Click here to load reader

MAIS PREZA 22-06

  • View
    218

  • Download
    0

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Edição #49

Text of MAIS PREZA 22-06

  • 4 9#

    c o m p o r t a m e n t o m s i c a c u l t u r a i n t e r n e t c a r r e i r a c i n e m a m o d a a g i t o

    PORTO ALEGRE,SEXTA-FEIRA,22 de junhode 2012

    MULHERES sem valor, na coluna do AlfP

    G.2 GUIA PREZA

    dos empregos dos sonhos PG.

    3 GACHA dando toco no princpe P

    G.4

    A banda gacha Papas da Lngua emplacou sucessos no cenrio nacional quando se abriu mais espao para o pop

    paralelo (?)Mercado

    Edu

    Def

    ferr

    ari/

    Espe

    cial

    /CP

    De cara, faamos um exerccio. Observem a nossa linha do tempo a ao lado. Perceberam as bandas gachas que deixaram sua marca no cenrio nacional nas ltimas dcadas? Foram fortes e marcantes, mas muito pontuais. Quem do meio musical admite: sim, entre os grupos daqui e o mercado no centro do pas existem barreiras. A impresso de que a msica gacha, por vezes, rejeitada, , inclusive, compartilhada por alguns gachos. Mas ser que verdade?

    Para o proprietrio da produtora Olel Music, que agencia bandas como Cachorro Grande e Bid ou Balde, Lel Bortholacci, no h preconceito, mas sim uma importante barreira geogrfica. O contedo que atinge o pblico nacional quase sempre produzido no eixo Rio-So Paulo, e a maioria das nossas bandas esto aqui no Sul. uma questo lgica do capitalismo. O gasto de uma passagem de SP para qualquer lugar do pas muito menor que o gasto de uma passagem que saia de Porto Alegre. Eu tenho certeza, por exemplo, que se a Ultramen tivesse nascido por l, teria feito o mesmo ou maior sucesso que O Rappa, arrisca. Otimista ou realista, Lel fortalece que essa proximidade se reflete inclusive nos relacionamentos, ou seja, nos contatos que a banda faz onde se instala.

    Dependendo da visibilidade que o grupo almeja para a carreira, estar l realmente fundamental, pois propicia socializar com quem fica por trs da msica. E foi pensando assim que bandas como Cachorro Grande e Fresno, que esto com uma respeitada visibilidade nacional atualmente, tomaram a deciso de ir morar em So Paulo. Porm, engana-se quem avalia o sucesso do grupo pela mudana de estado. Beto Bruno, vocalista da Cachorro Grande, admite, com a experincia de quem j dividiu um ap com mais sete pessoas, que nada fcil e a sensao como se tivesse que comear do zero. No nada glamouroso ir morar em SP. A gente foi porque realmente sentia que precisava. Largar a terrinha foi uma escolha muito difcil, mas era questo de necessidade mesmo.

    E o pop...

    Alm da distncia, outro fator pode facilmente ser associado a essa nuvem do mercado paralelo: o RS tradicionalmente taxado como um Estado do rock. O rock gacho sempre teve a fama de ser mais tradicional e pesado. Para mim, o estilo est vivendo um momento bastante complicado, porque bandas com sons mais populares

    como o pop e o sertanejo so a bola da vez no pas, revela Lel.

    Mas, claro, a gauchada tambm tem suas excees, como a Chimarruts e Papas da Lngua, que tm uma pegada mais pop, por exemplo. Nesse caso, a histria l em cima teve um enredo mais ativo porque atravessou a barreira e encontrou um nicho em expanso. Ficamos 13 anos construindo como formigas uma carreira que foi aos poucos conquistando o Sul para, s depois, conseguir emplacar nacionalmente. E isso aconteceu em um momento em que o pop estava sendo o querido da vez no Brasil, conta Lo Henkin, guitarrista e compositor do Papas. Para ele, independentemente do estilo, as dificuldades em furar o bloqueio cosmopolita sempre existiram, e no se configura um privilgio exclusivo dos gachos. At mesmo os artistas do eixo brigam para conquistar espao l. E isso ocorre em todo o mundo. Todo pas tem um centro de propulso dos negcios da msica, e quem vive fora dele tem que brigar muito para entrar. A vida real do showbizz dura mesmo. Tem que ter pacincia, persistncia e acreditar na sua arte, conclui.

    Quer saber o que outras bandas daqui acham sobre isso? Ento corre para a pgina 2!

    Engenheiros do Hawaii 1986 exploso nacional com o lbum Longe Demais das Capitais

    Defalla No ano de 1988 o grupo chegou ao grande pblico com a msica Repelente

    Nenhum de Ns Em 1988, a msica Camila, Camila foi uma das mais executadas nas rdios

    Bid ou Balde Em 2001, o clipe da msica Melissa rendeu banda o prmio revelao VMB do ano

    Cachorro Grande No ano de 2005, Sinceramente ganhou destaque nas rdios de todo o pas

    Fresno Os guris ganharam recon-hecimento nacional com a msica Polo, em 2007

    Chimarruts Em 2009, Do Lado de C conquistou e entrou na graa da gurizada

  • Alejandro Zambra, um jovem escritor chileno, mandou muito bem no romance de estreia: Bonsai. O livro recm foi lanado no Brasil e j t conquistando a gurizada. A histria fala de primeiros amores e de um casal que lia em conjunto de vrios livros. Apesar do tamanho reduzido (d pra ler tranquilo na correria do dia a dia), os detalhes da trama ficam

    na cabea da gente por muito tempo.

    Antnio Xerxenesky,

    27 anos, escritor

    2 S e x t a - f e i r a , 2 2 d e j u n h o d e 2 0 1 2

    Eu curti a Cascata do Garapi em Maquin. um passeio superbacana pra ser feito num fim de semana de sol. O lugar bem reservado, no meio da natureza, e tem lugar pra acampar ou alugar cabanas pra quem no gosta da funo do camping. Na regio tem ainda a Cascata da Forqueta, da Solido, da gua Branca, o Cnion da Serrinha e um monte de lugares lindos! Pra chegar necessrio ir at Maquin

    e pegar uma estradinha de cho batido que leva Barra do Ouro.

    Dafne Panatieri, 21 anos,

    estudante

    Arq

    uivo

    Pes

    soal

    /CP

    curtiO que eu

    assim? Mulheres sem valorDia desses escrevi um post no blog do Mais Preza (maispreza.com.br) que deu o maior rebulio. Falei mal das mulheres. Rapaz, que confuso eu arrumei. Resolvi voltar com o assunto, desta vez na verso impressa do caderno. Vamos contextualizar com um resumo do texto postado:

    Eu tenho me, irm e namorada. Tenho vrias amigas. Diversas mulheres possuem o meu respeito, admirao e meu desejo como homem. Muitas so as mulheres que eu bato palma. Perco a conta se eu pensar em quantas mulheres so exemplos profissionais para mim. Considero bsicos os direitos iguais entre homens e mulheres e no consigo entender como pode ser diferente. Eu realmente penso tudo isso, mas eu preciso lhes contar outra coisa que eu penso. Mulheres, vocs no se do o valor. Todas? No, mas MUITAS. E falo isso porque tenho presenciado quieto a propagao do conceito de que homem tem que pagar camarote, bebida e no sei mais o qu pra mulher em balada. T errado.

    Cena exemplificadora: Na Balada

    Comea o processo com as promoes de mulher no paga. Por qu? Tem muita guria a que ganha mais do que eu. Depois vem aquela histria: juntam trs, quatro, cinco homens, pagam uma fortuna pelo camarote e ficam l com as iscas, digo, com as pulseiras, atraindo a mulherada. E por fim, eu queria saber onde t escrito que gentil homem pagar bebida pra mulher. Em que mundo ns estamos, gente? Ser gentil abrir a porta, ser educado, dar flor. Vamos ser verdadeiros? O que o cara quer uma troca simples (no fiquem chateadas, a verdade): eu compro um espao legal na balada camarote -, eu fao tu te soltar te dando bebida vontade e, por fim, eu quero ( ) ser gentil ( ) ser teu amigo ( ) te levar pra minha casa. (Se vocs colocarem x na primeira, so canalhas. Na segunda, so falsas malandras. Na terceira, conscientes).

    Essa cena acontece todos os dias, alis, todas as noites. No acho legal, acredito que mulher pode muito mais que isso. Acho que mulher tem muito mais poder do que se vender por um copo de bebida. Abram o olho gurizada. Tem muita guria vazada mais perto do que voc imagina. Abram o olho mulherada. Vocs valem muito mais que uma garrafa de espumante.

    Recebi muitas manifestaes e 90% delas dizendo que eu tinha razo. No se pode generalizar, mas acho que este tipo de mulher mancha a instituio feminina, que tanto lutou pra obter os mesmos direitos que os homens (o que pra mim um absurdo ter que lutar, j que devia ser igual desde sempre). Enfim, em tempos onde as mulheres conquistam cada vez mais seu espao, deprimente saber que algumas (muitas) ainda se vendem por uma taa de champanhe.

    Falamos!

    Esse texto foi originalmente publicado no blog de Guilherme Alf (guilhermealf.com.br) e o seu contedo de responsabilidade do autor.

    Guilherme [email protected]

    Segue a ideia da semana, pessoal. E voc, j plantou a sua no plantetuaideia.com.br? Criar um projeto de insero da sociedade nas solues de arborizao urbana. Hoje no permitida a participao efetiva da populao na arborizao, o que afasta a populao de suas rvores. Criar um projeto conjunto entre voluntrios e tcnicos da Smam para treinar e preparar tutores voluntrios de arborizao, que atuariam garantindo que a populao possa participar do plantio de rvores.

    Cleber Sana

    Arq

    uivo

    Pes

    soal

    /CP

    Quando troquei Porto Alegre por So Paulo, no fazia ideia do tamanho da encrenca. Demora pra aceitar que voc morava em outro estado, distante e pequeno (e talvez isso faa o RS to especial). Aos poucos vai se entendendo as leis da selva que movimentam o mercado, e isso impossvel aprender e praticar sem estar em SP. No caso, temos o apoio de uma gravadora que admiramos muito, como profissionais e como pessoas, o que ajuda a te acalmar quando alguma coisa no d certo. E agora que vai sair o disco, a expectativa grande. Vejo o mercado brasileiro receptivo boa msica, seja ela gacha ou acreana. Cantei a mesma cano no Rio Grande do Sul e no Rio Grande do Norte, e vi as pessoas se comoverem com a mesma intensidade.

    Arthur Teixeira, vocalista e guitarrista da Volantes

    A banda teve alguns pontos cruciais que ajudaram a romper o bloqueio do cenrio nacional. O nosso segundo disco foi encartado na revista do Lobo,