52
Representação1 Blog – Design com Poesia [ http://gracicampos.wordpress.com/ ] Facebook – GracicamposDesign [ www.facebook.com/GraciCamposDesign ]

Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

  • Upload
    vucong

  • View
    226

  • Download
    0

Embed Size (px)

Citation preview

Page 1: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Representação1

Blog – Design com Poesia [ http://gracicampos.wordpress.com/ ] Facebook – GracicamposDesign [ www.facebook.com/GraciCamposDesign ]

Page 2: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Luz.

“A luz circunda as coisas, é

refletida por superfícies brilhantes, inside sobre os objetos que têm, eles próprios, claridade ou obscuridade relativa.” (DONDIS, 2003)

Page 3: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

“A luz circunda as coisas, é refletida por superfícies

brilhantes, inside sobre os objetos que têm, eles próprios, claridade ou obscuridade relativa.” (DONDIS, 2003)

Page 4: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Luz.

“A luz circunda as coisas, é refletida por superfícies

brilhantes, inside sobre os objetos que têm, eles próprios, claridade ou obscuridade relativa.” (DONDIS, 2003)

Page 5: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Luz e sombra

“A luz e a sombra são fundamentais para a representação bi e tridimensional. “ (ABC do Rendering )

Page 6: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Luz e sombra

Definem: A forma

Page 7: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Luz e sombra

Definem: A forma A definição do plano

Page 8: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Luz e sombra

Page 9: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Luz e sombra

“A luz e a sombra são fundamentais para a representação bi e tridimensional. “ Definem: A forma A definição do plano

A profundidade

Page 10: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Luz e sombra

A forma A definição do plano A profundidade Os efeitos plásticos

Page 11: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Luz e tom

“ Tom é a intensidade da claridade ou da obscuridade de qualquer coisa vista.” ( DONDIS 2003 )

Page 12: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Luz e tom

Matiz = o que difere a cor Tom = brilho Saturação = pureza da cor Contraste = as diferenças de luminosidade

Page 13: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Luz e tom

Matiz = o que difere a cor Tom = brilho Saturação = pureza da cor Contraste = as diferenças de luminosidade

Page 14: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Luz e tom

Matiz = o que difere a cor Tom = brilho Saturação = pureza da cor Contraste = as diferenças de luminosidade

Page 15: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Luz e tom

Matiz = o que difere a cor Tom = brilho Saturação = pureza da cor Contraste = as diferenças de luminosidade

Page 16: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Luz e tom

Matiz = o que difere a cor Tom = brilho Saturação = pureza da cor Contraste = as diferenças de luminosidade

Page 17: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Luz e tom

Matiz = o que difere a cor Tom = brilho Saturação = pureza da cor Contraste = as diferenças de luminosidade

Page 18: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Luz e tom

Matiz = o que difere a cor Tom = brilho Saturação = pureza da cor Contraste = as diferenças de luminosidade

Page 19: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Fonte: desenhoquatroedois.blogspot.com.br

O tom descreve a luz.

Page 20: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Luz e forma

Page 21: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Luz e forma

“A intensidade e a direção da luz são importantes Para determinar a forma de uma superfície ou a indicação de um espaço.” (ABC do rendering)

Page 22: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Luz e forma

Superfície plana / cilindro

Page 23: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Luz e forma

O tom ( luz e sombra ) completa a perspectiva na criação da ilusão da realidade.

Page 24: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Luz e forma

O tom ( luz e sombra ) completa a perspectiva na criação da ilusão da realidade.

Page 25: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Luz e forma

O tom ( luz e sombra ) completa a perspectiva na criação da ilusão da realidade.

Page 26: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Luz e superfície

Page 27: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Luz e superfície

Superfícies cromadas ou de alto brilho têm áreas de muita luz em contraste com áreas escuras.

Page 28: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Luz e superfície

Superfícies opacas ou foscas têm uma transição suave entre claro e escuro.

Page 29: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Luz e sensações

A luz permite ao artista exprimir o estado da alma, ou sensações.

Page 30: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Luz e sensações

•  A Qualidade da luz

•  A Direção da luz •  A Quantidade da luz

Page 31: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Luz e sensações A Qualidade da luz

Luz de transição suave : luz zenital, sem muitos contrastes Luz de contraste: luz do sol ou luz artificial, sombras recortadas, dramática.

Page 32: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Luz potente: Suaviza e diminui o contraste de luz e sombra Luz fraca: Aumenta os contrastes.

Luz e sensações A Quantidade da luz

Page 33: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Luz e sensações A direção da luz

Luz frontal: expressa as formas com cores planas, sem muitas sombras Luz fraca: aumenta os contrastes. Luz frontal lateral: expressa as formas e volume Luz lateral: dramatiza o tema, luz das naturezas mortas A contraluz: idealiza o modelo, romântica, suaviza os contrastes.

Page 34: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Desenhar a luz e sombra

Representar a realidade é desenhar um modelo através da luz e da sombra, excluindo os contornos e valorizando os volumes.

Page 35: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Observar a luz e a sombra. A velha fórmula de semicerrar os olhos. ( elimina-se detalhes e acentua-se o contraste ver quase exclusivamente os tons e as cores )

Desenhar a luz e luz e a sombra

Page 36: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Desenhar a luz e sombra

Observe o modelo como um conjunto de manchas mais ou menos intensas. Estabeleça valores tonais “Registrar o desenvolvimento de tons em um objeto, comparar os tons e matizes e decidindo quais são mais escuros e mais claros” (ROIG, Gabriel).

Page 37: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Desenhar a luz e sombra

Observe o ponto de luz e a perspectiva da sombra

Page 38: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Desenhar a luz

Estruração das sombras. Estude as sombras através de linhas, alternando contornos e manchas em um esboço Ordene os tons na representação, aplicando valores do mais claro para o mais escuro

Page 39: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Desenhar a luz e sombra

Estruração das sombras. Ordene os tons na representação, aplicando valores do mais claro para o mais escuro

Page 40: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Desenhar a luz e sombra

Preencha as áreas de sombra com hachuras ou cores chapadas ou escurecidas.

Page 41: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Desenhar a luz e sombra

Preencha as áreas de sombra com hachuras ou cores chapadas ou escurecidas.

Page 42: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

1 – desenhe as formas 2 – estabeleça os pontos de luz, a sombra se formará do seu lado oposto.

Page 43: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

1 – desenhe a sombra projetada no chão.

Page 44: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

1 – Suavize as sombras nos objetos 2 – Suavize a sombra projetada.

Page 45: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

1 – Acrescente a cor ao desenho. lembrando que a cor reflete no objeto que está próximo.

Page 46: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

A sombra é a diminuição da luz. ( da Vinci)

Page 47: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

A sombra é a diminuição da luz. ( da Vinci)

Page 48: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Exercício

Representar em papel A3, uma compoisção com uma caneca mais um objeto, valorizando a luz e a sombra.

Page 49: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Material para a próxima aula

Trazer imagens impresas de bicicletas

Page 50: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Sites ( disponiveis em 29/07):

http://www.abra.com.br/ desenhoquatroedois.blogspot.com.br www.leitequenteilustra.blogspot.com.br/ http://rafaeldesenhoartistico.blogspot.com.br/2013/04/1-parte-luz-e-atmosfera-no-desenho.html

Page 51: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Referências:     STRAUB, Ericson et al. ABC do rendering. Curitiba: Infolio Editorial, 2004.   PEDROSA, Israel. Da Cor a Cor Inexistente. Brasília: UnB, 1982. RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003  

Page 52: Representação1 · RIBEIRO, Milton. Planejamento Visual Gráfico, Brasília: Linha, 1987. DONIIS, Dondis. Sintaxe da Linguagem Visual, São Paulo: Martim Fontes, 2003 . Obrigada

Obrigada