Click here to load reader

AS EPÍSTOLAS PASTORAIS

  • View
    65

  • Download
    2

Embed Size (px)

DESCRIPTION

UMA MENSAGEM ÀIGREJA LOCAL E ÀLIDERANÇA. As cartas pastorais reúnem orientações à liderança cristã e aos membros em geral para que vivam conforme a vontade de Deus.

Text of AS EPÍSTOLAS PASTORAIS

  • CPAD - Lies Bblicas - Mestre - Pgina 1 de 7

    L i o 1

    5 de Julho de 2015

    UMA MENSAGEM IGREJA LOCAL E

    LIDERANA

    T E X T O U R E O V E R D A D E P R T I C A

    "Ningum despreze a tua mocidade; as s o

    exemplo dos fiis, na palavra, no trato, no

    amor, no esprito, na f, na pureza."

    (1 Tm 4.12)

    As cartas pastorais renem orientaes liderana crist e aos membros em geral para

    que vivam conforme a vontade de Deus

    L E I T U R A D I R I A

    Segunda - 1 Tm 1.2O cuidado paternal pelo jovem obreiro

    Quinta - At 15.19,20De que os crentes gentios deveriam se abster

    Tera - Ef 6.17A Palavra de Deus a "espada do Esprito"

    Sexta - 1 Co 5.7aPaulo alerta a respeito do cuidado com o"fermento velho"

    Quarta - Gl 4.9-11O pastor deve ter cuidado com o legalismo

    Sbado - 2 Tm 2.15Preparado para manejar a Palavra da verdade

    L E I T U R A B B L I C A E M C L A S S E

    1 Timteo 1.1,2; Tito 1.1-4

    1Tm 1.1 - Paulo, apstolo de Jesus Cristo, segundo o mandado de Deus, nosso Salvador, e doSenhor Jesus Cristo, esperana nossa,2 - a Timteo, meu verdadeiro filho na f: graa, misericrdia e paz, da parte de Deus, nossoPai, e da de Cristo Jesus, nosso Senhor.Tt 1.1- Paulo, servo de Deus e apstolo de Jesus Cristo, segundo a f dos eleitos de Deus e oconhecimento da verdade, que segundo a piedade,2 - em esperana da vida eterna, a qual Deus, que no pode mentir, prometeu antes dos

  • CPAD - Lies Bblicas - Mestre - Pgina 2 de 7

    tempos dos sculos,3 - mas, a seu tempo, manifestou a sua palavra pela pregao que me foi confiada segundo omandamento de Deus, nosso Salvador,4 - a Tito, meu verdadeiro filho, segundo a f comum: graa, misericrdia e paz, da parte deDeus Pai e da do Senhor Jesus Cristo, nosso Salvador.

    O B J E T I V O G E R A L

    Apresentar um panorama geral das epstolas paulinas de Timteo e Tito.

    HINOS SUGERIDOS: 210, 225 e 515, da Harpa Crist

    O B J E T I V O S E S P E C F I C O S

    Abaixo, os objetivos especficos referem-se ao que o professordeve atingir em cada tpico. Por exemplo, o objetivo I refere-seao tpico I com os seus respectivos subtpicos.

    I. Introduzir as epstolas pastorais de Timteo e Tito.II. Conhecer os propsitos das epstolas de Timteo e Tito. III. Conscientizar a respeito da atualidade das epstolas

    pastorais.IV. Explicar o contedo da mensagem de Paulo para a liderana.

    I N T E R A G I N D O C O M O P R O F E S S O R

    Prezado professor, neste terceiro trimestre do ano, estudaremos a respeito das epstolas de

    Timteo e Tito. O autor destas cartas o apstolo Paulo. Ele as escreveu com o objetivo de

    orientar e confortar dois jovens pastores, Timteo e Tito. A cada lio estudada, voc ver que

    os contedos destas epstolas so repletos de bons conselhos que podem ajudar lderes e

    liderados a viverem conforme a vontade de Deus.

    O comentarista o pastor Elinaldo Renovato de Lima - autor de diversos livros, lder da

    Assembleia de Deus em Parnamirim, RN.

    O enriquecimento espiritual que advir do estudo de cada lio ser sentido na liderana e em

    cada membro da Igreja de Cristo.

    C O M E N T R I O

    INTRODUO

    Neste trimestre teremos a oportunidade mpar de estudar as Epstolas de 1 e 2 Timteo e Tito.Estas cartas, em geral, so consideradas um conjunto, j que foram dirigidas a dois jovenspastores que cuidavam do rebanho do Senhor juntamente com Paulo. O contedo delas estrepleto de conselhos teis sobre a estrutura da vida na igreja. Estes conselhos fazem destascartas verdadeiros manuais eclesisticos para a liderana das Igrejas de hoje.

  • CPAD - Lies Bblicas - Mestre - Pgina 3 de 7

    I - AS EPSTOLAS PASTORAIS

    1. Cartas pastorais. As trs epstolas que estudaremos so chamadas de cartas pastorais, e issose deve ao fato de terem sido elas endereadas a dois jovens pastores: Timteo e Tito. Foramescritas por Paulo, um lder itinerante, que estava preocupado com os jovens pastores. Ele osinstrui de modo cuidadoso a respeito do trato com a Igreja e com seus ministrios. 2. Datas em que foram escritas. A Primeira Epstola de Timteo foi escrita por volta de 64 d.C.,entre a primeira e a segunda priso de Paulo, e enviada de Roma ou da Macednia (talvezFilipos). Em seguida, por volta de 65 d.C., foi escrita a Carta a Tito. J a Segunda Epstola deTimteo foi escrita em torno de 67 d.C., quando do segundo encarceramento do apstolo, eantes de sua morte. Faz parte das "cartas da priso", ao lado de Filipenses, Efsios, Colossensese Filemon. 3. Contedo. Estas epstolas formam um conjunto literrio, devocional e doutrinrio, em que seobservam o mesmo vocabulrio, o mesmo estilo e os mesmos propsitos para qual foramescritas. A estrutura foi elaborada com o intuito de alcanar seus destinatrios com solenesensinos e advertncias da parte de Deus. O contedo pode ser resumido da seguinte maneira: a) Saudao. Nas saudaes aos destinatrios, Paulo demonstra o seu cuidado para com osjovens obreiros (1 Tm 1.2; Tt 1.1-4; 2 Tm 1.1,2); b) Qualificaes ministeriais. Paulo demonstra que para ser Ministro do Evangelho, hrequisitos a serem respeitados (1 Tm 3.1-13; Tt 1.5-9); c) Alerta contra os falsos mestres e as falsas doutrinas (1 Tm 4.1-5; Tt 1.10-16). Falsos mestres efalsas doutrinas j existiam nas igrejas e infelizmente ainda existem em muitos lugares;d) O cuidado com a "s doutrina" (1 Tm 1.10; 6.3; 2 Tm 1.13; 4.3; Tt 2.1); a falta desse cuidadocontribui para a disseminao das heresias e desvios de toda a espcie;e) Comportamento e conselhos a diversos grupos (1 Tm 5.1-25; Tt 2.1-10). Paulo fala a respeitodos servos, senhores, pais, filhos, jovens e outros grupos.

    PONTO CENTRAL

    As epstolas de Timteo e Tito apresentam orientaes aos lderes e membros quanto vida

    pessoal e crist

    SNTESE DO TPICO I

    As epstolas pastorais receberam esta designao pelo fato de terem sido escritas e enviadas a

    dois pastores.

    SUBSDIO BIBLIOLGICO

    O centro do ensino de Paulo a Timteo concentra-se no modo de vida que apropriadodentro da igreja. As suas lies falam de orao (2.1-8), mulheres (2.9-15), a escolha de bispos(3.1-7) e diconos (3.8-13) e concluem com uma liturgia de louvor (3. 14-16). Estas lies tmo objetivo de ajudar na igreja do Deus vivo. A seguir, Paulo passa a falar do prprio Timteo. aparente que, embora Paulo amasse muito Timteo, e o enviasse em importantes misses.Timteo, por natureza, era tmido e hesitante. Por isto as palavras de Paulo parecem, s vezes,ir alm do incentivo e da exortao. Paulo lembra Timteo de que ele pode esperar falsosensinos infectando as igrejas, e que o seu dever propor a verdade aos irmos ( 4.1-10). MasTimteo deve fazer ainda mais. Ele deve mandar e ensinar a verdade, e no permitir que

  • CPAD - Lies Bblicas - Mestre - Pgina 4 de 7

    algum despreze sua mocidade. E as exortaes prosseguem: Timteo deve meditar nestascoisas, ocupar-se nelas e perseverar nelas (4.10-16) (RICHARDS, Lawrence O. ComentrioHistrico-Cultural do Novo Testamento. 1. ed. Rio deJaneiro: CPAD, 2007, p. 467).

    C O N H E A M A I S

    *Cartas pastoraisAparentemente, a primeira carta a Timteo foi escrita no perodo em quePaulo esteve preso em Roma. A segunda carta a Timteo foi escrita duranteseu segundo encarceramento. Desta vez o apstolo no conseguiusobreviver. Pelas vrias referncias, fica claro por essas cartas e pelotestemunho da histria, que as epstolas pastorais datam prximas do final daEra Apostlica. Somente os originais das cartas de Joo, podem ser maisantigos. Leia mais em Guia do Leitor da Bblia, CPAD, p. 830.

    II - PROPSITO E MENSAGEM

    As cartas pastorais de 1 Timteo, 2 Timteo e Tito tinham em comum os seguintes propsitos:1. Orientar os lderes quanto vida pessoal . Paulo exorta o jovem pastor Timteo dizendo queele deveria servir como exemplo em tudo (1 Tm 4.12, 16). Para estar na liderana de uma igrejalocal imprescindvel ter uma vida exemplar. Tambm necessrio e importante que o ldersaiba cuidar bem de sua vida familiar (1 Tm 3.1-13), a fim de que sua esposa e filhos tenhamuma boa conduta. 2. Combater as heresias. Paulo sabia das diversas heresias que ameaavam as igrejas locais. Oapstolo estava preocupado com os crentes que j haviam sido seduzidos pelo judasmo. Ojudasmo exigia o cumprimento de vrios rituais e liturgias, contudo Jesus nos ensinou umanova maneira de cumprir a Lei e de viver. Jesus fez uma Nova Aliana com a humanidademediante seu sacrifcio na cruz. Naquele tempo havia tambm o perigo do gnosticismo, ou seja,uma filosofia hertica, que defendia o dualismo, segundo o qual a matria m e o esprito bom. Por isso, negava a encarnao de Cristo, pois o corpo, sendo matria, contaminaria seuesprito. Paulo deixou Timteo em feso para amenizar os estragos dessa heresia, que seinfiltrou no meio dos crentes, sob influncia de Himeneu e Alexandre ( 1 Tm 1.19,20).

    A falta de cuidado com o ensino da s doutrina contribui para a disseminao das heresias e

    desvios de toda a espcie.

    SNTESE DO TPICO II

    As epstolas de Timteo e Tito tinham como propsitos orientar os lderes quanto vida pessoal

    e no combate as heresias.

    SUBSDIO BIBLIOLGICO

    A responsabilidade imediata de Timteo era esta: Para advertires a alguns que no ensinemoutra doutrina. O apstolo no nos informa a quem ele se referia quando emitiu esta ordem;

  • CPAD - Lies Bblicas - Mestre - Pgina 5 de 7

    Timteo provavelmente j sabia muito bem quem eram os envolvidos. Paulo usa termos vagospara descrever a natureza destas heresias: Fbulas ou... genealogias interminveis, que maisproduzem questes do que edificao de Deus, que consiste na f. Mesmo que seja impossvelconcluir com plena certeza quais eram esses ensinos que o apstolo percebia que estavamminando a f dos cristos efsios, no forar a interpretao sugerir que se tratava de umcomeo de gnosticismo. A heresi

Search related