Folheto 12.12.2010
Folheto 12.12.2010
Folheto 12.12.2010
Folheto 12.12.2010

Folheto 12.12.2010

  • View
    220

  • Download
    0

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Folheto 12/12/2010

Text of Folheto 12.12.2010

  • 1. MOTIVAOA Irms e irmos, deixemos a alegria to-mar conta de nosso corao e nossa vida. O Natal do Senhor est prximo. Prepa-remos a festa da verdade, da justia, do amor e da paz. Iniciemos nossa celebra-o, cantando.

    2. CANTO DE ABERTURA(37 Curso: 09.09)1. Uma voz fez-se ouvir l no deserto: / Preparai os caminhos do Senhor! / Na alegria do Cu assim to perto, /entoou toda Terra este clamor:Vem, Senhor, no tardes mais, / s o anseio das naes! / Vem curar os nos-sos ais / e expulsar as opresses! / Pastor Santo de Israel, / vem salvar teu povo, vem! / Deus bendito, Emanuel, / vem salvar teu povo, vem!2. Vai cumprir-se do Cu a profecia: / Nosso Deus entre ns vem habitar! / Reunido, e na paz da liturgia, / vem o povo de Deus ento cantar:3. No horizonte j brilha nova vida, / Luz sublime de um novo amanhecer. / E, feliz, rumo Terra Prometida, / eis o povo de Deus sempre a dizer:4. Eis grilhes da injustia j rompidos, / mil algemas quebradas pelo amor, / mas na paz, o clamor dos oprimidos / chega ao Cu neste brado de louvor.

    3. ACOLHIDAP Em nome do Pai...T Amm.

    P O Deus da esperana, que nos cumu-la de toda alegria e paz em nossa f, pela ao do Esprito Santo, esteja convosco. T Bendito seja Deus que nos reuniu no amor de Cristo.

    4. ATO PENITENCIALP Estamos espera do Senhor. Pre-paramos sua vinda na medida em que tornarmos realidade o seu reino de vida, justia, fraternidade, verdade e santidade.Cada um de ns vive tudo o que esta preparao exige?

    (Pausa)Peamos perdo, cantando:(34 Curso: 09.07)1. Senhor, que vindes visitar vosso povo na paz, tende piedade de ns.2. Cristo, que vindes salvar o que es-tava perdido, tende piedade de ns.3. Senhor, que vindes criar um mundo novo, tende piedade de ns.Senhor, tende piedade. Cristo, ten-de piedade de ns. Senhor, piedade, piedade de ns. (bis)

    (Concluso pelo presidente)

    5. ORAOP Oremos.

    (Pausa para orao) Deus de bondade, que vedes o vos-so povo esperando fervoroso o natal do Senhor, dai chegarmos s alegrias da Salvao e celebr-las sempre com in-tenso jbilo na solene liturgia. Por nos-so Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Esprito Santo. T Amm.

    O SENHOR VEM! ALEGRIA!

    Sugestes para a equipe de celebrao:A celebrao deste domingo nos convida alegria, por-

    que o Senhor que esperamos j est conosco e com Ele preparamos o Advento do seu Reino. tempo de redobrar nossa pacincia e nossa esperana: fortalecer as mos e os joelhos enfraquecidos e animar quem est deprimido e de-sanimado.

    Os sinais da salvao esto presentes e podemos perceb-los nas aes concretas de vida e libertao, realizadas por pesso-as e comunidades alegres e dedicadas.

    Em cada celebrao, o Senhor quer transformar nosso sofri-mento e nosso choro em gozo e alegria, um ensaio da realida-de nova que desejamos para ns e para o mundo.Sugestes para a equipe de celebrao: 1. A cor rosa deste domingo, o Gaudete, sinal de nossa ale-

    gria ao prepararmos a vinda do Senhor. 2. Marcar toda a celebrao com expresses de alegria e de esperana 3. A comunidade seja convidada a expressar os motivos que tem para se alegrar e ter esperana sinais da presena amo-rosa e fiel de Deus em nosso meio.

    4. Se a comunidade ainda no comeou a armar seu prespio, ser muito oportuno, comear a faz-lo neste dia. 5. Preparao prxima do Natal (17 a 24 de dezembro)Os dias de semana deste perodo visam de modo mais di-reto preparao do Natal do Senhor (NALC, n. 42). O Ofcio e a Missa so sempre do dia; mas pode haver Co-memorao facultativa de algum santo. (Diretrio da Li-turgia, CNBB, p. 190.)

    O SENHOR VEM! ALEGRIA!

    Praa Dom Emanuel, s/n - Centro - Caixa postal 174 CEP 74001-970 - Goinia - GoisFone: (62) 3223-0759 - curia@arquidiocesedegoiania.org.br

    CRIA ARQUIDIOCESANA

    25. ORAO DE AO DE GRAAS O(a) presidente, ocupando o lugar no al-tar, convida a assembleia para o louvor:P O senhor esteja com vocs!T Ele est no meio de ns!P Demos graas ao Senhor, nosso Deus!T nosso dever e nossa salvao!O(a) presidente convida a assembleia a expressar motivos de ao de graas...(30 Curso: 10.05)

    bom cantar um bendito / um canto novo, um louvor (bis)1. Ao Deus dos tempos de outrora, / su-prema fora da Histria, / que merece toda glria, / por Jesus, nosso Senhor! (bis)2. Por Jesus, o Prometido, / pelos profe-tas predito, / pela Virgem concebido / e esperado com amor! (bis)3. Jesus, por Joo anunciado, / presente entre ns mostrado, / por Ele o prazer dado, / de esper-lo com ardor! (bis)4. Ao preparar seu Natal, / querer sua

    vinda final, / quando finda todo mal / e se acaba toda dor. (bis)5. Que na prece vigiemos, / de espe-rar no nos cansemos, / sua vinda nos achemos, / celebrando seu louvor. (bis)6. E agora, Desejado, / o teu povo congre-gado, / aos cus e terra irmanado, / louva e bendiz ao Senhor! (bis)P Por este sinal do corpo do teu Filho, que alimenta e sustenta a tua Igreja, ex-pressamos nossa f e invocamos sobre ns o teu Esprito. Apressa o tempo da vinda do teu reino e recebe o louvor de toda a criao e a prece que elevamos a ti com as palavras que Jesus nos ensinou: T Pai Nosso... pois vosso o reino, o po-der e a glria para sempre.

    26. ABRAO DA PAZ P Irmos e irms, por sua morte e res-surreio, o Cristo nos reconciliou. De-mo-nos uns aos outros o abrao da paz!

    27. RITO DA COMUNHO (Aps o Pai-Nosso, quem preside convida a comunidade a partilhar o po, dizendo:)

    P Assim diz o Senhor: Eis que estou porta e bato: se algum ouvir a mi-nha voz e abrir a porta, entrarei em sua casa e comerei com ele e ele comigo (Ap 3,20)Mostrando o po consagrado:P Eis o Cordeiro de Deus, aquele que tira o pecado do mundo! T Senhor, eu no sou digno(a)...Partilha do po consagrado: canto da co-munho nmero 17A e B deste folheto.

    28. ORAO FINALNs te louvamos, Deus de bondade, porque nos alegraste na mesa da tua comunho. Que a tua misericrdia nos acompanhe, nos torne portadores da boa-nova da libertao e nos prepare para as festas que se aproximam. Por Cristo, nosso Senhor! Amm. O roteiro de onde no houver missa encontra-se no livro Dia do Senhor, de M. Guimares e P. Carpanedo, Paulinas: Apostolado Litrgico.

    Arquidiocese de Goinia3 Domingo do Advento

    12 de dezembro de 2010- Ano XXVIII - N 1584

    LITURGIA DA PALAVRA

    LEITURAS BBLICAS: 2-f.:Nm 24,2-7.15-17a; Mt 21,23-27. 3-f.: Sf 3,1-2.9-13; Mt 21,28-32. 4-f.: Is 45,6b-8.18.21b-25; Lc 7,19-23. 5-f.: Is 54,1-10; Lc 7,24-30. 6-f.: Gn 49,2.8-10; Mt 1,1-17. Sbado: Jr 23,5-8; Mat 1,18-24. Domingo: 4 Domingo do Advento Is 7,10-14; Rm 1,1-7; Mt 1,18-24.

    Preparao:a) Chegada, orao pessoal, ensaios de canto;b) Tempo de silncio;c) Refro meditativo:(39 Curso: 08.10)

    Vigiai unidos a mim, / comigo orando, / sempre orando.(Cantar vrias vezes at a assem-bleia tornar-se um s corpo. Durante o canto, faz-se o acendimento da 3. vela da coroa do Advento.)

    A Em atitude de escuta, acolhamos a Pa-lavra de Deus que vem dar sentido para a verdadeira preparao de sua chegada.

    6. PRIMEIRA LEITURALeitura do Livro do Profeta Isaas

    (35,1-6a.10) 1Alegre-se a terra que era deserta e intransitvel, exulte a solido e floresa como um lrio. 2Germine e exulte de alegria e louvores. Foi-lhe dada a glria do Lbano, o esplendor

    do Carmelo e de Saron; seus habitan-tes vero a glria do Senhor, a majesta-de do nosso Deus.

    3Fortalecei as mos enfraquecidas e firmai os joelhos debilitados. 4Dizei s pessoas deprimidas: Criai nimo, no tenhais medo! Vede, vosso Deus, a vingana que vem, a recompensa de Deus; ele que vem para vos salvar.

    5Ento se abriro os olhos do cegos e se descerraro os ouvidos dos surdos. 6aO coxo saltar como um cervo e se de-satar a lngua dos mudos. 10Os que o Senhor salvou, voltaro para casa. Eles viro a Sio cantando louvores, com in-finita alegria brilhado em seus rostos: cheios de gozo e contentamento, no mais conhecero a dor e o pranto. - Palavra do Senhor. T - Graas a Deus.

    (Tempo de silncio)

    7. SALMO 145 (146)(Salmos e Aclamaes / ano A: 11.10)

    Vinde, Senhor! / Vinde, Senhor! / Vin-de, Senhor, para salvar o vosso povo! 7O Senhor fiel para sempre, / faz justia aos que so oprimidos; / ele d alimento aos famintos, / o Senhor quem liberta os cativos. 8O Senhor abre os olhos aos cegos, / o Senhor faz erguer-se o cado, / o Senhor ama aquele que justo, / 9a o Senhor quem protege o estrangeiro. bEle ampara a viva e o rfo, / cmas confunde os caminhos dos maus. / 10O Senhor reinar para sempre! / Sio, o teu Deus reinar.

    (Tempo de silncio)

    8. SEGUNDA LEITURALeitura da Carta de So Tiago

    (5,7-10) Irmos, 7ficai firmes at vinda do Senhor. Vede o agricultor: ele espera o precioso fruto da terra e fica firme at cair a chuva do outono ou da primavera.

    8Tambm vs, ficai firmes e forta-lecei vossos coraes, porque a vinda do Senhor est prxima.

    9Irmos, no vos queixeis uns dos

  • outros, para que no sejais julgados. Eis que o juiz est s portas. 10Ir-mos, tomai por modelo de sofrimen-to e firmeza os profetas, que falaram em nome do Senhor. Palavra do Senhor. T Graas a Deus.

    (Tempo de silncio)

    9. ACLAMAO AO EVANGELHO(Salmos e Aclamaes / ano A: 11.10)

    Aleluia! Aleluia! Aleluia! Aleluia!O Esprito do Senhor sobre mim fez a sua uno, / enviou-me aos empobrecidos a fazer feliz proclamao!

    P O Senhor esteja convosco.T Ele est no meio de ns.P Proclamao do Evangelho de Jesus Cristo segundo MateusT Glria a vs, Senhor.

    (11,2-11) Naquele tempo, 2Joo es-tava na priso. Quando ouviu falar das obras de Cristo, enviou-lhe alguns dis-cpulos, 3para lhe perguntarem: s tu, aquele que h de vir, ou devemos esperar um outro?

    4Jesus respondeu-lhes: Ide contar a Joo o que estais ouvindo e vendo: 5os cegos recuperam a vida, os paralti-cos andam, os leprosos so curados, os surdos ouvem, os mortos ressuscitam e os pobres so evangelizados. 6