Click here to load reader

A Adivinhação Através Do Tarô

  • View
    39

  • Download
    6

Embed Size (px)

Text of A Adivinhação Através Do Tarô

A adivinhao atravs do Tar

:: Elisabeth Cavalcante :: Atualmente, como sempre, o tar deve a maior parte de sua popularidade ao seu uso como artifcio de adivinhao. A adivinhao no envolve apenas a superstio ou a mera leitura da sorte.

Pelo contrrio, ela excepcionalmente sutil, e por seu intermdio os segredos do inconsciente podem ser descobertos, nossos poderes (extra-sensoriais e outros) podem se tornar acessveis, e podemos obter orientao para as nossas vidas confusas.

O mais importante compreendermos que no existe nada casual ou acidental no Universo e que os eventos exteriores mesmo aqueles que parecem triviais esto intimamente relacionados com ocorrncias no interior da psique do ser humano.

Desse modo, se ns aprendermos a arte de descobrir e interpretar os sinais exteriores, poderemos da mesma forma ter acesso ao mundo das realidades interiores das nossas prprias almas e da Alma Csmica.

A magia da adivinhao do tar no est nas cartas e sim em ns mesmos. As cartas agem como instrumentos atravs dos quais a realidade subjetiva no interior do inconsciente se torna capaz de projetar uma parte de si mesma numa existncia objetiva. Por meio dessa projeo, podemos estabelecer um relacionamento til e significativo ou um dilogo criativo entre os lados objetivo e subjetivo das nossa vidas, o que significa uma grande faanha.

Certas Escolas Iniciticas ou Escolas de Mistrios do passado, consideravam a arte da adivinhao uma importante parte de seu curriculum. Porm, a finalidade bsica no era ensinar o aluno como ver o futuro, mas tinha o intuito de construir um mecanismo psquico no interior do iniciado, atravs do qual uma fonte de orientao e de conhecimento intuitivo pudesse se tornar acessvel ao seu Eu consciente. A adivinhao, nesse sentido, uma arte que constri uma ponte entre os homens e Deus, e como todas as pontes ela deve ser atravessada e no utilizada como alicerce.

Por todas as razes expostas, o trabalho com o tar exige uma postura de respeito e seriedade, j que a inteno com que realizamos algo essencial no que diz respeito aos resultados que sero obtidos.

Stephan Hoeller, um dos mais renomados tarlogos americanos, define como, em sua opinio, podemos desenvolver a habilidade adequada na adivinhao atravs do tar e ao mesmo tempo evitar as armadilhas da superstio:

"Existem quatro tipos bsicos de adivinhao adequada e segura atravs do tar e, vamos aqui descrev-las em linhas gerais:

1 - A atitude adequadaEssa atitude deve estar localizada entre a frivolidade e o temor supersticioso. A operao de adivinhar atravs do tar uma atividade sria, pois no invocamos os Deuses em vo. Ao mesmo tempo, devemos nos lembrar que as cartas so apenas cartas e, em hiptese alguma, so objetos dignos de medo e de venerao em si prprios. Guardar as cartas em caixas de valor, pint-las mo, ou acender velas perto delas no alterar o fato de que so apenas pedaos de cartolina, e nada mais. O que importa a resposta psicolgica que as cartas despertaro em ns; o resto tem pouca importncia.

2 O conhecimento adequado referente ao significado adivinhatrio das cartas a prxima exigncia. Isso bem mais importante do que o chamado mdium deseja admitir. No podemos praticar a adivinhao apenas olhando para as cartas e fazendo a "livre associao" com qualquer coisa que penetre na nossa mente. O tar no um mtodo de teste associativo como os borres de tinta de Rorschach. Temos que memorizar os significados bsicos e simblicos das cartas (de todas as 78), antes que possamos pretender chegar condio de adivinho do tar. bem verdade que a adivinhao tambm inclui o uso do material inconsciente que vem de forma espontnea tona da mente do adivinho durante uma leitura, porm esse material deve servir para ampliar e no para substituir a arte de interpretar as cartas em termos do seu significado reconhecido.

3 Um talento natural para a imaginao mgica outra qualidade importante. Ela pode ser encontrada em determinado grau na maioria das pessoas, e o seu crescimento dentro da psique individual pode ser cultivado. A imaginao mgica simplesmente a habilidade de fazer com que a realidade subjetiva ou psquica se relacione de modo significativo com os sinais materiais disponveis. O tar certamente um dos melhores meios de estimular essa imaginao mgica, e quanto mais o estudamos e utilizamos, mais nos tornamos aptos a cultivar essa importante e excitante faculdade.

4 A disposio de encarar as aspectos ocultos das prpria psique a ultima condio e provavelmente a mais importante. Nenhuma pessoa que sofra das formas mais graves de neurose pode praticar qualquer arte oculta sem causar danos a si prpria a aos outros. Os antigos possuam um ditado que dizia que, num recipiente no preparado, os Deuses derramariam o seu vinho em vo. Aqueles que possuem poderosos demnios escondidos na entrada da conscincia podero permitir que eles se manifestem nas suas personalidades quando estiverem envolvidos na pratica das artes ocultas. Tais acontecimentos infelizes no desmerecem o tar ou qualquer outro artifcio adivinhatrio; eles meramente revelam a falta de sabedoria do tolo que se precipita onde os anjos temem pisar. Motivos mercenrios, bem como o desejo de prestigio e de poder obtidos por meio da adivinhao, so obstculos poderosos ao sucesso de uma operao adivinhatria, pois eles tendem a liberar foras psicolgicas indesejveis que confundem o adivinho.

A adivinhao por meio do tar uma atividade sria, que no deve ser empreendida por razes mercenrias ou fteis. Tais motivos representam uma profanao, no das cartas, mas do poder da alma atravs do qual as cartas so interpretadas. Quando a arte da adivinhao interpretada por neurticos ou pessoas de intenes indignas, ela passa por uma degenerao, de forma que o que foi antes um templo transforma-se num mercado vulgar onde os ladres buscam o seu contedo srdido e os vagabundos desperdiam o seu tempo.

No sbio tentar os deuses. Somente quando as nossas mentes no conseguem aprender os assuntos mais srios da nossa vida, de forma que somente a orientao mais elevada pode solucionar as nossas dvidas e as nossas ansiedades, aconselhvel que recorramos aos ritos adivinhatrios do tar. Em todos os assuntos comuns, o bom senso e a lgica so os juizes e os reguladores naturais, e somente aqueles temas que nem o bom senso e nem a razo podem resolver, deveriam tornar-se objetos para o exerccio da elevada faculdade de adivinhao da alma".

O Arcano XVIII do Tarotpor Lucya Janeth - [email protected] Arcano Maior do Tarot representa a Lua e os perigos que podemos ter que enfrentar ao longo do caminho do autoconhecimento. Representa o resgate de nosso corpo emocional em profundidade. Quando estamos sintonizados com essa lmina em algum momento de nossas vidas, podemos estar certos de que nosso lado sombra estar nos cobrando uma maior ateno a alguma questo que necessita ser resolvida, para que a nossa verdadeira Luz possa, enfim, surgir no mundo com fora total.

A cura do corpo emocional da humanidade a que mais exige nossa ateno no momento presente. Nele foi registrado tudo o que vivemos desde os primrdios de nossa existncia como humanos, ou at mesmo como animais, para quem assim o acredita. E uma das possibilidades que pode nos ajudar ainda mais na resoluo desse desafio comum a todos est registrada na lmina XVIII do Tarot.

Este Arcano representado por guas escuras de onde emerge um caranguejo que nos reporta ao passado (assim como o signo de Cncer) pela figura da Lua e por dois ces que parecem uivar para ela. O sol tambm aparece como que nos passando a mensagem de que a verdadeira claridade vem dele e de que devemos nos focar nisso para que compreendamos definitivamente que a sombra, a depresso, as aflies e o feitio so apenas iluses da mente. Talvez alguns seres incautos, ou ainda no iniciados em alguma forma de contato que transcenda a condio humana comum, no consigam perceber o emaranhado em que vivem. "Muitas vezes por estarem com suas conscincias to habituadas a focarem a luz da lua, esquecem-se de que ela apenas um plido reflexo da grande luz solar!"

Pelas pesquisas, leituras e pela prpria intuio que desenvolvo h algum tempo, posso perceber que o ano de 2008 poder vir a ser uma grande oportunidade pessoal para um belo mergulho no inconsciente. A soma teosfica de minha data de nascimento (o total sem reduo) acrescida de 10(dez) que define a soma do ano em curso, resulta no nmero 18. Obtendo mais informaes atravs da revoluo solar para o mesmo ano, encontro a lua (solitria) na casa oito, no signo de Escorpio (signo que tambm representa a casa oito do mapa natural). Em resumo, o cosmo planeja e est me ajudando a restabelecer um maior equilbrio emocional desde o meu ltimo aniversrio, favorecendo-me a um contato mais ntimo com meus sentimentos mais profundos e com emoes negativas como mgoas e ressentimentos antigos (lua sempre fala de passado) que de tempos em tempos so regurgitados e vm bloqueando a vinda do que seja o novo e fresco para minha vida afetiva. Isso ir me auxiliar na transmutao de muitas dores da infncia que ainda hoje entorpecem a conscincia e me impedem uma expresso mais espontnea do verdadeiro ser que habita em mim.

Percebo tambm que pode ser o momento ideal para um maior aprofundamento nos estudos sobre os ciclos da lua. Sua energia influencia as guas, os instintos e humores humanos e at, quem sabe, os dos animais. Espero que vivenciar este Arcano luz da conscincia no seja to assustador. Conhecendo-se de antemo que sua energia nos coloca sob a influncia de vrias interferncias perigosas, contaminaes e desafios, pode-se ficar mais alerta e atento ao que nos rodeia.

Quando mergulhamos em guas profundas quase nunca podemos prever com exatido o que iremos encontrar. No entanto, a tnica a coragem. O enfrentamento necessrio dos medos mais terrveis, dos bloqueios, das decepes, traies, da conf

Search related