matriculados em Lagoa da Prata, a Autoesco-la Central inscreveu 852 alunos, equivalente a 58% do mercado. O diretor explica que o segre-do da empresa oferecer um tra-balho diferenciado aos clientes. No fazemos o comum que as pessoas esto habituadas a en-contrar em outras autoescolas. Temos planejamento. Trabalha-mos com meta e foco. No te-mos medo de crise, pois na cri-se que estamos crescendo. Esse ano alcanamos a meta de 60% do mercado de habilitao. Va-mos mais longe. Temos consul-tor financeiro, jurdico, pessoas responsveis pelo marketing da empresa e, alm de tudo, uma equipe reformulada e nova. Fa-zemos as adaptaes necess-rias para a satisfao de nossos alunos. Fazemos treinamento de nossa equipe, com pesquisa e avaliao de desempenho. Se temos colaboradores que no vivem a cultura da empresa, os mesmos so substitudos. Refor-mulamos para crescer, pois inde-pendente de qualquer situao a empresa ir progredir. Respon-demos s crticas de um modo </p><p>geral com muito trabalho e ino-vao. Por isso, no sou eu que diz que somos a melhor autoes-cola da cidade, mas a populao que nosso melhor termme-tro. Muita gente que nunca so-nhou tirar sua habilitao, teve conosco essa oportunidade, res-salta o empresrio.</p><p>PROGRAMACNH POPULARA Autoescola Central realizou nos dias 17 e 18 de Setembro a quarta edio do PROGRAMA CNH POPULAR em Lagoa da Pra-ta. A iniciativa oferece ao candi-dato/condutor a oportunidade de conquistar suas habilitaes de carro, moto, nibus e carre-ta com preos populares, no </p><p>perdendo a qualidade do ser-vio que a autoescola oferece. Cerca de 320 novos alunos fo-ram beneficiados pelo progra-ma. Obtivemos um grande su-cesso. Vieram desta vez, os con-sultores, Fernando e Felipe, da equipe do Programa CNH Popu-lar, que trouxeram e proporcio-naram condies especiais para as pessoas tirarem a sua habilita-o. Nesse momento de crise is-so muito importante. O resul-tado foi alm do esperado, ex-plicou Miranda.</p><p>NOVIDADEOutra inovao que ser implan-tada no ms de outubro o Car-to do Aluno, para as aulas pr-ticas de carro, nibus e carreta, com todas as aulas armazenadas em um microchip ao ser coloca-do nos veculos. Tudo monitora-do via satlite. Temos um novo site (www.autoescolacentralla-goa.com.br) com notcias e in-formaes atualizadas diaria-mente. Estamos desenvolven-do uma plataforma de dados para acesso exclusivo dos alu-nos da autoescola central, a pro-</p><p>vas, a contatos com seu instru-tor, chat, grupos de discusso, oramentos e informaes ge-rais. O aluno tambm pode fa-zer seu oramento pelo whatsa-pp, pela internet. Somos a ni-ca autoescola a ter um sistema desse tipo e em breve seremos a primeira a testar o sistema de cmeras e...</p></li></ul>