A Atmosfera da Terra 1. EVOLUÇÃO DA ATMOSFERA TERRESTRE: BREVE HISTÓRIA 1.1. DA ATMOSFERA PRIMITIVA À ATMOSFERA ACTUAL 1.2. ALTERAÇÃO DA CONCENTRAÇÃO DOS

  • View
    108

  • Download
    3

Embed Size (px)

Text of A Atmosfera da Terra 1. EVOLUÇÃO DA ATMOSFERA TERRESTRE: BREVE HISTÓRIA 1.1. DA ATMOSFERA...

  • Slide 1
  • A Atmosfera da Terra 1. EVOLUO DA ATMOSFERA TERRESTRE: BREVE HISTRIA 1.1. DA ATMOSFERA PRIMITIVA ATMOSFERA ACTUAL 1.2. ALTERAO DA CONCENTRAO DOS COMPONENTES VESTIGIAIS DA ATMOSFERA. DOSE LETAL DE UM PRODUTO QUMICO Escola Secundria Maria Lamas Torres Novas Fsica e Qumica A 10 Ano Nelson Alves Correia UNIDADE 2 NA ATMOSFERA DA TERRA: RADIAO, MATRIA E ESTRUTURA
  • Slide 2
  • A Atmosfera da Terra Relacionar a evoluo da atmosfera com os gases nela existentes. Comparar a composio provvel da atmosfera primitiva com a composio mdia actual da troposfera. Indicar a composio mdia da troposfera actual em termos de componentes principais(O 2, N 2, H 2 O e CO 2 ) e vestigiais (xidos de azoto, metano, amonaco, monxido de carbono, hidrognio...). Justificar a importncia de alguns gases da atmosfera (O 2, N 2, H 2 O e CO 2 ) face existncia de vida na Terra. OBJECTIVOS
  • Slide 3
  • A Atmosfera da Terra Explicar como alguns agentes naturais e a actividade humana provocam alteraes na concentrao dos constituintes vestigiais da troposfera, fazendo referncia a situaes particulares de atmosferas txicas para o ser humano. Exprimir o significado de dose letal (DL 50 ) como a dose de um produto qumico que mata 50% dos animais de uma populao testada e que se expressa em mg do produto qumico por kg de massa corporal do animal. Comparar valores de DL 50 para diferentes substncias. Comparar os efeitos de doses iguais de uma substncia em organismos diferentes. OBJECTIVOS
  • Slide 4
  • A Atmosfera da Terra Atmosfera Primitiva da Terra Atmosfera Actual da Terra Importncia do Oxignio Importncia do Azoto Importncia do Vapor de gua e do CO 2 Causas da Alterao da Concentrao dos Componentes Vestigiais da Atmosfera Dose Letal de um Produto Qumico CONTEDOS
  • Slide 5
  • A Atmosfera da Terra ATMOSFERA PRIMITIVA DA TERRA A Terra primitiva era muito diferente da Terra actual. No incio, a Terra no tinha atmosfera (o hidrognio e o hlio escaparam para o espao devido sua baixa densidade). A atmosfera primitiva formou-se quando os vulces libertaram gases do interior da Terra.
  • Slide 6
  • A Atmosfera da Terra ATMOSFERA PRIMITIVA DA TERRA A atmosfera primitiva no tinha oxignio. A composio da atmosfera variou muito ao longo dos anos.
  • Slide 7
  • A Atmosfera da Terra ATMOSFERA PRIMITIVA DA TERRA O vapor de gua condensou, formando a chuva, e diminuiu muito na atmosfera. A chuva formou os oceanos (aparecimento da gua lquida) e dissolveu o CO 2, que diminuiu muito na atmosfera. As molculas de metano e de amonaco foram destrudas pela radiao solar. O oxignio formou-se porque as radiaes ultravioletas do Sol transformaram as molculas de gua (2H 2 O 2H 2 + O 2 ) e devido fotossntese das cianobactrias.
  • Slide 8
  • A Atmosfera da Terra ATMOSFERA PRIMITIVA DA TERRA Constituio da atmosfera h cerca de 2300 milhes de anos: Vestgios de gua, CO 2 e oxignio; O azoto era o componente principal (cerca de 100%).
  • Slide 9
  • A Atmosfera da Terra ATMOSFERA ACTUAL DA TERRA H cerca de 1500 milhes de anos, a atmosfera tinha a composio actual, nos seus principais gases: O azoto o gs que existe em maior quantidade (78,1%); O oxignio o segundo gs mais abundante (20,9%). Devido fora gravtica, cerca de 80% da massa da atmosfera encontra-se na camada mais prxima da superfcie da Terra, a Troposfera.
  • Slide 10
  • A Atmosfera da Terra ATMOSFERA ACTUAL DA TERRA
  • Slide 11
  • A Atmosfera da Terra IMPORTNCIA DO OXIGNIO O oxignio importante para: Os animais e as plantas respirarem; Formar a camada de ozono, que absorve as radiaes ultravioletas solares com mais energia, mortais para os seres vivos. Uma atmosfera com muito oxignio tornaria a vida impossvel, pois um forte oxidante (oxida as substncias) e um bom comburente (provoca as combustes, como os fogos).
  • Slide 12
  • A Atmosfera da Terra IMPORTNCIA DO AZOTO O azoto importante para: A alimentao e crescimento dos seres vivos (as protenas e os cidos nucleicos tm tomos de azoto); A produo de fertilizantes, que fornecem azoto s plantas.
  • Slide 13
  • A Atmosfera da Terra IMPORTNCIA DO VAPOR DE GUA E DO CO 2. O vapor de gua e o CO 2 so importantes para a fotossntese, a respirao e a regulao do clima na Terra.
  • Slide 14
  • A Atmosfera da Terra IMPORTNCIA DO VAPOR DE GUA E DO CO 2 Efeito de estufa - O CO 2 e outros gases vestigiais da atmosfera (metano, dixido de enxofre, dixido de azoto, vapor de gua) absorvem uma parte da radiao infravermelha libertada pela Terra, aquecendo-a.
  • Slide 15
  • A Atmosfera da Terra CAUSAS DA ALTERAO DA CONCENTRAO DOS COMPONENTES VESTIGIAIS DA ATMOSFERA Componentes vestigiais da atmosfera: Dixido de carbono (CO 2 ); Metano (CH 4 ); Monxido de carbono (CO); Clorofluorcarbonetos (CFC); xidos de azoto (N 2 O, NO e NO 2 = NO x ); Dixido de enxofre (SO 2 ); Sulfureto de hidrognio (H 2 S); Ozono (O 3 ).
  • Slide 16
  • A Atmosfera da Terra Desde o incio do sculo XX que a composio da atmosfera sofreu alteraes nos seus componentes vestigiais: surgiram novos gases e a sua concentrao aumentou. Estes gases tornam-se poluentes, quando a sua quantidade aumenta muito, sendo perigosos para os seres vivos e alterando o clima. Isto acontece quando a velocidade de lanamento dos gases para a atmosfera superior velocidade da sua remoo. CAUSAS DA ALTERAO DA CONCENTRAO DOS COMPONENTES VESTIGIAIS DA ATMOSFERA
  • Slide 17
  • A Atmosfera da Terra CAUSAS DA ALTERAO DA CONCENTRAO DOS COMPONENTES VESTIGIAIS DA ATMOSFERA
  • Slide 18
  • A Atmosfera da Terra CAUSAS DA ALTERAO DA CONCENTRAO DOS COMPONENTES VESTIGIAIS DA ATMOSFERA
  • Slide 19
  • A Atmosfera da Terra CAUSAS DA ALTERAO DA CONCENTRAO DOS COMPONENTES VESTIGIAIS DA ATMOSFERA
  • Slide 20
  • A Atmosfera da Terra CAUSAS DA ALTERAO DA CONCENTRAO DOS COMPONENTES VESTIGIAIS DA ATMOSFERA Existem dois tipos de causas que explicam o aumento da concentrao destes gases na atmosfera: Causas naturais; Causas antropognicas. As causas naturais so: Vulces (libertam SO 2, CO e H 2 S); Biosfera (as bactrias anaerbias libertam metano, nomeadamente as que se encontram no estmago dos ruminantes).
  • Slide 21
  • A Atmosfera da Terra CAUSAS DA ALTERAO DA CONCENTRAO DOS COMPONENTES VESTIGIAIS DA ATMOSFERA As causas antropognicas resultam da actividade humana e libertam CO 2, CO, SO 2, NO x, CFC, NH 4 e O 3 :
  • Slide 22
  • A Atmosfera da Terra Consequncias dos gases poluentes sobre o ambiente: Aumento do efeito de estufa (CO 2, CH 4, CFC, N 2 O); Destruio da camada de ozono (CFC); Chuvas cidas (SO 2, NO 2 ); Smog Nevoeiro com fumo e partculas em suspenso (NO x, SO 2 ); Aparecimento do ozono junto ao solo (NO 2 ). CAUSAS DA ALTERAO DA CONCENTRAO DOS COMPONENTES VESTIGIAIS DA ATMOSFERA
  • Slide 23
  • A Atmosfera da Terra Os produtos qumicos podem ser prejudiciais (txicos) para os seres vivos, provocando doenas ou a morte. A toxicidade varia de produto para produto, dependendo do tempo de exposio, da dose (quantidade do produto), do modo como entram no organismo (inalao, ingesto, absoro pela pele) e com a espcie de ser vivo. H produtos que, ao serem inalados ou ingeridos em doses fracas, no tm efeitos imediatos (chumbo e mercrio). No entanto, como no so expulsos pelo organismo, se o tempo de exposio aumentar, os seus efeitos vo-se acumulando (efeitos cumulativos), tornando-se txicos. DOSE LETAL DE UM PRODUTO QUMICO
  • Slide 24
  • A Atmosfera da Terra Dose letal (DL 50 ) - Quantidade de um produto qumico necessria para provocar a morte de 50% dos indivduos (animais ou plantas). Mede-se em miligramas do produto qumico por cada quilograma de massa corporal (mg/kg). Quanto menor for a dose letal, mais txico o produto. DOSE LETAL DE UM PRODUTO QUMICO
  • Slide 25
  • A Atmosfera da Terra DOSE LETAL DE UM PRODUTO QUMICO
  • Slide 26
  • A Atmosfera da Terra DOSE LETAL DE UM PRODUTO QUMICO
  • Slide 27
  • A Atmosfera da Terra
  • Slide 28
  • Slide 29
  • Dantas, M., & Ramalho, M. (2008). Jogo de Partculas A - Fsica e Qumica A - Qumica - Bloco 1 - 10/11 Ano. Lisboa: Texto Editores. BIBLIOGRAFIA