CEA - Manancial

  • View
    249

  • Download
    12

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Caderno de Educação Ambiental Manancial Ambiente SP

Text of CEA - Manancial

  • b i l l i n g s

    GOVERNO DO ESTADO DE SO PAULOSECRETARIA DO MEIO AMBIENTE

    COORDENADORIA DE EDUCAO AMBIENTAL

    I

    Cadernos de Educao Ambiental Edio Especial Mananciais

    GOVERNO DO ESTADO DE SO PAULO

    SECRETARIA DO MEIO AMBIENTE

    97 88562 251047

    ISBN 978-85-62251-04-7

    bil

    lin

    gs

    Cade

    rnos

    de

    Educ

    ao

    Am

    bien

    tal

    - Edi

    o

    Espe

    cial

    Man

    anci

    ais

    I

  • G O V E R N O D O E S TA D O D E S O PAU L OS E C R E TA R I A D O M E I O A M B I E N T E

    S o pa u l o 2 0 1 0

    Autores

    Beatriz Truffi AlvesCeclia Ferreira Saccuti

    Daniela Desgualdo Pires Osrio BuenoDenise Scabin Pereira

    Gabriela de Abreu GrizzoGustavo Leonardi Garcia

    Luciana de Abreu NascimentoMara Formis de Oliveira

    Mrcia Maria do NascimentoMaria Fernanda Romanelli

    Raphael Estupinham ArajoRegina Brito Ferreira

    Renata Galvo SaraivaRodrigo Machado

    Rosilene Dias

    b i l l i ngs

    Cadernos de Educao Ambiental Edio Especial Mananciais

  • S24b So Paulo (Estado) . Secretaria do Meio Ambiente / Coordenadoria de Educao Ambiental. Billings. - - So Paulo : SMA/CEA, 2010.

    150p. ; 21x29,7cm. (Cadernos de Educao Ambiental Edio Especial Mananciais, vol. I).

    Vrios autores. Bibliografia. ISBN 978-85-62-251-04-7

    1. Billings 2. Educao Ambiental 3. Mananciais Regio Metropolitana de So Paulo 4. rea de Proteo e Recuperao de Mananciais I. Ttulo. II. Srie.

    Ficha Catalogrfica preparada pela Biblioteca - Centro de Referncia em Educao Ambiental

    Disponvel para download em www.ambiente.sp.gov.br/cea

  • Governo do estado de so Paulo Governador

    secretaria do Meio aMbiente Secretrio

    coordenadoria de educao aMbientalCoordenadora

    Alberto Goldman

    Pedro Ubiratan Escorel de Azevedo

    Maria de Lourdes Rocha Freire

  • Sobre a Srie Cadernos de Educao Ambiental

    A sociedade brasileira, crescentemente preocupada com as questes ecolgicas, merece ser mais bem informada sobre a agenda ambiental. Afinal, o direito informao pertence ao ncleo da democra-cia. Conhecimento poder.

    Cresce, assim, a importncia da educao ambiental. A construo do amanh exige novas atitudes

    da cidadania, embasadas nos ensinamentos da ecologia e do desenvolvimento sustentvel. Com certeza, a

    melhor pedagogia se aplica s crianas, construtoras do futuro.

    A Secretaria do Meio Ambiente do Estado de So Paulo, preocupada em transmitir, de forma adequada,

    os conhecimentos adquiridos na labuta sobre a agenda ambiental, cria essa inovadora srie de publicaes

    intitulada Cadernos de Educao Ambiental. A linguagem escolhida, bem como o formato apresentado,

    visa atingir um pblico formado principalmente por professores de ensino fundamental e mdio, ou seja,

    educadores de crianas e jovens.

    Os Cadernos de Educao Ambiental, face sua proposta pedaggica, certamente vo interessar ao

    pblico mais amplo, formado por tcnicos, militantes ambientalistas, comunicadores e divulgadores, in-

    teressados na temtica do meio ambiente. Seus ttulos pretendem ser referncias de informao, sempre

    precisas e didticas.

    Os produtores de contedo so tcnicos, especialistas, pesquisadores e gerentes dos rgos vinculados

    Secretaria Estadual do Meio Ambiente. Os Cadernos de Educao Ambiental representam uma proposta

    educadora, uma ferramenta facilitadora, nessa difcil caminhada rumo sociedade sustentvel.

    Ttulos Publicados

    As guas subterrneas do Estado de So Paulo Ecocidado Unidades de Conservao da Natureza Biodiversidade Ecoturismo Resduos Slidos

  • Apresentao

    Na Regio Metropolitana de So Paulo, que abriga quase metade da populao do Estado (cerca de 20 milhes de pessoas), garantir o equilbrio do meio ambiente no uma tarefa simples. Conciliar a sustentabilidade do uso do solo, que impe limitaes de alterao dos ecossistemas locais com as deman-

    das econmicas e sociais, especialmente de moradia, requer um planejamento complexo.

    Em reas de mananciais, esta tarefa ainda mais difcil devido fragilidade desse ambiente. Para se ter

    uma idia, somente as guas do Reservatrio Billings abastecem diretamente cerca de 2 milhes de pessoas.

    Entretanto, qualquer problema nesse manancial afeta todo o sistema integrado de abastecimento da Regio

    Metropolitana de So Paulo.

    Neste cenrio, no basta ao Poder Pbico proceder a aes de comando e controle, de modo a ga-

    rantir a qualidade desse precioso bem ambiental que a gua. necessrio promover aes de educao

    ambiental em todos os nveis de ensino e sensibilizar a comunidade para a problemtica da preservao

    e recuperao dos mananciais para que a sociedade civil possa atuar em conjunto no implemento dessa

    importante tarefa.

    Considerando que cerca de 1 milho de pessoas residem no entorno do Reservatrio Billlings, garantir

    as condies necessrias produo de gua em quantidade e qualidade ao lado de outros usos desse

    precioso espao constitui, ao mesmo tempo, um direito e um dever de todos os cidados de So Paulo.

    A presente publicao visa oferecer um panorama da rea do Reservatrio Billings, compondo-se de

    textos e atividades que apurem o olhar sobre o local, sua histria, geografia, ecossistemas e tambm projetos

    de educao ambiental j existentes.

    Esperamos que cumpra essa funo junto aos educadores e demais leitores. Boa leitura a todos!

    Pedro ubiratan escorel de azevedoSecretrio de Estado do Meio Ambiente

  • SUMRIO Introduo

    01. gua 12 1.1. propriedades da gua 12 1.2. Distribuio e Disponibilidade da gua no planeta 14 1.3. a Importncia dos Mananciais 16 Sugesto de Atividade: Consumo de gua: qual a minha parte? 17

    02. Legislao Relacionada aos Recursos Hdricos 22 2.1. poltica Estadual de Recursos Hdricos 22 2.2. poltica Nacional de Recursos Hdricos 22 2.3. legislao aplicada Sub-Bacia Hidrogrfica Billings 23 2.3.1. Histrico das leis Estaduais de proteo aos Mananciais 23 Sugesto de Atividade: o rio e suas histrias 25

    03. A Regio Metropolitana de So Paulo e seus Mananciais 30 3.1. a Bacia Hidrogrfica do alto Tiet e a Regio Metropolitana de So paulo 33 3.2. Sistemas Produtores de gua da Regio Metropolitana de So paulo 37 Sugesto de Atividade: Bacia Hidrogrfica: como entender este conceito? 42

    04. Billings: Conhea de Perto seu Manancial 48 4.1. Histrico 48 4.1.1. Sistema Hidrulico do Reservatrio Billings: Complexidade e usos Mltiplos 57 4.2. localizao e Clima 58 4.3. Municpios e populao 59 4.4. Regies Hidrogrficas e Compartimentos ambientais 63 4.5. Lei Especfica da rea de Proteo e Recuperao de Mananciais do Reservatrio Billings 67 4.5.1. processo de Elaborao da lei 67 4.5.2. o que muda com a lei Especfica 68 Sugesto de Atividade: Biomapa 74

    05. Biodiversidade, Unidades de Conservao e Terras Indgenas da Billings 80 5.1. Flora local 81 5.1.1. Viveiros de rvores nativas 85 5.1.2. legislao aplicada conservao da flora 86 5.2. Fauna local 86 5.2.1. peixes 87 5.2.2. anfbios 88 5.2.3. Rpteis 89 5.2.4. aves 89 5.2.5. Mamferos 90 5.2.6. legislao aplicada conservao da fauna 91 Sugesto de Atividade: Bicho-poema 92 5.3. unidades de Conservao 96 5.3.1. parque Estadual da Serra do Mar Ncleo Itutinga-piles 97 5.3.2. parque Municipal Estoril 98

  • 5.3.3. parque Municipal Milton Marinho de Moraes 98 5.3.4. parque Natural Municipal Nascentes de paranapiacaba 99 5.3.5. parque Natural Municipal do pedroso 100 5.3.6. parque Fernando Vitor de arajo alves (parque Ecolgico Eldorado) 100 5.3.7. rea de proteo ambiental Municipal Capivari-Monos 101 5.3.8. rea de proteo ambiental Municipal Boror-Colnia 102 5.4. Terras Indgenas 102 5.4.1. aldeia Tenond por 103 5.4.1. aldeia Krukutu 104 Sugesto de Atividade: Estudo do Meio 106

    06. Saneamento Ambiental na Billings 112 6.1. a gua que voc bebe 113 6.2. Coleta e tratamento de esgoto 114 6.3. Ciclo do Saneamento: Tratamento de gua e Esgoto 117 6.4. Resduos Slidos 118 Sugesto de Atividade: porque o Saneamento Bsico? 121

    07. Iniciativas e Projetos Sustentveis na Billings 124 7.1. Bairros Ecolgicos 125 7.2. agricultura orgnica 126 7.2.1. Grupo Cultivar 126 7.2.2. programa agricultura Familiar de Santo andr 126 7.2.3. Instituto pedro Matajs 127 7.3. Escola de Formao ambiental 127 7.4. guas Nascentes 127 Sugesto de Atividade: Educomunicao 128

    08. Engajamento Local 134 8.1. participe: Comits de Bacia Hidrogrfica 134 8.2. Financiamento de projetos: Fundo Estadual de Recursos Hdricos 135 8.3. Educao ambiental: redes, grupos e bancos de dados 136 Sugesto de Atividade: Imitando a complexa arte da vida real 138

    09. Pontos de Vista: a Billings em Foco 142Referncias Bibliogrficas 144Ficha Tcnica 149Agradecimentos 150

  • 8 BILLINGS

    REUNIES CONjUNTAS SOBRE O CADERNO DE EDUCAO AMBIENTAL BILLINGS. Fonte: SMA / CEA.

  • 9iNTRODuO

    Introduo

    Esta publicao foi produzida principalmente para os educadores da regio da Sub-Bacia Hidrogrfica Billings a fim de subsidi-los para trabalhar a problemtica das reas de manancial de forma integral e contextualizada realidade local.

    Para isto, procurou-se abordar aspectos relacionados histria, geografia e biota local, assim como

    levantar iniciativas do poder pblico e da sociedade civil no que tangem s propostas de educao ambiental

    e uso sustentvel do solo e dos recursos, que possam contribuir para a construo de uma nova realidade

    social e ambiental nas reas de mananciais.

    Sabemos que, somente com a atuao conjunta entre os poderes pblicos e a participao qualificada

    e ativa da populao, ser possvel recupe