of 16/16
ABSOLUTISMO ABSOLUTISMO

Absolutismo i

  • View
    15

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of Absolutismo i

  • ABSOLUTISMO

  • ESTADO NACIONALFormou-se na transio da Idade Mdia para a Idade Moderna.Se opunha a duas foras caractersticas da Idade Mdia:

    a) Ao poder local dos nobres feudais.b) Ao poder universal da Igreja Catlica.

  • CARACTERSTICAS DO ESTADO NACIONALDemarcao de um territrio;Unificao das Leis, Justia, Impostos, Moedas e principalmente Exrcito.Valorizao de eventos histricos nacionais.

  • REGIME ABSOLUTISTAConcentrao do poder nas mos do rei.Nobreza e Clero sob o poder do rei.

    UM REI, UMA LEI, UMA F

  • TERICOS DO ABSOLUTISMOJEAN BODIN (1530-1596)

    Os seis livros da repblica ORIGEM DO PODER DIVINO DOS REISJACQUES BOSSUET (1627-1704)A poltica segunda a sagrada escrituraDireito DivinoTODO GOVERNO LEGTIMO

  • TERICOS DO ABSOLUTISMONICOLAU MAQUIAVEL (1469-1527)

    - O Prncipe

    - As razes do Estado deveriam ser superiores a tudo, e no interesse do Estado, justificava-se a utilizao de artimanhas, ardis poltico e at o emprego da fora e da violncia. A fora justa, quando necessria.

    - OS FINS JUSTIFICAM OS MEIOS

  • TEORICOS DO ABSOLUTISMOTHOMAS HOBBES (1588-1679)

    - O LeviatA sociedade humana apresentava uma tendncia aos caos.Somente um poder centralizado no poder do Rei pode controlar o instinto predador do homem.

    O HOMEM LOBO DO HOMEM

  • Reis AbsolutistasFrana: Lus XIV (1643-1715)

    - Colbertismo- Palcio de Versalhes- Revogou o Edito de Nantes (fim da liberdade religiosa)- LEtat cest moi O Estado sou Eu

  • Assinale a opo que expressa corretamente uma prtica dos Estados Modernos Absolutos europeus nos sculos XV - XVIII.a) Combate aos privilgios da nobreza.b) Centralizao poltica e administrativa.c) Poltica econmica liberal.d) Fragmentao territorial.e) Abandono do tributarismo e do fiscalismo.

    RESPOSTA B

  • O maior representante do absolutismo francs, autor da frase "O Estado sou eu", foi:a) Henrique VIII.b) Felipe II.c) Carlos V.d) Lus XIV.e) Jaime I.

    RESPOSTA D

  • Principalmente a partir do sculo XVI vrios autores passam adesenvolver teorias, justificando o poder real. Um deles Maquiavel: afirma que a obrigao suprema do governante manter o poder e a segurana do pas que governa. Para isso deve usar de todos os meios disponveis pois que "os fins justificam os meios." Professou suas idias na famosa obra:a) "Leviat"b) "Do Direito da Paz e da Guerra"c) "Repblica"d) "O Prncipe"e) "Poltica Segundo as Sagradas Escrituras

    RESPOSTA D

  • OLHA A CARA DE QUEM ERROU!

  • PARABNS

  • O Mercantilismo pode ser descrito como "expresso econmica da aliana poltica realeza-burguesia", tendo como caractersticas, exceto:a. metalismo.b. protecionismo alfandegrio.c. balana comercial favorvel.d. monoplio comercial.e. liberdade de comrcio.

    RESPOSTA E

  • O "bulhonismo" ou entesouramento, caracterizava a prtica mercantilista do incio dos tempos modernos. Tal prtica pode ser entendida como:a) a exclusividade econmica garantida pelas metrpoles no comrcio colonial.b) a disposio dos europeus em defender seus interesses econmicos por meio de sucessivos tratados.c) a inteno das naes ibricas no sentido de liderar uma unificao econmica europia.d) a preocupao dos portugueses e espanhis em garantir o desenvolvimento da economia de suas colnias.e) a disposio de se procurar e acumular metais preciosos.

    RESPOSTA E

  • O expansionismo martimo europeu, nos sculos XV-XVI, gerou uma autntica "Revoluo Comercial", caracterizada por, EXCETO:a) incorporao de reas do continente americano e africano s rotas tradicionais do comrcio.b) ascenso das potncias mercantis atlnticas, como Portugal e Espanha.c) afluxo de metais preciosos da Amrica para o Oriente, resultante do escambo de mercadorias.d) deslocamento parcial do eixo econmico do Mediterrneo para o Atlntico.e) perda do monoplio do comrcio de especiarias por parte dos italianos.

    RESPOSTA C