S³nia Cristina Dias

  • View
    218

  • Download
    1

Embed Size (px)

Text of S³nia Cristina Dias

  • Snia Cristina Dias Mendes

    UM

    inho

    |201

    4

    julho de 2014

    Os

    est

    ilos

    de

    lid

    era

    na

    e a

    su

    a r

    ela

    o

    co

    m a

    sa

    tisf

    a

    o n

    o t

    rab

    alh

    o:

    o c

    aso

    do

    s p

    rofi

    ssio

    na

    is d

    e e

    nfe

    rma

    ge

    m

    Universidade do Minho

    Escola de Economia e Gesto

    Os estilos de liderana e a sua relao com a satisfao no trabalho: o caso dos profissionais de enfermagem

    Sni

    a C

    ristin

    a D

    ias

    Men

    des

  • Dissertao de MestradoMestrado em Gesto de Unidades de sade

    Trabalho realizado sob a orientao da

    Professora Doutora Maria Emlia Pereira Fernandes

    Snia Cristina Dias Mendes

    julho de 2014

    Universidade do Minho

    Escola de Economia e Gesto

    Os estilos de liderana e a sua relao com a satisfao no trabalho: o caso dos profissionais de enfermagem

  • Declarao

    Nome: Snia Cristina Dias Mendes

    Endereo eletrnico: soninhamendesster@gmail.com

    Ttulo da dissertao: Os estilos de liderana e a sua relao com a satisfao no trabalho:

    o caso dos profissionais de enfermagem

    Orientador: Professora Doutora Maria Emlia Pereira Fernandes

    Ano de concluso: 2014

    Mestrado em Gesto de Unidades de Sade

    AUTORIZADA A REPRODUO PARCIAL DESTA DISSERTAO APENAS PARA EFEITOS DE

    INVESTIGAO, MEDIANTE DECLARAO ESCRITA DO INTERESSADO, QUE A TAL SE

    COMPROMETE.

    Universidade do Minho, / /

    Assinatura:

  • iii

    Agradecimentos

    A concretizao deste trabalho contou com o apoio de diversas pessoas, das quais

    imperioso agradecer s que contriburam de forma mais direta para a sua execuo.

    minha orientadora Professora Doutora Emlia Fernandes, pelo apoio, pela partilha

    de conhecimentos, pela motivao e pela disponibilidade demonstrada ao longo de todo

    o trabalho.

    Aos elementos do Conselho de Administrao do centro Hospitalar do Alto Ave, que

    autorizam a aplicao do questionrio.

    A todos os Enfermeiros Chefes que ajudaram na distribuio e recolha de

    questionrios e a todos os restantes Enfermeiros que participaram neste estudo tornando

    possvel a sua concretizao.

    famlia pelo incentivo e apoio incondicionais.

    Aos amigos pela pacincia.

    Em especial ao meu marido por compreender o tempo que no lhe dediquei e por

    dar todo o apoio necessrio.

    No final deste percurso rduo e oneroso, do ponto de vista de capital investido e

    tempo despendido, atingido por fim um maior nvel de realizao.

  • iv

  • v

    Os Estilos de Liderana e sua Relao com a Satisfao no Trabalho: o Caso dos

    Profissionais de Enfermagem

    Resumo

    No meio hospitalar as chefias de enfermagem tm um papel determinante no eficaz

    funcionamento da organizao assim como na dinmica do grupo de trabalho, sendo

    ainda de realar o seu contributo para a satisfao dos colaboradores. Torna-se assim

    objetivo principal deste estudo, verificar de que forma o estilo de liderana das chefias se

    relaciona com a satisfao no trabalho dos seus colaboradores.

    Face ao objetivo fulcral da presente investigao, desenvolveu-se um estudo

    quantitativo, com recurso a um questionrio, o qual foi aplicado numa amostra de 254

    enfermeiros colaboradores do Centro Hospitalar do Alto Ave.

    Neste contexto, o presente estudo foi desenvolvido com o intuito de analisar a forma

    como exercida a liderana, segundo o modelo de Ohio, e aferindo em que medida as

    chefias tm comportamentos de estruturao (relacionados com as tarefas) e de

    considerao (relacionados com as relaes interpessoais), comportamentos estes

    percecionados pelos seus colaboradores.

    Da anlise dos resultados verifica-se que as chefias de enfermagem, na sua maioria,

    enquadram-se no estilo de liderar de elevada estruturao e elevada considerao,

    embora com valores no muito elevados.

    Relativamente avaliao da satisfao no trabalho, verificou-se que os enfermeiros

    esto pouco satisfeitos, principalmente nas componentes satisfao com o salrio e com

    as promoes. A maior fonte de satisfao verifica-se ao nvel da natureza do trabalho de

    enfermagem. Analisou-se tambm se alguns fatores demogrficos influenciavam a

    satisfao, concluindo-se que a satisfao aumenta com a idade e com o aumento do

    tempo de exerccio profissional e da categoria profissional. Os enfermeiros com horrio

    fixo e que trabalham no servio da sua preferncia esto mais satisfeitos do que os

    restantes. Verificaram-se tambm, diferenas significativas da satisfao em funo do

    tipo de contrato de trabalho. No se encontrou relao entre o sexo e a satisfao.

    A principal concluso deste estudo reside na correlao positiva verificada entre o

    estilo de liderar das chefias e a satisfao no trabalho dos seus enfermeiros subordinados.

    Palavras-chave: liderana; satisfao no trabalho; enfermeiro; chefias; hospital.

  • vi

  • vii

    The Styles of Leadership and its Relation with Job Satisfaction: the Case of Nursing

    Professionals

    Abstract

    In hospitals nursing supervisors have a key role in the effective functioning of the

    organization as well as in the work group dynamics, to highlight also their contribution to

    the employee satisfaction. This way, the main objective of this study is to verify how the

    style of leadership of the chiefs relates with the job satisfaction of their employees.

    Given the central aim of this investigation, it was developed a quantitative study,

    using a questionnaire that was applied in a sample of 254 staff nurses of Centro

    Hospitalar do Alto Ave.

    In this context, this study was developed in order to examine how leadership is

    exercised, based on the model of Ohio, and measuring to which extent employees

    perceive leadership behaviors as structuring (related with tasks) and as consideration

    (related with interpersonal relationships).

    The analysis of the results reveal that the heads of nursing , mostly fall within the

    style of leading high structure and high consideration , although not very high values ,

    indicating that more can be done in continuous training of the head nurses in the

    components related to management.

    In the assessment of job satisfaction was found that nurses are little satisfied,

    especially in the components of satisfaction with salary and promotions. The greatest

    source of satisfaction is the nature of nurses work. The influence of the demographic

    factors in job satisfaction was also analyzed, revealing that satisfaction increases with age,

    with years of professional practice and with professional category. Nurses who work in

    fixed shifts and working in areas of their preference are more satisfied than others. There

    have also been verified, significant differences in satisfaction depending on the type of

    employment contract. The gender of the nurses did not show any relation with

    satisfaction.

    The main conclusion of this study lies on the positive correlation verified between the

    leadership style of managers and the job satisfaction of staff nurses.

    Keywords: leadership; job satisfaction; nurse; managers; hospital.

  • viii

  • ix

    ndice

    1 Introduo ................................................................................................................... 15

    2 Contextualizao: o Hospital e os Enfermeiros ........................................................... 19

    3 Enquadramento Terico.............................................................................................. 23

    3.1 Liderana ............................................................................................................... 23

    3.1.1 Abordagem dos traos e competncias ........................................................ 25

    3.1.2 Abordagem comportamental ........................................................................ 27

    3.1.3 Abordagem contingencial .............................................................................. 29

    3.2 Satisfao .............................................................................................................. 34

    3.2.1 Modelos centrados no indivduo ................................................................... 35

    3.2.2 Modelos centrados nas situaes ................................................................. 36

    3.2.3 Modelos centrados nas interaes................................................................ 37

    3.2.4 Determinantes e consequncias da satisfao no trabalho ......................... 38

    3.3 Liderana e Satisfao: a sua relao e as suas implicaes ................................ 41

    4 Metodologia ................................................................................................................ 47

    4.1 Objetivos do Estudo .............................................................................................. 47

    4.2 Hipteses e Variveis ............................................................................................ 48

    4.3 Instrumento de Recolha de Dados ....................................................................... 51

    4.4 Procedimentos da Recolha de Dados ................................................................... 56

    4.5 Populao e Amo