04 - Tabela Peri³dica

  • View
    94

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of 04 - Tabela Peri³dica

Tabela Peridica

Tabela PeridicaOs elementos qumicos sempre foram agrupados de modo a termos elementos semelhantes juntos, tendo desta maneira o desenvolvimento de vrias tabelas at os nossos dias atuais.

PeriodicidadeQuando um evento se repete regularmente em funo de um determinado parmetro dizemos que ele peridico. Cada intervalo entre uma repetio e outra chamado de perodo. Por isso a tabela chamada de peridica. Algumas propriedades se comportam de maneira peridica.

Tabela Peridica ModernaA tabela peridica moderna organizada em ordem crescente de nmero atmico (Z). (obs.: as antigas eram organizadas em ordem crescente de massa). Existem 7 perodos ou 7 linhas horizontais, e 18 famlias ou grupos, ou seja, 18 colunas; numeradas atualmente de 1 a 18, antigamente eram divididas em famlias da srie A e famlias da srie B. Os elementos que esto em uma mesma famlia possuem propriedades qumicas semelhantes e propriedades fsicas que variam gradualmente. O que define um elemento qumico seu nmero atmico(Z), durante uma reao os elementos sofrem um rearranjo podendo sofrer alterao no seu nmero de eltrons, mas jamais no nmero atmico. Quando um tomo est no seu estado fundamental o nmero de prtons ser igual ao de eltrons, portanto, sua configurao eletrnica pode ajudar a prever suas propriedades qumicas. Ns vamos observar uma primeira relao que ocorre na tabela entre a posio do elemento na tabela peridica e a sua configurao eletrnica. O perodo indica o nmero de camadas eletrnicas, por exemplo, todos os elementos que esto no 2 perodo da tabela peridica possuem 2 camadas eletrnicas.

Perodos Linhas horizontais numeradas de cima para baixo na tabela; Esto associados a configurao eletrnica de um elemento; O nmero de ordem do perodo de um elemento igual ao nmero de nveis eletrnicos que ele (elemento) possui.

Famlias: Grupos ou Colunas So as linhas verticais da classificao peridica. Estas linhas so numeradas de 1 a 8 e subdivididas em A e B, a IUPAC recomenda que esta numerao seja de 1 a 18.

Nomes das Principais Famlias Coluna 1 ou Grupo 1 A famlia dos metais alcalinos Coluna 2 ou Grupo 2 A famlia dos metais alcalinos terrosos Coluna 13 ou Grupo 3 A famlia do boro Coluna 14 ou Grupo 4 A famlia do carbono Coluna 15 ou Grupo 5 A famlia do nitrognio Coluna 16 ou Grupo 6 A famlia dos calcognios Coluna 17 ou Grupo 7 A famlia dos halognios Coluna 18 ou Grupo 8 A ou 0 famlia dos gases nobres

Classificao PeridicaJ com relao ao subnvel ocupado pelo eltron mais energtico do tomo no seu estado fundamental podemos classificar os elementos nos seguintes grupos: Elementos representativos (hidrognio, metais alcalinos, metais alcalinos terrosos, no metais e gases nobres); Elementos de transio (metais); Elementos de transio interna (actindeos e lantandeos).

Propriedades GeraisHoje em dia podemos dividir os elementos em 5 grupos: os metais, os ametais, os semimetais (ou metalides), os gases nobres e o hidrognio; s voc observar as cores que aparecem na tabela.

MetaisConstitui a maior parte dos elementos qumicos, os metais possuem uma grande tendncia em formar ctions. Com relao s propriedades fsicas podemos ressaltar: Slidos nas condies ambientes, exceto o mercrio que lquido; So bons condutores de eletricidade e calor; So dcteis (podem formar fios) e maleveis (podem formar lminas); Possuem brilho caracterstico.

AmetaisTemos na tabela 11 no metais. Os no metais possuem uma grande tendncia em formar nions. De um modo geral podemos dizer que os no metais possuem propriedades inversas as dos metais. Principais caractersticas: Podem ser slidos (C, P, S, Se, I e At); Lquido (Br); Gasoso (N, O, F e Cl) Maus condutores de eletricidade e calor (exceo o carbono que um bom condutor de calor e eletricidade); No possuem brilho caracterstico (com exceo o iodo e o carbono grafita que possuem um brilho metlico); No so dcteis e nem maleveis. Alguns elementos qumicos que fazem parte desse grupo so: C, N, P, O, S, Se, F, Cl, Br, I e At.

SemimetaisTemos 7 semimetais, os quais apresentam propriedades intermedirias s dos metais e no metais. Podem formar ctions ou nions dependendo da situao. Suas principais caractersticas fsicas so: Brilho semimetlico; Semiconduo de corrente eltrica.

Gases nobresTemos 6 gases nobres, so todos os gases nas condies ambientes. So altamente inertes quimicamente falando. So encontrados na natureza na forma de molculas monoatmicas. Esses elementos no formam compostos espontaneamente so

extremamente estveis, no possuem tendncia nem em doar nem em receber eltrons. No considerando o elemento de nmero atmico 118. . Possuem grande estabilidade qumica, isto , pouca capacidade de combinarem com outros elementos. Elementos qumicos que fazem parte deste grupo so: He, Ne, Ar, Kr, Xe e Rn.

HidrognioO elemento qumico hidrognio no classificado em nenhum destes grupos, ele possui caractersticas prprias. O hidrognio um elemento atpico, existem alguns qumicos que sugerem que ele fique fora da tabela, j que ele no se enquadra em nenhum grupo da tabela. o mais simples dos tomos, encontrado na forma de H2(g) nas altas camadas da atmosfera, ou combinado com outros elementos, como por exemplo, com o oxignio formando gua. Ele colocado na famlia dos metais alcalinos, mas no um metal, ele s estaria ali, pois possui 1 eltron na ltima camada.

Propriedades peridicas.Muitas caractersticas dos elementos qumicos se repetem periodicamente, estas propriedades so denominadas de propriedades peridicas.

Raio atmicoSo fatores importantes: Nmero de camadas eletrnicas; Camada Nuclear; Cresce para baixo e para a esquerda.

Raio inicoO raio do tomo sempre maior do que o raio do seu respectivo ction. 3+ 13Al 13Al p = 13 > p = 13 e = 13 e- = 10 No ction que se forma os eltrons so fortemente atrados pela carga nuclear que maior, diminuindo o tamanho do on. O raio do tomo sempre menor do que o raio do seu respectivo nion. 37N 7N p=7 > p=7 e- = 7 e- = 10 No nion que se forma os eltrons se repelem, com a chegada de mais 3 eltrons aumenta a repulso entre os eltrons ocasionando um aumento do on formado.

Espcies isoeletrnicas3+ 13Al 37N

p = 13 < p=7 e- = 10 e- = 10 Numa srie isoeletrnica quem possui maior carga nuclear ( nmero de prtons) ser menor, pois os prtons exercem uma atrao maior no mesmo nmero de eltrons.

Carga NuclearTem influncia em elementos qumicos de mesmo perodo. Quanto maior a carga nuclear maior a atrao do ncleo pelos eltrons perifricos, isto , menor ser o tomo e, num mesmo perodo o tamanho do tomo aumenta da DIREITA para a ESQUERDA.NUMA MESMA FAMLIA AUMENTA

NUM MESMO PERODO AUMENTA

Tamanho do onO tamanho de um on diferente do tomo que o originou. Um ction tem um raio menor que o tomo que o produziu. Um nion tem um raio maior que o tomo que o produziu.

Potencial de Ionizao a energia mnima necessria para retirar um eltron de um tomo neutro isolado no estado gasoso, ou seja, a energia necessria para retirar 1 eltron de um tomo (ou on) isolado, na fase gasosa. Quanto menor for o tomo maior ser a dificuldade para retirar seu eltron, isto , maior ser a energia de ionizao, e quem possui maior tamanho tem menor energia de ionizao.NUMA MESMA FAMLIA AUMENTA

NUM MESMO PERODO AUMENTA

As setas indicam o sentido que cresce a energia de ionizao. Os gases nobres apresentam as maiores energias de ionizao.

1 Energia de Ionizao a energia mnima necessria para retirar um eltron de um tomo neutro isolado no estado gasoso produzindo um ction monovalente.

2 Energia de Ionizao a energia mnima necessria para retirar um segundo eltron de um ction monovalente gasoso produzindo um ction bivalente.

Afinidade Eletrnica a energia liberada pelo tomo, isolado no estado gasoso, quando recebe um eltron originando um nion. A afinidade eletrnica aumenta conforme o raio atmico diminui.

NUMA MESMA CCCFAMLIA

NUM MESMO PERODO*No definimos afinidade eletrnica para os GASES NOBRES.

Eletronegatividade a tendncia que os tomos tm de atrarem (receber) eltrons. A eletronegatividade aumenta conforme diminui o tamanho (o raio atmico). (Obs.:Eletropositividade o oposto da eletronegatividade).

Quanto maior a eletronegatividade maior o carter ametlico e quanto maior a eletropositividade maior o carter metlico.

NUMA MESMA CCCFAMLIA

NUM MESMO PERODO*No definimos afinidade eletrnica para os GASES NOBRES.

Eletropositividade a tendncia que os tomos tm de DOAR eltrons.

NUMA MESMA FAMLIA

NUM MESMO PERODO*No definimos afinidade eletrnica para os GASES NOBRES.

Exerccios1. (UNESP) Associar os nmeros das regies da tabela peridica esquematizada a seguir com:

I II

III

IV

V

VI VII

a)( b)( c)( d)(

) os metais alcalinos, ) os no-metais, ) os gases nobres, ) os metais de transio.

2. (UFMG) Considere o grfico a seguir, referente produo mundial, de 1980, dos metais mais comumente usados.

A anlise do grfico permite concluir que todas as afirmativas esto corretas, EXCETO: a)( ) O metal mais produzido no mundo um metal de transio. b)( ) O metal representativo menos produzido, entre os relacionados, tem massa molar igual a 82 g/mol. c)( ) O segundo metal mais produzido pertence ao mesmo grupo do boro. d)( ) Os metais de transio relacionados pertencem primeira srie de transio. 3. (CESGRANRIO) Uma das utilizaes da Classificao Peridica dos Elementos o estudo comparativo de suas propriedades. Dos elementos a seguir, aquele que, ao mesmo tempo, mais denso que o BROMO e tem maior potencial de ionizao do que o CHUMBO o: a)( ) N b)( ) O c)( ) Ge d)( ) Fe e)( ) Kr

4. (UEL) Na classificao peridica, a energia de ionizao dos elementos qumicos AUMENTA: a)( ) das extremidades para o centro, nos perodos. b)( ) das extremi