Click here to load reader

REVOLUÇÃO FRANCESA Professor Marcelo Pitana Revolução Francesa

  • View
    140

  • Download
    8

Embed Size (px)

Text of REVOLUÇÃO FRANCESA Professor Marcelo Pitana Revolução Francesa

  • Slide 1
  • REVOLUO FRANCESA Professor Marcelo Pitana Revoluo Francesa
  • Slide 2
  • Antecedentes: - Ideais iluministas (liberais); - Abuso de poder da nobreza; - Pompa das cortes; - Dficit oramentrio; - Crise produtiva; - Acordos econmicos desastrosos; - Altos impostos. * Luis XVI, orientado pelo 1 ministro Necker convoca os Estados Gerais a fim de encontrar uma soluo para a grave crise econmica da Frana. REVOLUO FRANCESA (1789 Queda da Bastilha)
  • Slide 3
  • Estados Gerais: 1 Estado (Clero) 2 Estado (nobreza) 3 Estado (Burguesia e povo) Reivindicaes do 3 Estado: * Mudanas no sistema eleitoral; * Igualdade de direitos; * Votao de uma constituio para a Frana.
  • Slide 4
  • * Os Sans Culottes tomam a priso poltica da monarquia (Bastilha 1789). * Luis XVI preso ao tentar fugir da Frana e conspirar com outras naes monrquicas. * A alta burguesia domina a assemblia e institui uma Monarquia Parlamentar com voto censitrio. - O rei dissolve a reunio, mas o 3 Estado no se d por vencido e rene-se em separado a fim de votar uma constituio para a Frana. (1 fase) Assemblia Nacional Constituinte. Determinaes da nova constituio: - Abolio dos privilgios feudais; - Membros do clero tornam-se funcionrios do estado; - Aprovada a Declarao dos Direitos do Homem e do Cidado; - Mantida a escravido das colnias francesas. Sans Culottes
  • Slide 5
  • (2 fase) Assemblia Legislativa. * Surgem os partidos polticos e as conspiraes palacianas. Criao dos aparatos de estado: * Comit de Segurana Pblica Encarregado de prender suspeitos de traio; * Tribunal Revolucionrio Julga os crimes dos contra- revolucionrios; * Comit de Salvao Pblica Controlava o exrcito e a polcia francesa.
  • Slide 6
  • (3 fase) Conveno Nacional. Consolidao dos partidos polticos: * Partido Girondino Alta burguesia aliada nobreza. Temiam a continuidade da revoluo; * Partido Jacobino Pequena burguesia aliada ocasionalmente ao povo. Exigiam a radicalizao da revoluo; * Luis XVI e sua mulher Maria Antonieta so executados. * Os jacobinos dominam a Conveno. proclamado a Repblica Francesa: * Abolida a escravido nas colnias francesas; * proibida a escravido por dividas; * Tabelamento dos preos de produtos; * Desapropriao das grandes propriedades; * Institudo o voto universal. * ustria, Inglaterra, Prssia e Rssia atacam a Frana, mas so derrotados pelas comunas e pelo exrcito nacionalista. Maria Antonieta Luis XVI
  • Slide 7
  • Sob a batuta de Robespierre, os jacobinos do inicio a Fase do Terror, em resposta ao assassinato do lder popular Marat. Assassinato de Marat
  • Slide 8
  • * A populao pede o fim do terror (9 termidor), e sem apoio popular Robespierre acaba na guilhotina. Cresce a influncia dos girondinos no governo.
  • Slide 9
  • (4 fase) Diretrio. * A nova constituio obriga o desarmamento dos Suns- culottes. * Institudo o voto censitrio, que exclu da poltica a maioria esmagadora da populao. * Nova tentativa de invaso estrangeira, contida pelo exrcito sob liderana de Napoleo Bonaparte.
  • Slide 10
  • Napoleo, admirado pelo povo, e apoiado pela alta burguesia, impe o Golpe 18 Brumrio/nevoeiro , pondo fim revoluo popular e instituindo uma srie de reformas que visavam modernizar a Frana..
  • Slide 11
  • Caractersticas da Era Napolenica: * Napoleo impe o CONSULADO; * Combate as oposies ao governo napolenico; * A Frana impe o BLOQUEIO CONTINENTAL; * Expansionismo francs sobre a Europa; * Invases napolenicas: * Governo dos Cem Dias (aps fuga em 1915, Napoleo regressa Frana e depe o rei Luis XVIII. Aps cem dias de governo, na Batalha de Woterloo, Napoleo derrotado e preso novamente. Napoleo em seu trono imperial / Jean-Auguste (1803-1806).
  • Slide 12
  • O Congresso de Vienna (ustria, Inglaterra, Rssia, Prssia e Frana), definiu entre suas diretrizes: * Restaurao restituio dos domnios territoriais dos governos europeus invadidos por Napoleo. * Legitimidade volta ao poder das monarquias depostas por Napoleo. * Solidariedade aliana entre as monarquias europias para reprimir as ondas liberais e democrticas deflagradas pela Revoluo Francesa.
  • Slide 13
  • * Santa Aliana Em 1815, as monarquias europias tradicionais e crists formaram uma aliana para defender-se mutuamente contra qualquer tipo de onda revolucionria inspirada no liberalismo democrtico.