Revista IBB - 03/11/2013 - Edi§£o 201

  • View
    222

  • Download
    3

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Revista semanal da Igreja Batista do Bacacheri.

Text of Revista IBB - 03/11/2013 - Edi§£o 201

  • 04 juventudeAlvo | Tatiana Pinelli

    05 misses nacionaisCampo missionrio | Gleyds Domingues

    06 roteiro de clulas Roteiro | Rodrigo Geronasso 07 liderana de clulasRoteiro | Rodrigo Geronasso

    08 pastoralGenerosidade | Marcos Paulo

    10 misses locaisPiraquara | Rodrigo Geronasso

    11 abc vidaAprendizagem | Adriana C. Santos

    12 crescer missionrioAgora sua vez | Gledys Domingues

    13 ibb news Agenda | Dia a dia na igreja

    14 ministrio pastoral Campus | Misses

    15 livraria e videoteca Destaques | Promoes

    16 programao Cultos | Eventos

    facebook.com/ibbcuritiba @ibb_curitiba youtube.com/batistabacacheri www.ibb.org.br

    03/NOVEMBRO

    EXPEDIENTE

    IGREJA BATISTA DO BACACHERI

    REVISTA IBB | Ministrio de Comunicao | Agncia IBBcomunicacao@ibb.org.br | (41) 3363-0327

    Coordenao de Comunicao Renato Mendona; Projeto Grfico e Diagramao Ana Letcia Pie; Capa Fabio Vinicius; Reviso Ortogrfica Irenice Ferreira, Hedy Silvado, Priscila Ferreira Imagens Banco de Imagens e Arquivo IBB; Impresso Nova Grfica; Tiragem 1400 exemplares.

    (41) 3363-0327 | ibb@ibb.org.brRua Amazonas de Souza Azevedo, 134

    Bacacheri - Curitiba - Paran82520-620

    SUMRIO

  • GRUPOS DE ORAO

    15h - Grupo MCACasas | Neuzi Bettes (3363-0327)

    14h30 - Grupo MCACasas | Dulce Coelho (3363-0327)

    15h - Grupo MCACasas | Ieda Rosa (3363-0327)

    15h - Grupo MCACasas | Hedy Silvado (3363-0327)

    15h - Grupo MCACasas | Terezinha Ribeiro (3363-0327)

    20h - EspanholSala 9 | Eros (3363-0327)

    SEGUNDA

    TERA

    QUINTA

    Assim, meu Deus, que os teus olhos estejam

    abertos e teus ouvidos atentos s oraes

    feitas neste lugar.

    II Crnicas 6.40

    Mais informaes no telefone (41) 3363-0327.

    *Se voc faz parte de um grupo de orao da igreja e esse grupo no est nessa lista, entre em contato para colocarmos. Envie e-mail para integracao@ibb.org.br ou 3363-0327.

    Agncia 1551C.C 05753-99

    Agncia 3702C.C 00096-3

    Agncia 3510-6 C.C 25034-1

    Agncia 3127C.C 4774-0

    Agncia 0372C.C 825-5 | OP. 003

    Se o seu dzimo ou oferta for em cheque, favor cru-zar ou colocar nominal para Igreja Batista do Ba-cacheri (CNPJ: 76.042.126-0001/90). Dvidas ou informaes pelo e-mail dizimoeoferta@ibb.org.br.

    Deposite seus dzimos e ofertas nas contas da igreja e coloque o recibo de depsito no envelo-pe durante o ofertrio. Escolha a melhor opo:

    DZIMOS E OFERTAS

  • JUVENTUDE

    4

    Prossigo para o alvo, a fim de ganhar o prmio do chamado celestial de Deus em Cristo Jesus. Filipenses 3.1. Quando voc l este versculo, o que lhe passa pela mente? Qual realmente o alvo? O que devo fazer para prosseguir e alcanar esse alvo?

    Sabemos que o alvo do cristo a vida eterna em Cristo Jesus e s ser possvel alcan-lo se mantivermos nosso olhar fixo Nele. Para prosseguirmos para o alvo temos que abandonar tudo aquilo que nos impede de chegarmos a ele, e isso implica deixar o pecado esta palavra no original quer dizer errar o alvo. Portanto, o pecado nos distan-cia do objetivo final. A palavra de DEUS nos apresenta alguns desses empecilhos como a malcia, o engano, fingimentos, invejas e murmuraes. Portanto, livrem-se de toda maldade e de todo engano, hipocrisia, inveja e toda espcie de maledicncia. I Pedro 2.1.

    Devemos prosseguir para o alvo com pacincia. S chega ao final quem persistente. A vitria final est relacionada persistncia. Vocs no sabem que de todos os que correm no estdio, apenas um ganha o prmio? Corram de tal modo que alcancem o prmio. I Corntios 9.24.

    O crescimento da vida crist muito importante para alcanarmos o alvo. Para cres-cermos em Cristo precisamos avaliar nossos valores sempre luz da Palavra de Deus. Tudo o que no est centralizado em Jesus deve ser abandonado. Todas as maiores coi-sas que um homem pode conseguir neste mundo como poder, dinheiro, carreira, fama, ou qualquer outra coisa, no so nada quando comparadas com a suprema grandeza do conhecimento do Senhor. A busca por um desejo sincero em crescer em Cristo deve ser real em nossas vidas, diariamente. Esquecer o passado e cuidar das coisas que estavam por vir era uma realidade da vida do apstolo Paulo, e isto nos ajudar no crescimento espiritual. Irmos, no penso que eu mesmo j o tenho alcanado, mas uma coisa fao: esquecendo-me das coisas que ficaram para trs e avanando para as que esto adian-te. Filipenses 3.13. Nosso passado j est resolvido, pois o nosso Deus aquele que apaga nossas transgresses, e j nem se lembra mais delas.

    Seguindo em frente iremos receber a recompensa, o grande prmio do chamado celestial de Deus em Cristo Jesus, a vida eterna com Ele. Nada deve dificultar nosso crescimento espiri-tual a fim de conhecermos melhor a Cristo. Qual o seu alvo hoje? O alvo do cristo e sempre deve ser somente Jesus!

    TATIANA PINELLIObreira do Ministriode Juventude

    PROSSEGUINDO PARA O ALVO

  • MISSES NACIONAIS

    5

    Estamos em plena campanha de Misses Nacionais, por isso, a cada Domingo, trare-mos um testemunho sobre o trabalho missionrio desenvolvido. Inspire-se e alegre-se com as histrias contadas.

    Conversamos com um dos chefes que autorizaram nossa entrada no acampamento, e ele disse, para nossa surpresa, que tnhamos que investir nas crianas, pois os adultos j no teriam conserto. Ele tambm disse que no veramos ciganos crentes porque eles no largariam a mentira nem a bebida. Ele tambm disse para a gente nem perder tempo com eles falando de Jesus. Mas, hoje,

    esse mesmo chefe est vendo que possvel ter ciganos convertidos. Ele j se entregou ao Senhor Jesus e declarou que depois da nossa chegada ali muita coisa boa havia acon-tecido em sua vida. Realmente, s o poder de Jesus faz estas coisas.

    Queremos como missionrios, propagar o evangelho entre os ciganos do Brasil, e assim expandir a obra missionria nos acampamentos com igrejas-tendas. Esse sonho nasceu primeiro no corao de Deus. Estamos sendo somente suas ferramentas para que isso acontea, e contamos com sua ajuda em orao pelos ciganos, e tambm em contribuio, com sua vida e sustento desta obra. (Pr. Gilmar e Jdima Barbosa - Mis-sionrios com Ciganos, SP).

    Voc faz parte deste ministrio quando oferta, ora e se envolve com a vida dos missio-nrios. Para que possamos ler mais histrias como esta preciso que algum segure as cordas. Ento, esta a sua deciso?

    BOAS HISTRIAS DO CAMPO MISSIONRIO

    SUA OFERTA PARA MISSES SER ENVIADA PARA A OBRA DE MISSES NACIONAIS!

    GLEYDS DOMINGUESMembro do Conselho Missionrio do Ministriode Misses

  • O QUE TEMOS SEMEADO?TEMPO DE ORAR (5 minutos) Orar pela famlia que est recebendo a clula. Orar agradecendo pela vida dos visitantes da clula.

    TEMPO DA PALAVRA (25 minutos)Texto bblico: 2 Corntios 9.6 | Glatas 6.9

    Lembrem-se: aquele que semeia pouco, tambm colher pouco, e aquele que se-meia com fartura, tambm colher fartamente.

    E no nos cansemos de fazer o bem, pois no tempo prprio colheremos, se no de-sanimarmos.

    Ao analisarmos a Bblia aprendemos que tudo em nossa vida a consequncia boa ou ruim de algo que fizemos no passado.

    APLICAO PESSOAL

    1. Na Bblia usa-se o exemplo da plantao (semear/colher) para demonstrar que aquilo que fazemos hoje vai repercutir de alguma forma no futuro. O que voc entende sobre colher o que se planta? (Glatas 6.7)

    2. Comente situaes onde determinadas decises levaram voc a colher coisas ruins e situaes onde suas decises o levaram a colher coisas boas!

    3. Para se ter uma vida realmente abenoada em todos os sentidos, precisamos fazer as escolhas certas. O que devemos plantar hoje para que tenhamos no futuro uma fa-mlia abenoada, um casamento feliz, bons relacionamentos? Cite exemplos. Quem semeia a injustia colhe a maldade; o castigo da sua arrogncia ser completo. Provrbios 22.8

    Que a partir de hoje possamos pensar muito em nossas escolhas, pois escolhas erradas podem levar a um futuro frustrado!

    6

    ROTEIRO DE CLULA

  • O QUE TEMOS SEMEADO?

    Ministrio de Clulas

    Roteiro 133 | 03 a 09 de novembro | 2013

    ______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

    PARA CRIANAS E JUNIORES

    REVISTA DE CLULAS: MENSAGENS E MISTRIOS ISAAS E DANIEL

    Semana 14 - O Enigma

    Texto Bblico - Daniel 5

    Princpio Bblico - O segredo : temer a Deus em tudo o que fizermos.

    TEMPO DE COMPARTILHAR (10 minutos)20 CRESCER MISSIONRIO Neste ms, teremos o Crescer Missionrio, e mais uma vez contamos com o envolvimento de nossas clulas no sentido de acolher os missio-nrios e seus filhos. Que possamos dessa forma honrar esses que tem doado sua vida para a propagao do Evangelho!

    DESAFIO: QUE POSSAMOS CONVIDAR NOSSOS AMIGOS, VIZINHOS, PARENTES PARA ESTAREM CONOSCO EM CLULA.

    TEMPO DE ORAR (25 minutos)Ore por seus lderes e pastores. Coloque seus pedidos de orao para que em clula possamos interceder juntos. Precisamos estar em orao constante.

    7

    RODRIGO GERONASSOMinistro Auxiliar doMinistrio de Misses

  • 8

  • 9MARCOS PAULO FERREIRAPastor do Ministrio de EducaoCrist e Ministrio Infantil

    Quando penso em virtudes que do testemunho de um verdadeiro discpulo de Jesus, a generosidade aparece entre as primeiras de uma